Ebserh lança edital de processo seletivo para vagas de médicos no HU-Unifap

As especialidades são Cirurgia Pediátrica, Hepatologia e Medicina Intensiva.

A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) lançou edital para provimento de seis vagas para o cargo de médico, uma vaga para médico – cardiologia e uma para médico – geriatria. Os profissionais selecionados atuarão no Hospital Universitário da Universidade Federal do Amapá (HU-Unifap/Ebserh), vinculado à estatal. O salário-base é de R$ 10.463,79 para carga horária semanal de 24h.

As inscrições deverão ser feitas via internet no endereço eletrônico www.ebserh.gov.br – Seção Concursos e Seleções, no período de 11/09/2023 até às 23:59h do dia 22/09/2023 (inscrições foram prorrogadas), e obrigatoriamente mediante preenchimento do Formulário Eletrônico de Inscrição, anexação de currículo, diploma e documentação comprobatória dos títulos e experiência profissional a serem pontuados.

O Processo Seletivo Público Simplificado – PSS 79/2023 – Ebserh/HU-Unifap visa atender à necessidade de serviços essenciais do hospital por tempo determinado.

 

Confira os detalhes por meio deste link.

 

Sobre a Ebserh

Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Ebserh foi criada em 2011 e, atualmente, administra 41 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência. Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) ao mesmo tempo que apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas e inovação.

Jovem Descolado: Governo do Amapá e Sebrae oportunizam qualificação profissional para mais de 400 pessoas

Serão trabalhados modelos de negócios, características socioemocionais e comportamentos empreendedores com os alunos


Ampliando as oportunidades de inserção no mercado de trabalho para a juventude, o Governo do Amapá, em parceria com o Sebrae, iniciou nesta segunda-feira, 18, as primeiras aulas do projeto Jovem Descolado, que vai capacitar 450 pessoas de 18 a 29 anos em Macapá, Santana e Porto Grande.

Ao longo de dois meses, a trilha profissional terá 35 aulas em 4 eixos de capacitação, com foco em modelos de negócios, características socioemocionais e comportamentos empreendedores. O público-alvo é formado por jovens em situação de vulnerabilidade social.

A política pública, coordenada pela Secretaria de Estado de Assistência Social e a Secretaria Extraordinária de Políticas para a Juventude (Sejuv), busca reduzir as taxas de desocupação, desemprego e informalidade da juventude amapaense.

“O Jovem Descolado vai impactar e transformar positivamente a vida desses quase 500 jovens. Eles terão a oportunidade e a possibilidade de trabalhar competência técnicas, cognitivas e emocionais visando o fortalecimento do currículo para ingressar no mercado de trabalho”, ressalta a secretária da Juventude, Priscila Magno. À frente do Jovem Descolado desde 2019, a gestora de projetos do Sebrae, Thaís Tabosa, conta que um dos diferenciais do programa é trabalhar a área comportamental dos alunos, para que eles possam desenvolver competências importantes para o mercado de trabalho e a abertura consciente de novos negócios.

“É muito comum a gente ouvir empresários que contratam por currículo, mas demitem por comportamento. Nós tentamos minimizar isso aqui no Jovem Descolado, deixando esses jovens preparados emocionalmente para enfrentar as novas perspectivas do mercado”, explica Thaís.  Balcão de oportunidades

Ao final do processo de capacitação, no dia 17 de novembro, acontecerá no Sebrae um ‘Balcão de oportunidades’. Os jovens irão apresentar os conhecimentos adquiridos em uma dinâmica de grupo, como uma espécie de vitrine para empresas locais, que poderão contratá-los, conforme o perfil desejado.

Formado em Administração, Gleison Duarte, de 29 anos, busca no Jovem Descolado a capacitação necessária e a melhor maneira possível para ingressar no mercado de trabalho e abrir seu próprio negócio.

“Eu busco muito essa capacitação para melhorar meu desenvolvimento pessoal e profissional. É uma experiência maravilhosa pra mim, que quero abrir a minha empresa. Nada melhor que o Jovem Descolado para me ajudar quanto ao meu objetivo”, afirma Duarte.

A estudante Evelin Costa, de 20 anos, enxerga o projeto como uma oportunidade de aprimorar seus conhecimentos e ingressar no mercado de trabalho para alcançar a sua independência financeira. 

“É a minha primeira vez no Jovem Descolado. Eu vim aqui em busca de conhecimentos que vão abrir as portas do mercado para mim. Espero sair daqui empregada para, assim, ajudar minha mãe na renda de casa, que atualmente está sozinha”, conta a jovem. 

Acadêmica de pedagogia, Estefane Pinheiro, espera que o programa traga capacitação e informação para prepará-la para o mercado de trabalho. A partir da oportunidade do primeiro emprego, ela sonha em investir no empreendedorismo. 

“O Jovem Descolado vai agregar muito na minha vida. Estando dentro do mercado, vou aprender coisas que eu não sei, que a gente só aprende na prática. Com a renda do meu primeiro emprego pretendo investir no meu negócio próprio. Vamos empreender!”, expressa a jovem. 

Transformando vidas

Desde 2017, o programa Jovem Descolado oportunizou o acesso à capacitação profissional para mais de 2 mil pessoas nos municípios de Macapá, Santana, Laranjal do Jari e Oiapoque. A edição 2023, com apoio do Governo do Estado, busca trazer protagonismo à juventude, promovendo competência empreendedora.

Participante da primeira edição do projeto, na época com 18 anos, Glenda Duarte, atualmente com 24, é formada em Psicologia e está no mercado de trabalho como consultora de gestão estratégica de pessoas. Credenciada pelo Sebrae como facilitadora do projeto, a psicóloga terá a oportunidade de compartilhar seus conhecimentos para nova geração de alunos em sala de aula.

