SENAI Amapá abre vagas para cursos gratuitos de qualificação profissional

 

Com 680 vagas abertas para cursos, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) do Amapá oferece oportunidades de qualificação profissional para pessoas com idade a partir de 14 anos nas modalidades semipresencial e online. As inscrições começam no próximo dia 14 de outubro e a previsão para o início das aulas é dia 03 de novembro.

São cursos de Agente de Produção e Consumo Sustentáveis; Assistente Administrativo; Auxiliar de Contabilidade; Assistente de Recursos Humanos; Costureira sob medida – Modelagem, corte e costura; Prototipagem de Produtos de Vestuários e Operador de Computador.

As vagas fazem parte do programa de gratuidade do SENAI para formar novos profissionais aptos para o mercado de trabalho. Das sete ofertas, quatro serão na modalidade online e três de forma semipresencial distribuídos nas Unidades de Macapá, Santana e Vale do Jari.

Os candidatos podem acessar o edital aqui. Os interessados devem realizar a matrícula em www.ap.senai.br na aba Matricule-se. Maiores informações ou dúvidas podem ser tratadas pelo número (96) 3084-8930 ou pelo Whatsapp (96) 98406-1825.

 

Qualificação Profissional

A qualificação profissional é destinada às pessoas que buscam a formação e desenvolvimento de competências de um determinado perfil profissional definido no mercado de trabalho ou que tenham a necessidade de se requalificar.

Escola da rede estadual ensina música para estudantes utilizando materiais recicláveis

 

Buscando motivar os estudantes para retornar de forma presencial ao ambiente escolar, a escola estadual Mário Quirino da Silva, zona sul de Macapá, realiza a oficina de música Batukelata, com instrumentos feitos a partir de materiais que foram descartados de forma irregular no meio ambiente. A ideia é trabalhar a interdisciplinaridade entre música e reciclagem.

Durante as aulas são reutilizados como instrumentos musicais: pneus velhos, tonéis de combustível, galão de combustível, latas de tinta, baldes de manteiga e cabos de vassoura.

Para o estudante da 1ª série do ensino médio, Juliano Lucas Silva, ficar muito tempo em casa alimentou a vontade de participar de novos projetos.

“Durante a pandemia fiquei muito tempo em casa e quando vi que a escola ia retornar com uma oficina de música, eu não pensei duas vezes em participar. Foi bem diferente ter a experiência com os instrumentos que nos foram apresentados, mas é importante saber que esses objetos podem ter outras utilidades”, afirmou Juliano.

 

Segundo o professor de música Alex Moizinh Jesus, responsável por ministrar as oficinas, a ideia principal é trabalhar a musicalidade através de materiais reaproveitáveis.

“Trabalhar com esses materiais recicláveis é importante, pois vemos todos os dias que a quantidade de lixo despejada é muito grande. Então, a oficina prioriza a utilização de objetos recicláveis e o desenvolvimento desses estudantes na percepção musical, trabalhando a coordenação motora e a conscientização ambiental”, completou Moizinh.

Prefeitura de Macapá autoriza retorno das atividades educacionais 100% presenciais

A Prefeitura de Macapá divulgou nesta terça-feira (28), o Decreto Municipal no 5.251/2021-PMM que dispõe sobre os critérios para a continuidade das atividades econômicas, sociais e escolares e define as medidas sanitárias de prevenção ao coronavírus no período de 29 de setembro a 28 de outubro de 2021.

Autorização vale para a rede de educação pública e particular da capital

Entre outras alterações, o novo documento autoriza a retomada das atividades educacionais na forma 100% presencial em todas as séries da rede pública e particular de ensino, desde que observadas todas as recomendações de higiene e distanciamento.

Na rede pública, o formato virtual será exceção para os alunos que os pais declararem a capacidade do uso de tecnologias digitais de informação e comunicação, e que se responsabilizem em pegar e entregar na escola os materiais e atividades oferecidos. Na rede privada, as escolas que já executam o plano híbrido de ensino poderão dar continuidade à modalidade.

Confira o documento na íntegra em anexo.

5251-2021- Abertura gradativa das atividades econômicas

Prefeitura Municipal de Macapá

http://www.macapa.ap.gov.br/

 Unifap oferta mais de 5 mil vagas em cursos de extensão

 

A Universidade Federal do Amapá (UNIFAP), torna público as inscrições para preenchimento de vagas imediatas e cadastro reserva para cursos de Extensão universitária vinculados ao Programa de Formação, Aperfeiçoamento, Qualificação Profissional e Idiomas – PROFID. As vagas contemplam os municípios de Macapá, Santana, Mazagão, Vitória do Jari, Laranjal do Jari, Porto Grande, Ferreira Gomes, Tartarugalzinho, Pracuúba Serra do Navio, Pedra Brancaz Oiapoque, Calçoene, Amapá, Cutias e Itaubal.

Os cursos têm como público-alvo acadêmicos, servidores da UNIFAP e pessoas da comunidade em geral. As aulas serão realizadas de forma remota.