“Eu era uma pessoa muito retraída, muito na minha, quieta. Eu não sabia qual era a minha potencialidade como pessoa e profissional. O projeto Jovem Descolado me ajudou muito a me descobrir como ser humano e como o profissional que eu sou hoje. Pra mim é uma satisfação imensa ser instrutora do projeto hoje. Aqui é o lugar para que os jovens compreendam a si mesmos e transformem a sua vida”, relata Glenda.

Com percentual de vagas dedicadas às mulheres, SENAI Amapá e Grupo Equatorial ofertam curso de eletricista


Mercado aquecido, formação profissional de excelência e necessidade de pessoas qualificadas. Esses são os elementos que juntos, fazem da Escola de Eletricistas do Grupo Equatorial, em parceria com o SENAI Amapá, um programa de sucesso. O objetivo é a formação de profissionais para atuar no setor de distribuição de energia elétrica.

Direcionada para jovens e adultos maiores de 18 anos, e sem idade limite para se inscrever, a nova turma é formada com 35% das vagas direcionadas para mulheres, que reforça o compromisso da concessionária com a garantia da representatividade feminina e igualdade de gênero nas operações do setor elétrico.

Tatiani Paiva, aluna da Escola de Eletricistas, reforçou que enxergava a profissão como predominantemente masculina, mas viu na Escola de Eletricistas a oportunidade de realizar um sonho. “Esse curso vai mudar a minha vida, pois sempre tive vontade de ser uma profissional desse segmento. Nunca é tarde para realizar um sonho”, pontuou.

A diretora de Operações do SENAI, Alyne Vieira, define a parceria entre as instituições como um casamento. “Nós entramos com a qualificação da mão de obra e a Equatorial e as empresas parcerias com a oferta de emprego para esses profissionais formados, o que resulta em um casamento entre SENAI e mercado de trabalho”, declarou.

Para a gerente de Gente e Gestão da CEA Equatorial, Rayssa Assunção, a empresa tem o compromisso com o desenvolvimento profissional. “Queremos qualificar mão de obra especializada para atuar no setor elétrico e com isso garantir qualidade de vida para as pessoas e seus familiares”, frisou.

Sobre o curso

A qualificação possui carga horária de 40 horas semanais, totalizando três meses e meio de formação. Os estudantes desenvolvem habilidades técnicas na área, além de raciocínio lógico, comunicação e relacionamento interpessoal, ampliando a empregabilidade dos participantes.

No curso serão ministradas também, aulas de condução de veículos de médio e grande porte utilizados pelas empresas do Grupo Equatorial.  Os estudantes recebem ainda, uma ajuda de custo mensal para auxiliar na conclusão da formação.

Gerência de Comunicação Corporativa SESI/SENAI – AP

Governo do Amapá promove campanha sobre riscos de acidentes de trabalho

Movimento ‘Abril Verde’ busca conscientizar empresas e órgãos públicos sobre a necessidade de oferecer um ambiente seguro para os funcionários.

O Governo do Amapá inicia na terça-feira, 11, a campanha Abril Verde para conscientizar empresas e órgãos públicos sobre a importância de um ambiente de trabalho que ofereça condições seguras para os funcionários exercerem suas atividades. A programação terá ações de saúde, blitze educativas e audiências públicas e faz parte da Campanha Nacional de Saúde e Segurança do Trabalhador.

No Amapá, a estratégia é coordenada pela Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS) em parceria com Ministério Público do Trabalho (MPT), Superintendência Regional do Trabalho (SRTE-AP) e Serviço Social da Indústria (Sesi).

A superintendente da SVS, Margarete Gomes, explica que as ações irão abordar temas sobre riscos de acidentes e prevenção até 28 de abril, data instituída pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) como o Dia Mundial da Segurança no Trabalho, em homenagem às 78 vítimas de um acidente ocorrido em uma mina na Virgínia, nos Estados Unidos.

“É importante ressaltar que o assunto não fica restrito apenas ao Abril Verde, mas é o momento que evidenciamos a importância de prevenir os acidentes de trabalho”, completou Margarete.

Segundo dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan) da SVS, em 2022, o Amapá contabilizou um total de 1.102 acidentes de trabalho.

“Durante nossa programação, vamos reforçar a importância de um olhar diferenciado para o assunto com foco na prevenção e riscos”, disse o gerente do Núcleo de Vigilância em Saúde do Trabalhador  da SVS, Regiclaudo Silva.

Confira a programação do Abril Verde:

• 11 de abril – terça-feira
Blitz Educativa em canteiros de obras da construção civil em Macapá
Responsáveis: SVS/NVST; SESI; MTE; CISTT/CES

• 13 de abril – quinta-feira
Audiência Pública de Obrigatoriedade das Notificações de Acidentes e Doenças do Trabalho do Ministério Público do Trabalho (AP-PA)
Público-alvo: gestores municipais de saúde (secretários e coordenações de vigilância e atenção primária de saúde); Gestores e das Unidades Hospitalares e demais instituições convidadas.
Local: Auditório do MP/AP, na Avenida FAB, em frente à Praça da Bandeira, Centro de Macapá
Horário: 9h às 12h

• 18 de abril – terça-feira
Blitz Educativa em canteiros de obras da construção civil em Santana
Responsáveis: SVS/NVST; SESI; MTE; CISTT/CES
Horário: manhã

• 25 de abril – terça-feira
Ação de saúde com oferta de vacinação, testes rápidos, aferição de pressão arterial, teste de glicemia capilar, consulta de enfermagem para mototaxistas de Macapá
Local: Sesi Saúde – Avenida Ernestino Borges 257, Centro de Macapá
Horário: 9h às 11h
Responsáveis: NVST/SVS; SESI/AP e órgãos parceiros