– O Projeto de Extensão Libras para a Comunidade disponibilizará 1100 vagas imediatas para o Curso de Libras níveis I, II e III.

Inscrições e envio de documentações pelo link: https://forms.gle/JgEauYqGfXNFePxKA

EDITAL: https://www2.unifap.br/profid/files/2021/09/EDITAL-01-LIBRAS-PARA-COMUNIDADE.pdf .

– O Projeto de Extensão Jovem Visionário disponibilizará 1200 vagas imediatas para os cursos: Empreendedor Júnior; Gestor de Redes Sociais e Auxiliar Home Office Júnior.

Inscrições pelo link: https://forms.gle/V9cJ4MdvGXwT4RNf8

EDITAL: https://www2.unifap.br/profid/files/2021/09/EDITAL-002-JOVEM-VISION%c3%81RIO.-PROFID-20.09.21.pdf .

– O projeto de extensão Curso de Formação de Tradutores e Intérpretes de Libras Português do Amapá disponibilizará 60 vagas.

Inscrições: https://forms.gle/3EE9zdp22a7dd3m29

EDITAL: https://www2.unifap.br/profid/files/2021/09/EDITAL-003-FORMA%c3%87%c3%83O-TILSP.-PROFID-20.09.21.pdf .

– O Projeto de Extensão Formação de TILSP E IV E V Níveis de Libras disponibilizará 700 vagas imediatas para o Curso de Libras IV e V.

Inscrições: https://forms.gle/vwJGvr63ooyAxVdG7

EDITAL: https://www2.unifap.br/profid/files/2021/09/EDITAL-004-IV-E-V-N%c3%8dVEIS.-PROFID-20.09.21.pdf .

– O Projeto de Extensão Escreve Amapá disponibilizará 480 vagas imediatas para o curso de Redação do ENEM/Vestibulares (com distribuição em oito turmas, sete turmas de alunos ouvintes e 1 turma de alunos surdos sinalizantes, isto é, que saibam se comunicar na Língua Brasileira de Sinais – Libras) de preenchimento imediato.

Inscrições: https://forms.gle/Rjrv1V45K7PiS7Tw5

EDITAL: https://www2.unifap.br/profid/files/2021/09/EDITAL-05-ESCREVE-AMAP%c3%81.pdf .

– O Projeto de Extensão Literaturas do Norte disponibilizará 250 vagas imediatas para o Curso de Literaturas do Norte: Vozes e escritas da Amazônia. O curso tem como público-alvo professores, educadores sociais, alunos de graduação em Letras e de áreas afins, alunos oriundos de cursos de pós-graduação em Letras e de áreas afins, profissionais de Letras e de áreas afins, bibliotecários, profissionais e/ou pesquisadores de cadeias produtivas do livro, escritores, editores e demais interessados no tema.

Inscrições: https://forms.gle/9n2Lk1d8JRcFru6D9

EDITAL: https://www2.unifap.br/profid/files/2021/09/EDITAL-06-LITERATURAS-DO-NORTE.pdf .

– O Projeto de Extensão GEOHISTÓRIA: Metodologias do Ensino da Geografia e da História disponibilizará 40 vagas.

Inscrições: https://forms.gle/9qbJefPm8cs86Wvb8

EDITAL: https://www2.unifap.br/profid/files/2021/09/EDITAL-07-GEOHIST%c3%93RIA.pdf .

– O Projeto de Extensão Jovem Bilíngue disponibilizará 1490 vagas para os Cursos de Idiomas Nível Básico I e II e Nível II. O curso tem como público-alvo jovens a partir de 16 anos da comunidade em geral.

As inscrições para os cursos de inglês e francês nível II, os candidatos deverão anexar no formulário de inscrição para conclusão do nível I-60h.

O formulário eletrônico estará disponível somente nos dias programados e o acesso será na página do processo seletivo pelo link https://www2.unifap.br/profid/ (https://www2.unifap.br/profid/jovem-bilingue/)

EDITAL: https://www2.unifap.br/profid/files/2021/09/EDITAL-08-JOVEM-BILINGUE.pdf .

 

Inscrições para o Processo Seletivo/Campus Santana Unifap seguem até o dia 19 de Setembro

 

A Universidade Federal do Amapá (UNIFAP) publicou EDITAL com as regras a realização do Processo Seletivo 2021 (PS UNIFAP/SANTANA 2021), destinado a selecionar candidatos para o provimento de vagas nos cursos de graduação presenciais, através de nota do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), nas Edições 2019 e 2020. Serão disponibilizadas 150 vagas para o ano letivo de 2021. As inscrições para o PS UNIFAP 2021 serão realizadas, exclusivamente, via internet, no endereço eletrônico https://depsec.unifap.br/concursos/, as inscrições prosseguem até o dia 19 de setembro de 2021.

Para concorrer às vagas, o candidato deve ter realizado o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) 2020 ou 2019, e concluído o ensino médio ou equivalente até o período de habilitação e matrícula.

Cinquenta por cento das vagas serão destinadas aos candidatos que cursaram o ensino médio integralmente em escolas públicas. Antes de efetuar a inscrição, o concorrente deverá se certificar de que preenche todos os requisitos exigidos no Edital. As vagas são para os cursos de Filosofia, Letras — Português e Pedagogia. O resultado do certame deve ser publicado em 8 de outubro no site do Departamento de Concursos e Processos Seletivos (Depsec). As matrículas irão ocorrer no período de 13 a 15 de outubro.

Projeto Samaúma das Palavras marca reabertura de visitações escolares no Museu Sacaca

 

 

O Museu Sacaca reabriu as portas para visitações escolares na última semana. O que marcou o reinício das atividades foi aniversário do projeto Samaúma das Palavras, que incentiva a leitura e promove manifestações artísticas no espaço. A programação reuniu aproximadamente 40 alunos de uma escola da rede particular de ensino.

As visitas escolares estiveram suspensas por cerca de um ano e seis meses. A reabertura contou com aproximadamente 40 alunos participando de atividades no espaço.

Para que a atividade voltasse a ocorrer foi montado um protocolo sanitário e as crianças foram divididas em várias equipes de no máximo cinco alunos.

“Após praticamente um ano e seis meses voltamos a ter uma escola participando de um evento aqui no museu, mas seguindo todo o cuidado necessário devido a covid-19. Esperamos poder continuar com essas programações”, destacou a coordenadora do Museu, Eliane Oliveira.

 

Durante a programação as crianças visitaram os ambientes do Museu Sacaca e participaram das atividades como contação de histórias infantis, jogos de tabuleiros e leitura de contos em quadrinhos.

“A volta desse espaço para visitação de estudantes é importantíssima, pois, nesse momento difícil que passamos poder mostrar às crianças um ambiente diferente traz descontração e um aprendizado maior para os nossos alunos”, declarou a coordenadora escolar, Maria Conceição.

Para alavancar as atividades dentro do Museu Sacaca, a coordenação já prepara os últimos detalhes para realizar na segunda quinzena deste mês o evento Primavera dos Museus.

Projeto Samaúma das Palavras

É um programa que reúne diversas atividades literárias com contação de histórias e apresentação de contos, como “A Lenda da Samaúma”. As ações do espaço ainda reúnem exercícios lúdicos e de incentivo à leitura.

O Governo do Amapá, a partir de 2019, investiu na estruturação, tanto do projeto, quanto de um espaço adequado à recepção dos visitantes e que estivesse totalmente integrado ao ambiente. Anteriormente o espaço era um trailer, mas que estava parado e era totalmente descaracterizado do ambiente natural do museu.

Primeira escola do Território Federal do Amapá, Barão do Rio Branco recebe visitas de personagens de sua história. Entrega será no sábado

 

Nesta terça-feira, 31, ex-alunos e ex-professores fizeram uma visita a escola Barão do Rio Branco, que é uma das escolas mais tradicionais do Amapá, e foi inaugurada em 20 de abril de 1946, entregue pelo primeiro governador do Amapá,  Janary Nunes. Ela será entregue no próximo sábado, 4, pelo governador Waldez Góes.

Escola Barão do Rio Branco. Foto: Lilian Monteiro

A instituição leva o mesmo nome da Praça que fica bem em frente. Mas desde 2014, a Escola funcionava em um prédio alugado na Avenida Iracema Carvão Nunes, entre Tiradentes e General Rondon, e atendia cerca de 570 alunos do ensino fundamental do 6º ao 9º ano.


Waldez Góes disse que A visita antecipa a inauguração da escola. “A Barão do Rio Branco passa pelos preparos finais para receber a comunidade escolar durante o retorno gradual das aulas presenciais e híbridas. A inauguração oficial acontece neste fim de semana. Com certeza é emocionante a entrega desta escola que faz parte da memória do amapaense”, explicou o governador.

O sociólogo e escritor, Fernando Canto foi um dos ex-alunos que estudou na Barão do Rio Branco e disse que está encantado com o resgate da escola. “Que lindo esse resgate, faz parte da nossa história, memória e identidade de todos nós amapaenses”, conclui.


As obras contaram com o investimento de R$ 6.407.130,45 do tesouro estadual para restauração de toda infraestrutura do prédio. A escola tem 75 anos de história e tradição.


O valor destinado foi investido em reformas da fachada da escola, das salas administrativas, salas de aula, biblioteca, salas multimídias, laboratórios de ciências, laboratórios de informática, banheiros, cozinhas, refeitório, telhado completo, quadra poliesportiva, além de serviços de reparo total na parte elétrica e hidráulica da escola.

Nova programação do SENAI Amapá oferta cursos presenciais

Ideal para quem quer melhorar o currículo e ter mais oportunidades de emprego, nova programação de cursos do SENAI Amapá é lançada, com ofertas presenciais, semipresenciais e a distância. São opções de iniciação, aperfeiçoamento e qualificação profissional, além de habilitação técnica.