• 26 de abril – quarta-feira
Ação de Saúde com oferta de vacinação, testes rápidos, aferição de pressão arterial, teste de glicemia capilar e de enfermagem para mototaxistas de Santana
Local: Faculdade Madre Tereza, em Santana
Horário: 9h às 11h
Responsáveis: NVST/SVS; SESI/AP e órgãos parceiros

• 28 de abril – sexta-feira
Ato público em memória às vítimas de acidente de trabalho no Amapá.
Local: Monumento do Marco Zero do Equador, em Macapá
Hora: 8h30
Responsáveis: MTE; SESI, SVS/NVST; CISTT/CES; MPT-PA/AP

Entidades públicas e privadas debatem desenvolvimento territorial do Amapá em evento do SESI SENAI


Instituições públicas, privadas e especialistas de diversas áreas se reuniram na sede do SESI SENAI Amapá para discutir soluções que tragam crescimento econômico ao Amapá. O Workshop SESI SENAI de Desenvolvimento Territorial do Amapá é um momento de receber parceiros do setor da indústria e sociedade civil.

Para a superintendente do SESI e diretora de operações do SENAI, Alyne Vieira, o evento foi um momento de pensar em oportunidades para a região. “A proposta é discutir junto às instituições, parceiros, setor público e privado da indústria os gargalos e necessidades já identificados pelo território, para que a partir de um planejamento participativo possamos ter iniciativas mais assertivas, gerando oportunidades para o Amapá”, concluiu.

A programação contou com a apresentação das análises prévias e, atividades em grupo focadas em eixos identificados ao longo da realização do trabalho. O primeiro, tratou sobre o fortalecimento do sistema de ciência e tecnologia, assim como a ampliação da capacidade de geração e difusão do conhecimento.

No segundo grupo destacou-se a infraestrutura e a logística existentes no estado e o terceiro debateu o eixo temático sobre o fortalecimento do setor produtivo. Seus objetivos foram contribuir para a validação de conjunturas e problemáticas, bem como na proposição de soluções em conjunto para os apontamentos apresentados pelos pesquisadores.

Para Sergio Kelner, pesquisador da Fundação Joaquim Nabuco do Ministério da Educação, é um momento para pensar em soluções. “Realizamos um trabalho norteador, com informações para auxiliar essas entidades, governo, empresas e pesquisadores na busca de soluções que possam desenvolver o estado”, explicou.


Fortalecimento de negócios

Com o objetivo de promover o debate com instituições para a promoção de projetos de inovação no bioma amazônico, o SESI SENAI Amapá convidou o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Instituto Amazônia+21 para difundir boas práticas para negócios sustentáveis na Amazônia Legal.

O diretor adjunto do Instituto Amazônia+21, Guilherme Gonzales, detalha que a agenda é fundamental para o fortalecimento da produção sustentável no Amapá. “Com o apoio do SESI e do SENAI Amapá, as empresas locais podem ter soluções para se desenvolver de forma segura e sustentável, e assim fortalecer o seu negócio”, concluiu.

Gerência de Comunicação Corporativa SESI/SENAI – AP

Programa de Aprendizagem Industrial do SENAI abre oportunidade para jovens entrarem no mercado de trabalho


Direcionada para jovens de 14 a 24 anos, a Aprendizagem Industrial é o programa de formação técnica e profissional para jovens em ocupações específicas da indústria. É direcionada para adolescentes e jovens que estão estudando ou já concluíram o ensino médio, e abre perspectivas de emprego.

Como o caso da jovem Laura Beatriz, 19 anos, que faz o curso Assistente Administrativo no SENAI e trabalha na Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, Os Correios. Ela atua dentro da empresa, recebendo o apoio e a orientação de um monitor, além de ter o acompanhamento da equipe pedagógica da instituição de ensino.

“O aprendizado é repassado de maneira organizada, ou seja, os alunos absorvem de maneira prática e objetiva os conteúdos repassados pelos instrutores em sala e quando vamos para o posto de trabalho já sabemos como fazer”, frisa Laura.

Além de ingressar em uma carreira, a jornada iniciou em um momento fundamental da vida da jovem. “Quando me inscrevi no processo seletivo dos Correios, ainda não estávamos na pandemia e logo após tudo fechou e eu perdi as esperanças de uma colocação no mercado, mas para minha surpresa, em janeiro de 2022 fui chamada”, completa.

A interlocutora do Programa de Aprendizagem Industrial do SENAI, Gisele Nascimento, destaca a importância de se investir na formação dos estudantes. “A aprendizagem permite que o jovem desenvolva as capacidades técnicas e de gestão que serão utilizadas durante toda a sua vida profissional. Somos a porta de entrada para um mundo, em que eles aprendem uma profissão e têm a oportunidade de receber seus primeiros salários”, pontua.

“O programa é bom para a Laura, que terá um diploma do SENAI ao final do curso e com uma grande bagagem profissional; e para a empresa, que pode preparar o jovem conforme seus valores, além de cumprir a cota da aprendizagem”, finaliza a supervisora.

Edital 2023 de reserva de vagas

Para este ano, o SENAI Amapá abriu dois editais de Processo Seletivo para reserva de vagas nos cursos do Programa de Aprendizagem Industrial. No total são 465 vagas direcionadas ao atendimento das demandas de empresas industriais contribuintes. O PS atende o cumprimento da cota de aprendizes, com oferta para Macapá e Santana.

Para fazer parte, as empresas interessadas devem, até o dia 16 de janeiro de 2023, entrar em contato com o SENAI. O formulário poderá ser entregue de forma presencial na secretaria escolar da Unidade Operacional onde o aluno será matriculado, em horário comercial ou via e-mail: [email protected].