As ofertas são disponibilizadas na Loja Mundo SENAI (www.loja.mundosenai.com.br/ap) e por lá o interessado pode realizar a matrícula. Também há a possibilidade de inscrição presencial, nas unidades de Macapá e Vale do Jari.

Mais informações sobre os valores dos cursos podem ser obtidas pelos números (96) 3084-8923/8930 ou 98406-1825.

MPF dá 10 dias para a UNIFAP informar sobre o pedido de fechamento de cursos no Oiapoque

 

O reitor da Universidade Federal do Amapá tem 10 dias para apresentar informações ao Ministério Público Federal (MPF) sobre os pedidos das coordenadorias de 3 dos 8 cursos oferecidos pela UNIFAP no Campus Binacional do Oiapoque para que não sejam abertas novas turmas no próximo processo seletivo. Tratam-se dos cursos de Direito, Enfermagem e História. A “notícia de fato” do MPF entregue em mãos ao reitor Júlio Sá nesta terça, 24, foi motivada pelo ofício enviado pelo deputado federal Camilo Capiberibe (PSB). Ele tomou a iniciativa após ter sido procurado por estudantes do Oiapoque preocupados com o esvaziamento do campus na fronteira. Após o envio do ofício, o Camilo foi informado que o curso de Biologia também pediu para não abrir novas turmas.


O MPF afirma ao reitor Júlio Sá que, “apesar da autonomia universitária” “também deverá haver respeito ao direito fundamental à educação”, e alerta que “o Campus Binacional da Unifap está localizado no município de Oiapoque/AP, cujo Índice de Desenvolvimento Humano – IDH (0,658) está na 2946º colocação no ranking nacional, conforme CENSO 2010”, abaixo da média nacional. “A Universidade tem um papel social importante para o desenvolvimento daquela comunidade na fronteira e do Amapá como um todo”, afirma o deputado Camilo.

A notícia do risco de fechamento dos cursos de Direito e de Enfermagem no Campus Binacional do Oiapoque surgiu no início do ano. Na época, o deputado Camilo anunciou uma emenda individual de R$ 1 milhão para aquela unidade. Com o senador Randolfe Rodrigues (Rede), defendeu recursos de emenda da Bancada Federal no orçamento de 2021, que reservou R$ 12 milhões para a instituição. Em acordo com o reitor Júlio Sá, R$ 2 milhões destes, além da emenda do deputado Camilo – somando R$ 3 milhões –, foram destinados ao Campus Binacional com a condição de manter os cursos de Enfermagem e de Direito. Além disso, Camilo coordenou o envio de ofícios à UNIFAP e ao MEC pelos quais os deputados e senadores amapaenses apresentaram sua insatisfação com a tentativa de esvaziamento do Campus Binacional.

Projeto “Era uma vez”: MP-AP e Tjap inauguram polos de leitura na comunidade do Ambrósio, em Santana

 

O Ministério Público do Amapá (MP-AP), por meio do Núcleo de Mediação, Conciliação e Práticas Restaurativas (NMCPR) da Promotoria de Justiça de Santana, deu início ao  projeto “Era uma vez…” inaugurando neste sábado (14), cinco polos de leitura na comunidade do Ambrósio, em Santana. O projeto consiste na organização de espaços físicos, para atender crianças na faixa etária de 4 a 12 anos, com objetivo de auxiliar esse público infantil no processo de leitura e escrita, compartilhar princípios da Justiça Restaurativa e ofertar círculos de diálogos para todos os envolvidos no projeto.

Alguns polos de leitura funcionarão em residências dos próprios moradores da área, nos turnos da manhã, tarde e noite, conforme disponibilidade dos monitores e facilitadores voluntários. Os locais receberam materiais lúdicos, como livros, revistas, lápis, pincéis, massa de modelar e papéis. Além disso, os pais poderão emprestar os livros, se assim desejarem, para estimular a leitura em família.

O projeto é desenvolvido em parceria com o Tribunal de Justiça do Amapá (Tjap), e tem apoio da Assembleia Legislativa do Amapá, Prefeitura de Santana, Secretaria Extraordinária de Juventude de Macapá, Coordenadoria de Políticas para a Juventude de Santana, DEV Mineração, Federação do Comércio do Amapá – Fecomércio/AP, Associação Comunitária da Área Portuária (ACAP), empresa Sambazom,  Amcel e Copermix.

Uma das coordenadoras da iniciativa, promotora de Justiça Silvia Canela, coordenadora do NMCPR, disse que mais de dois mil livros já foram arrecadados, por meio de doações, e que a inauguração dos polos representa um momento de grande emoção.