Todas as orientações sobre a seleção constam no edital publicado em: ap.senai.br/senai/processo-seletivo. Para informações, as empresas podem acionar o SENAI por e-mail: [email protected] ou pelo WhatsApp: (96) 98406-1825.

Comunicação Corporativa SESI/SENAI – AP

SESI e SENAI Amapá abrem 60 vagas gratuitas para curso de Energias Renováveis, em Santana

O edital de bolsas é direcionado a jovens que vão iniciar o Ensino Médio em 2023

Por meio de concurso de bolsas, em 2023, jovens do município de Santana poderão cursar gratuitamente o Ensino Médio e, ao mesmo tempo, a habilitação técnica em Sistemas de Energia Renovável. Essa é a oferta do edital aberto pelo SESI e SENAI Amapá. Ao todo, são 60 vagas, distribuídas em duas turmas, e abertas para a comunidade, dependentes de industriários e de empresas conveniadas.

O documento completo do processo seletivo está disponível em www.ap.sesi.org.br e a inscrição deve ser realizada até 1º de dezembro, em duas etapas. Após preencher os dados no site, o candidato deve entregar os documentos exigidos, digitalizados, pelo e-mail [email protected], ou, presencialmente, na Escola SESI de Macapá.

A seleção tem como critério principal a renda familiar mensal, que não pode ultrapassar dois salários mínimos, e será por meio de prova de conhecimento. O teste para os candidatos será realizado nas dependências da unidade Macapá, no dia 5 de dezembro, das 15h às 18h. A avaliação será composta por 30 questões objetivas de múltipla escolha, contemplando 15 questões de Língua Portuguesa e 15 questões de Matemática. A divulgação do resultado final está prevista para 7 de dezembro.

“Em sintonia com a Base Nacional Comum Curricular, o Novo Ensino Médio do SESI agrega à formação geral um itinerário de formação técnica ofertado pelo SENAI. Em 2023, as instituições trazem o curso  Sistemas de Energia Renovável como uma novidade e levando em consideração o crescimento da área no mercado de trabalho, principalmente por causa das demandas de sistemas fotovoltaicos e de energia eólica”,  destaca a responsável pelo processo seletivo, Sandra Silva.

Novo Ensino Médio

As matrizes de referência curricular do Novo Ensino Médio foram construídas na perspectiva de áreas de conhecimento e módulos do itinerário formativo, baseado no desenvolvimento de competências. Dessa forma, o aluno tem a oportunidade de concluir a educação básica e, ainda, um curso técnico profissional. Na prática, ao longo dos três anos escolares, o estudante faz a seguinte trilha:

1º ano – formação geral (SESI) + módulo mundo do trabalho (SENAI);

2º ano – formação geral para a área industrial (SESI) + módulo integrador (SENAI);

3º ano – formação geral para a habilitação técnica (SESI) + módulo específico (SENAI).

O edital com todas as informações do processo pode ser acessado no site do SESI Amapá, na área Vestibulinho. Informações pelo WhatsApp (96) 98414-0132.

ASCOM/SESI SENAI

Sebrae e parceiros promovem Feira Innova Amapá

A exposição apresenta uma vitrine de negócios digitais, inovações tecnológicas e bioeconomia

Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Amapá (Sebrae) e parceiros realizam a Feira Innova Amapá. O objetivo é promover um conjunto de ações com foco no futuro dos negócios digitais e de bioeconomia, que inspiram visitantes e expositores. A programação acontece na sede da instituição, no Salão de Eventos Macapá e estacionamento, nos dias 21 e 22 de outubro, sexta e sábado, respectivamente, das 15h às 21h.

De acordo com o gerente da Unidade de Soluções Inovadoras e Competitivas do Sebrae no Amapá (Unic), Bruno Castro, o evento é uma apresentação e exibição expositiva e para comercialização de produtos e serviços focados na inovação e bioeconomia, mediante a promoção e geração de negócios para o Ecossistema de Inovação do Amapá.

“A iniciativa faz parte do Programa Inova Amazônia do Sebrae, apresenta aos visitantes produtos tecnológicos de jogos, pich, agência de serviços digitais; e conta com a participação de startups, instituições de ensino, ciência e pesquisa; e exposição de empresas de bioeconomia inovadora”, disse o gerente da Unic/Sebrae/AP, Bruno Castro.

Critérios

O Programa Inova Amazônia do Sebrae, é uma estratégia focada em apoiar, desenvolver pequenos negócios, startups, empreendimentos e ideias inovadoras que tenham como premissa a preservação, conservação, uso sustentável dos recursos da biodiversidade do bioma Amazônico e a utilização sustentável de recursos naturais da Amazônia Legal.

Exposição

A Feira Innova Amapá fomenta o mercado da bioeconomia e tecnologias escaláveis ofertadas pelas startups, e recebe a visita de empresários do segmento, estudantes e sociedade em geral; exposições empreendedoras de pessoas físicas; instituições parceiras; Microempresas (ME); Empresas de Pequeno Porte (EPP) e do Ecossistema de Inovação amapaense.

Coordenação

A Feira Innova Amapá é coordenada pelo gerente da Unic/Sebrae/AP, Bruno Castro; gestora do Programa Inova Amazônia no Amapá e analista da Unic/Sebrae/AP, Josseli Pantoja; além da equipe da Unic/Sebrae/AP.

Parceiros

São parceiros do Sebrae, na Feira Innova Amapá, Governo do Estado do Amapá (GEA); Prefeitura Municipal de Macapá (PMM); Comunidade Tucuju Valley; Associação Amapaense de Tecnologia (Amapatec) e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

ASCOM Sebrae no Amapá   

*Governador eleito, Clécio Luís, destaca a importância de uma reforma tributária no Amapá, durante encontro com a Fecomércio*


O governador eleito, Clécio Luís, e o vice, Teles Júnior participaram ontem (11), de reunião na Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Amapá, Fecomércio. O encontro contou com a participação de empresários e representantes do setor produtivo do Amapá.

“Esse é um momento muito importante. É a minha primeira reunião institucional como governador eleito. Nós queremos desenvolver o estado, gerar emprego e renda. É será uma prioridade estratégica e agradecemos o convite e receptividade da Fecomércio”. Pontuou Clécio.

Durante a reunião foram entregues ao governador, dois documentos. Um deles elaborado por empresários de todo o estado, e o outro por empreendedores do setor de turismo.

Para o presidente da Fecomércio, Ladislao Monte, boa parte das propostas que constam no documento já estão no plano de governo de Clécio. “Pelo que acompanhamos do governador eleito, quando estava em campanha, muito do que nós buscamos para os setores primário e secundário, já está entre suas propostas. Mas nós temos uma preocupação muito grande, pois estamos em uma ilha. Nós vendemos pouco para o estado do Pará. Então nós precisamos desenvolver o setor primário e secundário para desenvolver o Amapá”. Ressaltou Ladislao Monte.

Para o governador eleito, o Amapá precisa promover uma reforma tributária capaz de simplificar o atual sistema. “Precisamos gerar mais competitividade para o estado, e com uma reforma tributária é possível. Alem disso é necessário garantirmos mais transparência no processo de licenciamento ambiental; Continuar o processo de repasse das terras que estão sendo transferidas para o estado, para os seus devidos donos que hoje são posseiros; Investir no setor primário tanto no agronegócio quanto na agricultura familiar, para atrair indústrias e promover a verticalização ”. destacou Clécio.

Ao final da reunião, o governador eleito ressaltou a importância dos representantes do setor produtivo fazerem parte do governo de forma participativa. “Todas as decisões que formos tomar relacionada ao setor econômico do Amapá, queremos antes discutir com os senhores que estão na ponta, no dia a dia”, finalizou Clécio.

Assessoria de comunicação – Clécio Luís

Oportunidade de estágio no MPF para estudantes de nível superior do Amapá

Edital, publicado nesta quarta-feira (31), prevê cadastro reserva para candidatos dos cursos de direito e secretariado executivo

O Ministério Público Federal (MPF) lançou, nesta quarta-feira (31), edital de processo seletivo para formação de cadastro reserva de estagiários de nível superior. As oportunidades são para estudantes dos cursos de direito e secretariado executivo de instituições conveniadas. É importante que os interessados fiquem atentos às datas e às regras definidas no edital.

De 8 a 13 de setembro, em link a ser disponibilizado no site www.mpf.mp.br/ap, ocorrem as inscrições preliminares. Já o período de confirmação das inscrições vai de 14 a 18 de setembro. Na ocasião, os candidatos deverão encaminhar, por e-mail, a documentação exigida no edital. As provas objetivas e discursivas estão marcadas para 9 de outubro, no período matutino, em local a ser definido e divulgado.
Os candidatos selecionados vão formar cadastro reserva e serão convocados conforme a demanda do órgão. Com carga horária de 20h semanais e 4h diárias, o estágio oferece bolsa de R$ 976 e auxílio-transporte de R$ 11 por dia de trabalho. É direito do estagiário o seguro contra acidentes de trabalho e o recesso remunerado de 30 dias por ano. As atividades a serem desempenhadas estão relacionados ao curso em formação.

Assessoria de Comunicação Social
Ministério Público Federal no Amapá

SENAI Amapá está com edital aberto para empresas que desejam reservar vaga de aprendiz


O SENAI Amapá lançou edital de Processo Seletivo para reserva de vagas nos cursos do Programa de Aprendizagem Industrial de Macapá. No total são 210 vagas direcionadas ao atendimento das demandas de empresas industriais contribuintes e não contribuintes. Além de cumprir a cota estabelecida em lei, por meio do certame a entidade auxilia na inserção dos jovens no mercado de trabalho.

As empresas interessadas têm até o dia 21 de julho para entrar em contato, mediante preenchimento de formulário. Uma vez relacionado o número de vagas que deseja, o responsável deve entregar o documento na Secretaria do Centro de Formação Profissional Macapá, localizado na Av. Pe. Júlio Maria Lombaerd, 2000, Santa Rita ou via e-mail: [email protected].

Após a efetivação da reserva, as empresas deverão encaminhar o candidato selecionado à secretaria da Unidade do SENAI em Macapá. Para garantir a vaga, os aprendizes deverão ser encaminhados para efetivação da matrícula no período de 21 a 29 de julho. Todas as orientações constam no edital 2022/6 publicado em: ap.senai.br/senai/processo-seletivo

Para maiores informações ou dúvidas, as empresas poderão procurar diretamente a Escola do SENAI, pelo endereço de e-mail ou pelo WhatsApp ((96) 98406-1825

ASCOM/SENAI

SESI Amapá promove seminário para tratar da importância da conscientização sobre Saúde e Segurança no Trabalho


Para concluir as ações do mês dedicado à conscientização sobre Saúde e Segurança no Trabalho (SST), o SESI Amapá promoveu nesta quinta-feira, 28, o Seminário Técnico Abril Verde. A programação teve como intuito dar visibilidade ao movimento, que tem como principal objetivo contribuir para a diminuição dos acidentes e das doenças laborais, além de marcar o Dia Mundial da SST e Dia Nacional em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho.

A campanha também chama a atenção para a importância do cuidado com a saúde total do indivíduo e da necessidade de promoção de iniciativas focadas no bem-estar físico e mental dos trabalhadores.