“O projeto é resultado da experiência da Cooperação entre várias instituições e pessoas que sonham construir um mundo melhor. O projeto foi construído como uma colcha de retalhos onde cada pedacinho é fundamental e de igual importância. Ver os próprios moradores disponibilizando suas casas é realmente muito animador. Devemos nos conscientizar do quanto somos importantes uns para os outros. A pandemia nos mostra o quanto nosso planeta depende do cuidado mútuo e da solidariedade. Todos os seres humanos são importantes e, se conseguimos mudar a vida de uma pessoa, podemos mudar a vida de muitos que estão a sua volta”, disse.

A titular do Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Santana, juíza Carline Nunes, também não escondeu a emoção ao relembrar toda a trajetória do projeto. “O que nos une aqui é o sonho. Todos os parceiros que aceitaram o nosso convite também acreditam nesse nosso sonho: de um país melhor e de um futuro mais digno para as nossas crianças”, disse.

“Eu também me emociono, porque a maior descoberta da minha vida foi aos cinco anos de idade, quando eu aprendi a ler. O que temos aqui é o exemplo da dedicação da promotora Silvia Canela, que trabalha com muito amor nessa causa, parabéns!”, manifestou a procuradora Judith Teles, representando a procuradora-geral de Justiça do MP-AP, Ivana Cei.

Estavam presentes, ainda, o procurador de Justiça Márcio Alves; as promotoras Samille Alcolumbre e Socorro Pelaes; a vice-prefeita de Santana, Isabel Nogueira; o vice-presidente da ACAP, Wanderley Pinheiro; o deputado estadual Jory Oeiras; Raquel Diniz, representando a DEV Mineradora; Heloise Melem, representante da Amcel; professor Luzival Nonato, diretor da Escola Navegantes, local onde foi realizado o evento.

Governo do Estado abre processo seletivo com 201 vagas para professores, pedagogos e tecnólogos

 

O Governo do Amapá, através de sua Secretaria da Educação (Seed-AP), divulgou nesta terça-feira, 10, editais dos Processos Seletivos Simplificados para contratação temporária e formação de cadastro reserva de professores para atuarem na Educação Básica nas Escolas Indígenas Estaduais localizadas em 51 aldeias situadas nos municípios de Oiapoque, Pedra Branca do Amapari e Laranjal do Jari, durante o ano letivo, de acordo com a demanda do Sistema Estadual de Educação.


Ao todo, estão sendo ofertadas 201 vagas assim distribuídas: 165 vagas para professor da educação básica, 31 vagas para pedagogo e outras 5 vagas para tecnólogo em informática educativa, além de cadastro reserva para todos os cargos ofertados.

As inscrições serão realizadas no período de 10 a 13 de agosto, exclusivamente pelo Portal Processo Seletivo, www.processoseletivo.ap.gov.br, onde também estão disponível os editais.

Vagas

Confira os tipos de vagas, cargos e quantitativos por município:

Confira o Quadro de vagas dos Anos Finais do Ensino Fundamental, Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos:

Remuneração e jornada de trabalho
Os cargos de professor da educação básica, pedagogo e tecnólogo de informática educativa têm carga horária semanal de trabalho de 40 horas, com remuneração salarial de R$ 3.300,00.

Etapas
O processo seletivo está dividido em duas etapas: Inscrição no portal do Processo Seletivo e Prova de Títulos.
A 2ª etapa consiste no envio dos documentos comprobatórios. O candidato deverá organizar 01 (um) único arquivo em formato PDF com a documentação comprobatória informada no ato da inscrição, sem rasuras, visível, com numeração em cada página, na sequência apresentada no edital e 01 (uma) foto 3×4, seguindo a orientação contida no Anexo IV.

Cronograma
Inscrições: 10 de agosto a 13 de agosto.
Resultado Preliminar: 17 de agosto.
Recursos: 18 de agosto.
Resultado Final da 1ª Etapa: 21 de agosto.
Convocação dos Aprovados para entrega de documentos: 21 de agosto.
Envido de Documentação: 22 de agosto a 25 de agosto.
Resultado Preliminar da Prova de Títulos: 26 de agosto.
Recursos: 27 de agosto.

Professores ganham ponto exclusivo para recebimento da 2ª dose da vacina contra a Covid- 19 nesta quarta (11)

 

Continuam nesta quarta-feira (11) as ações de vacinação contra a Covid-19 destinadas às pessoas com idade a partir dos 40 anos que ainda não receberam o imunizante e aos que estão no período para a 2ª dose, marcada no cartão de vacina. Também são atendidas gestantes, inclusive as que estão em intercambialidade, que serão imunizadas com Pfizer. A partir deste dia, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) destina um ponto exclusivo para vacinação de 2ª dose dos professores da capital.

A repescagem deste dia é direcionada ao público com idade a partir dos 40 anos. As ações atendem também o público em geral apto a receber a 2ª dose das vacinas Astrazeneca, Coronavac e Pfizer.

1ª dose 40 anos +

O público com idade a partir dos 40 anos vai ser atendido das 8h às 13h na Universidade Federal do Amapá (Unifap), Instituto Federal do Amapá (Ifap), Universidade do Estado do Amapá (UEAP) e nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) Pedrinhas, Rosa Moita, Novo Horizonte, Álvaro Correa, Raimundo Hozanan e Pacoval.