A proposta do evento foi mostrar que por meio do investimento em ações de prevenção e promoção da saúde, as empresas ganham em produtividade, e consequentemente têm rentabilidade financeira. O encontro contou com mais de 70 participantes, entre profissionais de SST de diversas empresas do estado e estudantes.

O engenheiro do trabalho do SESI Amapá, Marconi Cruz, ressaltou a importância do movimento Abril Verde, sobretudo porque é uma oportunidade de tratar temas relevantes sobre a SST. “O seminário foi muito positivo, porque conseguimos reunir os profissionais e estudantes para a troca de informações. Aproveito para destacar a relevância do assunto, tendo em vista o advento do eSocial e as novas normas que vieram para ajudar ainda mais as empresas na atenção com a saúde e segurança do trabalhador”, completou.

Em sua participação no evento, o técnico de segurança no trabalho da empresa Você Telecom, Humberto Coelho, mencionou a parceria com o SESI e a importância de promover ações focadas da qualidade de vida do trabalhador. “Na empresa, já atuamos com iniciativas que visam a saúde e segurança das nossas equipes e, agora, com o apoio do SESI, conseguimos avançar ainda mais e envolver um grande número de colaboradores”, salientou.

Palestras

Na programação, que iniciou com um momento de ginástica laboral, foram ministradas cinco palestras. Prevenção de LER/DORT, pela fisioterapeuta ergonomista do SESI Amapá, Karla Guedes; A atuação da auditoria fiscal do trabalho na fiscalização do cumprimento das normas de segurança e medicina do trabalho, pelo auditor fiscal do trabalho, Tiago França.

Também foram abordados os temas Vigilância em saúde do trabalhador: princípios, avanços e desafios, pela médica do trabalho do CEREST/AP, Maria Helena. O monitoramento da saúde ocupacional como ferramenta de prevenção de doenças relacionadas ao trabalho, pela enfermeira do trabalho do SESI Amapá, Klingerly Leão; e PGR x insalubridade e periculosidade x LTCAT e eSocial, pelo engenheiro do trabalho do SESI Amapá, Marconi Cruz.

Assessoria de Comunicação/SESI

Justiça do Trabalho Itinerante atende seis municípios do Amapá na semana que vem

O projeto Justiça do Trabalho Itinerante começa suas ações de 2022 em seis municípios do Amapá, na semana de 14 a 18 de março, atendendo os municípios de Pracuúba, Calçoene, Amapá, Itaubal, Santana e Macapá.

“O objetivo do projeto é garantir o acesso à Justiça do Trabalho pela ampliação do atendimento presencial e virtual dos canais de atendimento digital do Fórum Trabalhista de Macapá. A estimativa de atendimento é de cerca de 1,5 mil processos e aproximadamente 3 mil pessoas em 2022”, explica o juíz do Trabalho, Jônatas Andrade, coordenador do projeto.
Em 2021, em função da pandemia, as ações ocorreram apenas no segundo semestre.  Foram realizadas cinco jornadas abrangendo a região da Capital, o norte do estado  e a região das ilhas do Pará e Amapá.
Já em 2022 serão realizadas o dobro de ações/semanas do ano passado, com 10(dez) jornadas atendendo todos os municípios da jurisdição do Amapá.
Veja o cronograma de atendimento itinerante da Justiça do Trabalho da semana que vem, com locais e horários.

SESI e SENAI Amapá lançam seleção de estagiários

 

O SESI e o SENAI Amapá estão com processo seletivo aberto para contratação de estagiários para as Unidades de Macapá, Santana e Vale do Jari. Os interessados em participar têm o período de 7 a 11 de março para enviar currículo, seguindo as orientações previstas no edital publicado no site www.ap.senai.br ou www.ap.sesi.org.br.


As vagas são destinadas para estudantes que estejam cursando, a partir do 3º semestre, Administração, Contabilidade, Design e/ou Publicidade e Propaganda (Comunicação), Pedagogia e Educação Física. Os estagiários receberão uma bolsa auxílio correspondente a 70% do salário mínimo vigente no momento da contratação.

A seleção contará com etapas de caráter eliminatório, e inicia com a análise curricular, seguida de avaliação de conhecimentos de Português e Informática, comprovação documental, dinâmica de grupo e entrevista. O processo terá validade de 12 meses a contar da data de publicação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período.

Mais detalhes em: https://bit.ly/3MgM6WN

SESI e SENAI Amapá realizam processo seletivo para contratação de pessoal

Por meio de edital publicado nesta terça-feira, 15 de fevereiro, o SESI e o SENAI Amapá iniciaram processo seletivo para contratação de pessoal. Focadas em quatro áreas para ocupar a função de técnico operacional, as vagas são para as unidades de Macapá e Santana. A fase de envio do currículo vai acontecer no período de 16 a 19 de fevereiro, e será realizada exclusivamente pelo e-mail [email protected].

COMUNICADO_PROCESSO_SELETIVO_002_2022

Os interessados devem acessar o site www.sesi.org.br ou www.ap.senai.br para obter todas as informações e orientações do certame. O documento que rege a seleção está publicado na aba de Processos Seletivos. Estão sendo ofertadas vagas para técnico nas áreas de Mercado, Análise de Dados, Psicologia e Tecnologia da Informação, considerando requisitos específicos para cada uma.

No assunto do e-mail, o candidato deverá informar o número e o título da vaga, além do nome completo. O currículo a ser enviado deve estar em formato PDF, conter as informações necessárias para análise, e, obrigatoriamente, um endereço de e-mail. Deverá ser encaminhada juntamente com o currículo, a declaração de vínculo de parentesco e o termo de consentimento para o tratamento de dados pessoais no processo seletivo devidamente preenchido e assinado.

O resultado final será publicado nos sites do SESI e do SENAI Amapá, contendo uma lista geral com os nomes dos candidatos aprovados e cadastro de reserva, por ordem classificatória. O processo seletivo terá validade de 12 meses a contar da data da publicação do resultado final no site, podendo ser prorrogado por igual período.

O e-mail será a única forma de comunicação entre a instituição e o candidato, por ele será realizada a convocação para as etapas subsequentes. A contratação do aprovado ocorrerá pelo regime celetista, e será realizada de acordo com a necessidade das instituições.

Gerência de Comunicação Corporativa

SENAI Amapá abre vagas para cursos gratuitos de qualificação profissional

 

Com 680 vagas abertas para cursos, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) do Amapá oferece oportunidades de qualificação profissional para pessoas com idade a partir de 14 anos nas modalidades semipresencial e online. As inscrições começam no próximo dia 14 de outubro e a previsão para o início das aulas é dia 03 de novembro.

São cursos de Agente de Produção e Consumo Sustentáveis; Assistente Administrativo; Auxiliar de Contabilidade; Assistente de Recursos Humanos; Costureira sob medida – Modelagem, corte e costura; Prototipagem de Produtos de Vestuários e Operador de Computador.

As vagas fazem parte do programa de gratuidade do SENAI para formar novos profissionais aptos para o mercado de trabalho. Das sete ofertas, quatro serão na modalidade online e três de forma semipresencial distribuídos nas Unidades de Macapá, Santana e Vale do Jari.

Os candidatos podem acessar o edital aqui. Os interessados devem realizar a matrícula em www.ap.senai.br na aba Matricule-se. Maiores informações ou dúvidas podem ser tratadas pelo número (96) 3084-8930 ou pelo Whatsapp (96) 98406-1825.

 

Qualificação Profissional

A qualificação profissional é destinada às pessoas que buscam a formação e desenvolvimento de competências de um determinado perfil profissional definido no mercado de trabalho ou que tenham a necessidade de se requalificar.

Inscrições em processo seletivo para 80 vagas de estagiário mediador e conciliador iniciam hoje (09)

O Tribunal de Justiça do Amapá publicou o edital para o Processo Seletivo de Estagiário Conciliador/Mediador 2021. Com 80 vagas programadas, as inscrições abrem hoje (quinta) e seguem até 15 de setembro (próxima quarta-feira). Cada selecionado será remunerado com uma Bolsa de Estágio no valor R$ 850,00 (oitocentos e cinquenta reais) além de auxílio transporte. Para acesso ao edital e link de inscrição, clique aqui: https://www.ejap.online/ps2021estagio

Todo o processo seletivo será coordenado pela Escola Judicial do Amapá.
A seleção está destinada a estudantes regularmente matriculados nas instituições FAMA, CEAP, ESTÁCIO FAMAP e SEAMA, META, UNIFAP, IFAP, FABRAN, IMMES e UNINTER. Para concorrer, cada candidato também deve apresentar certificação de conclusão de curso/formação em conciliação e mediação (conforme a Resolução nº 125/2010 CNJ).

Edital e link para inscrição – que é gratuita e totalmente online – estarão disponíveis a partir desta quinta-feira (09 de setembro) no Portal da EJAP.

Governo do Estado abre processo seletivo com 201 vagas para professores, pedagogos e tecnólogos

 

O Governo do Amapá, através de sua Secretaria da Educação (Seed-AP), divulgou nesta terça-feira, 10, editais dos Processos Seletivos Simplificados para contratação temporária e formação de cadastro reserva de professores para atuarem na Educação Básica nas Escolas Indígenas Estaduais localizadas em 51 aldeias situadas nos municípios de Oiapoque, Pedra Branca do Amapari e Laranjal do Jari, durante o ano letivo, de acordo com a demanda do Sistema Estadual de Educação.


Ao todo, estão sendo ofertadas 201 vagas assim distribuídas: 165 vagas para professor da educação básica, 31 vagas para pedagogo e outras 5 vagas para tecnólogo em informática educativa, além de cadastro reserva para todos os cargos ofertados.

As inscrições serão realizadas no período de 10 a 13 de agosto, exclusivamente pelo Portal Processo Seletivo, www.processoseletivo.ap.gov.br, onde também estão disponível os editais.

Vagas

Confira os tipos de vagas, cargos e quantitativos por município:

Confira o Quadro de vagas dos Anos Finais do Ensino Fundamental, Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos:

Remuneração e jornada de trabalho
Os cargos de professor da educação básica, pedagogo e tecnólogo de informática educativa têm carga horária semanal de trabalho de 40 horas, com remuneração salarial de R$ 3.300,00.

Etapas
O processo seletivo está dividido em duas etapas: Inscrição no portal do Processo Seletivo e Prova de Títulos.
A 2ª etapa consiste no envio dos documentos comprobatórios. O candidato deverá organizar 01 (um) único arquivo em formato PDF com a documentação comprobatória informada no ato da inscrição, sem rasuras, visível, com numeração em cada página, na sequência apresentada no edital e 01 (uma) foto 3×4, seguindo a orientação contida no Anexo IV.

Cronograma
Inscrições: 10 de agosto a 13 de agosto.
Resultado Preliminar: 17 de agosto.
Recursos: 18 de agosto.
Resultado Final da 1ª Etapa: 21 de agosto.
Convocação dos Aprovados para entrega de documentos: 21 de agosto.
Envido de Documentação: 22 de agosto a 25 de agosto.
Resultado Preliminar da Prova de Títulos: 26 de agosto.
Recursos: 27 de agosto.