 

 2ª dose de AstraZeneca

A segunda dose da vacina Astrazeneca estará disponível nos pontos de drive-thru das Praças Floriano Peixoto e do Estádio Zerão, Marabaixo e Rodovia do Curiaú. Além destes, este público será atendido na quadra da Igreja Jesus de Nazaré e no Amapá Garden Shopping. Estes pontos funcionarão de 9h às 15h.

De 8h às 13h, o imunizante estará disponível na UBS Pantanal.

Professores

Os professores que receberam a vacina Astrazeneca podem tomar a 2ª dose no Centro de Ensino Profissionalizante Professora Josinete Oliveira Barroso (Cepajob), no Buritizal. Este ponto é exclusivo para a categoria e funcionará das 9h às 15h. Caso queira, este público pode também procurar os outros pontos disponibilizados pela Semsa.

 

2ª dose de Pfizer

O imunizante Pfizer/BioNTech para os que estão no prazo de recebimento da 2ª dose está disponível na UNIFAP, IFAP, UEAP e as UBSs Pedrinhas, Rosa Moita, Novo Horizonte, Álvaro Correa, Raimundo Hozanan e Pacoval, que funcionarão de 8h às 13h.

 

2ª dose de CoronaVac

A aplicação da 2ª dose da Coronavac está disponível das 8h às 13h nas UBSs Cidade Nova, Brasil Novo, Marabaixo e Fazendinha. Além desses pontos, o imunizante estará disponível de 9h às 15h na quadra da Igreja Jesus de Nazaré.

 

1ª dose para gestantes e 2ª dose de Pfizer para gestantes em intercambialidade

As gestantes que ainda não receberam a 1ª dose da vacina, ou que estão em período de recebimento da 2ª dose deverão fazer o procedimento na UBS Leozildo Fontoura, que atenderá esta demanda das 8h às 13h.

 

Documentação

Todos os grupos que receberão a vacina deverão apresentar os originais e cópias de um documento oficial com foto, comprovante de residência e carteira de vacinação. No caso das pessoas que receberão a 2ª dose, a carteira deverá conter a indicação da aplicação da 1ª dose.

 

 

Pedro Ramos de Sousa: um doutor de verdade

*Por Marco Antônio Chagas – Professor da Unifap 

 

 

O genial Ariano Suassuna sempre ironizou o conhecimento dos ricos. Quem quiser entender um pouco mais o significado desse conceito procure o vídeo “Você já foi à Disney?, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=S4zTj2N9ns8.

Pois bem, Suassuna nos faz pensar sobre a “Elite do Atraso”, que em meu entender corresponde ao grupo de pessoas que já foram à Disney, incluindo a categoria que se autointitula “doutor”.

Não vou usar aqui o clichê de que doutor é quem defende tese, pois muitas delas, talvez a grande maioria, estejaempoeirada em uma biblioteca qualquer. Doutor é Ariano Suassuna, mas também são muitos anônimos que estão a nos ensinar os valores da vida e o que realmente importa para além da arrogância do conhecimento dos ricos, por vezes também acadêmico.

Dia 05 de agosto de 2021 a Universidade Estadual do Amapá fez história. Concedeu a Pedro Ramos de Sousa o primeiro título de Doutor Honoris Causa do Amapá. Pedro nunca foi à Disney, nem escreveu uma tese. Pedro simplesmente vez sua vida valer a pena. Pedro dedicou-se a organização dos trabalhadores rurais e extrativistas da Amazônia. Pedro, aos 80 anos, com saúde debilitada e sem assistência do Estado, continua na resistência ao lado dos movimentos socioambientais e fazendo as perguntas que nos faltam.

Em “Olhos d’água”, a escritora e doutora Conceição Evaristo nos aproxima do significado das perguntas que nos faltam ou do que realmente importa… “De que cor eram os olhos de minha mãe?”

Ariano Suassuna, Conceição Evaristo, Pedro Ramos de Sousa são personagens de um Brasil solidário, um Brasil do cuidado, um Brasil que nos afastamos pelo tempo das coisas fúteis e das certezas que nos isolam cada vez mais num mundo de saudades. E por falar em saudades, quem são seusdoutores?

Parabéns UEAP! Parabéns Doutor Pedro Ramos de Sousa!

*Marco Antônio Chagas é professor-doutor do programa de pós-graduação da Unifap e colaborador do blog 

 

 

Diocese de Macapá abre inscrições para novo curso de Fé e Política

Curso será ministrado de setembro de 2021 a agosto de 2022 com encontros on-line

“Contribuir com a formação de lideranças inseridas na participação política, em suas diferentes formas e níveis, a partir de uma reflexão bíblica, teológica, das ciências sociais e da filosofia, para a construção de uma sociedade justa, solidária, democrática, pluricultural e pluriétnica”. Este é um dos principais objetivos do novo curso de Fé e Política realizado pela Diocese de Macapá, por meio das Pastorais Sociais, Conselho Diocesano de Leigas/os, Escola de Fé e Política Padre Luís Carlini, com o apoio do Centro de Estudos Políticos, Religião e Sociedade (Cepres) e da Universidade Federal do Amapá (Unifap).