Órgãos do Governo do Estado retomam atendimento presencial, mas reforçam serviços on line

 

O Governo do Amapá segue com o plano de retomada gradual e responsável de atividades nos setores públicos. Mesmo funcionando de forma presencial, os órgãos públicos do governo do Estado reforçam atendimento via internet, inclusive para agendar atendimento presencial.
O último decreto foi assinado esta semana pelo governador Waldez Góes, com as novas medidas de flexibilização, válidas por 15 dias, que têm como base os baixos índices do covid-19 no estado.

Usuários ainda precisam fazer agendamento prévio e obedecer a protocolos de prevenção a covid-19.

Acompanhe os atendimentos e serviços que estão disponíveis e que foram ampliados ao cidadão de forma presencial mediante agendamento prévio, com regras de circulação e horários limitados:

• Departamento Estadual de Trânsito -Detran
Atendimentos presenciais são realizados de segunda à sexta das 8h as 12h, apenas com agendamento prévio pelo www.detran.ap.gov.br. A média diária de atendimento é de 80 usuários.
Serviços:
Podem ser solicitados serviços sobre a habilitação, como a primeira CNH e desbloqueio de CNH, retirada do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV), liberação de veículos retidos em blitz, entre outros serviços infrações e de cunho administrativo.
Mesmo com o retorno de 100% do quadro de funcionários, os serviços também permanecem ocorrendo de forma online, e os atendimentos presenciais podem ser agendados pelo site do departamento.

• Instituto de Terras do Amapá

Os Atendimentos presenciais estão funcionando apenas por agendamento via whatsApp (99123-7816) de segunda à sexta das 8h as 14h.Com limite de cinco atendimentos diários.
Serviços:
Dúvidas acerca de regularização fundiária, acompanhamento de processos e confecção de croqui de área rural.

• Instituto de Defesa do Consumidor -Procon

O agendamento para o atendimento presencial pode ser feito via whatsApp (99903-1558) e também indo ao prédio do órgão localizado na avenida Henrique Galucio, 1155B, esquina com a rua Jovino Dinoá, no centro de Macapá.
O atendimento funciona de segunda a sexta das 8h as 13h30.
Canais de atendimento:
[email protected]
[email protected]
– Disk Denúncia 151
– Cartório para informações e atendimento ao consumidor e fornecedor – 33121021

• Super Fácil Educação

Os atendimentos presenciais retornaram esta semana de 8h as 13h, mas só podem ser realizados via agendamento. Para agendar o atendimento presencial, a população deve acessar o portal de serviços do governo. A capacidade de atendimentos diários é de 160 usuários.
O Prédio fica localizado no centro administrativo da Secretaria de Educação (Seed) no centro de Macapá.

Serviços:
O Super Fácil Educação disponibiliza mais de 90 serviços aos servidores e estudantes da rede de ensino amapaense:
– Encaminhamentos, solicitações de serviços no próprio portal, agendamentos para atendimentos presenciais, orientações, cadastramentos, transferências.
– Serviço de solicitações documentais, para aquisições de documentos como: declarações, certificados, certidões, licenças, ofícios, contra-cheques.
– Além de Serviços de ouvidoria, destinados para denúncias, reclamações, sugestões e avaliações.

Tratamento Fora Domicílio (TFD)
Os atendimentos presenciais do programa retornaram ainda no mês de julho, respeitando os protocolos de prevenção, somente às terças e quintas, das 8h as 13h, no prédio da Secretaria de Saúde (Sesa) , que fica na Av. FAB, nº 69, bairro Central. Apesar da retomada na modalidade presencial, o serviço online foi mantido e fortalecido.
Confira os canais de comunicação do TFD:
– E-mail geral: ([email protected])
– Telefone: (96) 98423-4381 e (96) 999118843
– Ajuda de custo e complementações financeiras: [email protected]
– Exclusivo para solicitar passagem de retorno ao Amapá: [email protected]

Todos os órgãos estão tomando as medidas de prevenção ao novo coronavírus como o uso de máscaras de proteção facial, álcool disponível para servidores e usuários, e distanciamento social.

MPT PA-AP reabre inscrições para Processo Seletivo de Estágio

O Ministério Público do Trabalho no Pará e Amapá (MPT) reabriu as inscrições para o Processo Seletivo de Estágio 2021. O novo prazo segue até o dia 16 de agosto. A oportunidade é destinada ao preenchimento de vagas e formação do quadro de reserva de estagiários dos cursos de Administração/Gestão Pública, Biblioteconomia, Direito, Jornalismo, Publicidade/Propaganda e Tecnologia da Informação. As vagas são direcionadas para atuação na sede do órgão em Belém e nas Procuradorias do Trabalho de Marabá, Santarém e Macapá (AP).

A data de aplicação dos exames também sofreu alteração. Para os alunos de Direito será no dia 26/08, e para os candidatos dos demais cursos no dia 27/08, pela plataforma LimeSurvey, com início às 10h. As provas serão compostas por questões objetivas, de múltipla escolha, para todos os cursos, com conteúdo específico e língua portuguesa. Para Direito, Jornalismo e Publicidade e Propaganda haverá ainda uma questão subjetiva, conforme previsto no edital de abertura.

O candidato deverá realizar a pré-inscrição no site do MPT PA-AP. A confirmação só será obtida após o envio, de forma digitalizada, dos documentos listados no edital. O material deve estar, preferencialmente, em um único arquivo em formato PDF que não ultrapasse o tamanho total de 1Mb. Após o encerramento, uma lista provisória de inscrições homologadas será divulgada no site da instituição.

A jornada de estágio é de 4 horas diárias, 20 semanais, com concessão de bolsa no valor de R$ 850,00 mensais mais auxílio-transporte de R$7,00 por dia estagiado. O Processo Seletivo terá validade de 12 meses, a contar da data de divulgação do resultado final da seleção, podendo ser prorrogado por igual período no interesse da administração.

 

Clique aqui para ver os editais e fazer a sua inscrição.