As inscrições prévias devem ser feitas no período de 2 a 26 de agosto/2021, de forma presencial na Secretaria do Centro de Pastoral, na avenida Padre Manoel da Nóbrega, n° 1000, atrás da Igreja Jesus de Nazaré, e pela Internet no e-mail [email protected].

📲👉Saiba como participar https://cutt.ly/YQot1Te

🗂💻Baixe aqui a ficha de inscrição https://cutt.ly/vQoykMW

 Processo seletivo do SENAI Amapá oferta mais de 200 vagas em cursos gratuitos

 

Para quem deseja se qualificar para o mercado de trabalho, de maneira gratuita e com a facilidade do ensino remoto, chegou a hora. O SENAI Amapá abriu processo seletivo que prevê oferta de 240 vagas em quatro cursos. Os candidatos que desejarem participar devem se inscrever exclusivamente pela internet, no período de 27 a 29 de julho, por meio da Loja Mundo SENAI (https://loja.mundosenai.com.br/ap).

As capacitações terão duração de 2 meses e estão distribuídas da seguinte maneira:

Assistente de Controle de Qualidade – 60 vagas

Desenhista de Produtos Gráficos (web design) – 60 vagas

Assistente Administrativo – 60 vagas

Auxiliar de Produção de Celulose e Papel – 60 vagas

 

Direcionado a candidatos de baixa renda, o edital exige (confira a íntegra do documento aqui: https://bit.ly/3rCfYTj), ainda, que o candidato tenha no mínimo 14 anos completos na data de início do curso, além de possuir habilidades para manusear recursos de internet e do Pacote Office básico. Também é necessário dispor de ferramentas para realização do curso (internet, notebook, computador, celular ou tablet).

Resultado – A lista dos classificados será disponibilizada no site do SENAI Amapá e nas escolas no dia 30 de julho. Caso os aprovados na primeira seleção não compareçam para entrega de documentos, será lançada uma segunda chamada, dia 4 de agosto, com os nomes que ficaram no cadastro reserva. O resultado final será conhecido dia 6 de agosto e as aulas vão iniciar no dia 9 do mesmo mês.

Informações – Dúvidas sobre o processo seletivo poderão ser sanadas pelo endereço de e-mail [email protected] ou pelo WhatsApp (96) 98406-1825.

 

“Gabinete nas Escolas”: em continuidade às inspeções em estabelecimentos de ensino, MP-AP realiza vistoria em creches municipais

O Ministério Público do Amapá, por meio da Promotoria de Justiça de Defesa da Educação (PJDE), realizou, na sexta-feira (23) vistorias em duas creches municipais. O objetivo das inspeções foi verificar os problemas dos educandários, bem como realizar trabalho integrado com diversas instituições públicas responsáveis pela fiscalização da educação na capital amapaense.
Na segunda semana do mês de julho, a equipe da PJDE realizou inspeções nas creches Tio Markel, Wanda Cruz, Eliana Azevedo, Sol Nascente e Ilha Mirím.

Desta vez, as fiscalizações foram realizadas nas creches Patrícia Chucre, no bairro Marabaixo III, e Tia Chiquinha, no Novo Buritizal, zona Sul de Macapá.


Participaram da inspeção: a assistente da educação infantil da Secretaria Municipal da Educação (Semed), Carla Hortência; a assessora jurídica da Procuradoria Geral do Município (Progem), Pâmella Moreira e o representante do Departamento Pedagógico da Semed, Marcio Brito. Por parte da equipe do Convênio n°001/2020/MPAP/UNIFAP/FUNDAPE, estiveram presentes: o coordenador Antônio Barros; a psicóloga Selma Gomes e o arquiteto Humberto Mauro, bem como a equipe da PJDE.A Creche Patrícia Chucre tem capacidade para atender 84 crianças de dois a três anos de idade, ofertando seis turmas. Conforme apurado pela Promotoria da Educação, o educandário precisa de pintura nos muros e um profissional para auxiliar na secretaria escolar. Também foi constatado a necessidade de ampliação das fachadas laterais para evitar que a chuva estrague as paredes. Segundo a diretora Maria Nazira Azevedo, a Vigilância Sanitária também inspecionou o local e realizou solicitações para melhoria na estrutura.

“É muito importante a vinda do Ministério Público à creche. A equipe está de parabéns. É um serviço público. É dinheiro público. E a gente precisa fazer esse controle, pois a estrutura que foi feita para atender nossas crianças precisa de reparos”, afirma Maria Nazira.

Já a Creche Tia Chiquinha atende crianças de um a cinco anos de idade. São 184 crianças matriculadas e 18 professores – conforme informações da direção do educandário. Durante visita técnica, foi averiguado a falta de manutenção e limpeza em quatro bebedouros; necessidade de renovação da pintura do piso e limpeza das salas. Também foi observado que falta central na sala do maternal II; necessidade de substituição de mesas e cadeiras para a turma do 2° período e reparos nos banheiros, entre outras demandas.

De acordo com Márcio Brito, do Departamento Pedagógico, a presença da Secretaria Municipal de Educação serviu para detectar os problemas encontrados e, dessa forma, agilizar a resolução das situações. Ele avaliou a ação de maneira positiva.

“Os próximos passos serão fazer todos os reparos que forem necessários, o cumprimento dos contratos que estão vigentes. Também vamos fazer um levantamento das empresas que estão oferecendo serviço, para execução do cumprimento contratual”, ressalta a assessora jurídica da Progem, Pâmella Moreira.

“A missão do Gabinete nas Escolas é muito importante, pois o objetivo é fiscalizar as estruturas escolares, conforme orientação dos órgãos que inspecionam a educação amapaense. Portanto, agradeço o acolhimento por parte das equipes das creches e também a presença da equipe da Secretaria Municipal de Educação e Procuradoria Geral do Município. Sempre que realizamos ações como essa, a avaliação é bastante saudável. Sentimos que, gradativamente, o avanço na educação chega. O objetivo da PJDE é sempre oferecer educação fraterna e digna a todas as crianças e adolescentes”, declara o titular da Promotoria de Justiça da Educação, Roberto Alvares.

Serviço:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá

Projetos desenvolvidos pela Escola SESI Amapá no período da pandemia são apresentados em congresso internacional de educação

As iniciativas desenvolvidas pela Escola SESI Amapá, sobretudo as trabalhadas no período da pandemia, com foco no acolhimento dos alunos e famílias, foram apresentadas no Congresso Internacional de Volta às Aulas: um novo tempo na educação, promovido pelo Instituto Casagrande. No evento virtual, a superintendente do SESI Amapá, Alyne Vieira, deu detalhes sobre os projetos, durante o painel Cérebro cognitivo e o acolhimento emocional na volta às aulas presenciais.

 

Na exposição, que contou com a visualização de milhares de pessoas, a gestora falou do Projeto Cuca Leve, iniciado como piloto em 2016, com turmas próximas a participar de avaliações. Com a proposta de adotar uma prática de bem-estar emocional, por meio de exercícios de respiração e meditação, ele foi adaptado durante a pandemia e se estendeu às famílias.

 

 

“Desde que iniciamos as oficinas de meditação temos colhido frutos muito significativos. Percebemos que os estudantes agora têm mais domínio do corpo físico, equilíbrio emocional, melhora da concentração, alívio das tensões, além de agirem com mais leveza e espontaneidade na comunicação. E tudo isso foi fundamental no momento que vivemos”, comentou Alyne Vieira.

 

 

No contexto de acolhimento, a superintendente também destacou outras iniciativas que a escola estruturou para estar perto das famílias e dos estudantes, a exemplo do projeto Escola SESI com Você. Uma estratégia adotada no período de férias escolares, com o intuito de oferecer atividades educacionais inovadoras considerando os acontecimentos globais.

 

 

O projeto buscou contribuir para o desenvolvimento do equilíbrio emocional, pensamento crítico, bem-estar do corpo e mente por meio de atividades de autoconhecimento, como os círculos em movimento, oficinas de meditação, alimentação saudável, ginástica funcional e oficinas de teatro.

 

 

O processo de retomada das aulas no formato híbrido também foi tema da exposição. Na oportunidade, foi explicado como a escola se adaptou, não só em termos de infraestrutura e oferta de ferramentas e plataformas educacionais. Mas também dando apoio psicológico aos docentes e estudantes.

 

 

Para quem desejar assistir o painel na íntegra, basta acessar o Canal do Instituto Casagrande no YouTube (https://bit.ly/36UhiYc).

Ifap abre vagas para professor substituto com salário de até R$ 6 mil

O Instituto Federal do Amapá (Ifap) publicou, o , edital para seleção de professores substitutos visando o preenchimento de 16 vagas, distribuídas entre cinco de suas unidades. A remuneração vai de R$ 3.588,85 a R$ 6.289,21, dependendo da titulação do candidato. As áreas contempladas são: Biologia, Construção Civil, Comunicação Social, Filosofia, Gestão/Administração, Língua Portuguesa, Matemática, Química e Recursos Naturais. Os candidatos interessados em uma das vagas devem realizar a inscrição, que custa R$ 100, até o próximo dia 24/7 exclusivamente neste link: https://ifap.edu.br/index.php/component/content/article?id=1416

O referido processo seletivo para docentes será composto por duas etapas: a entrevista, que será feita através da plataforma Google Meet e terá caráter classificatório e eliminatório; e a prova de títulos, de caráter classificatório.

Confira o edital aqui: https://ifap.edu.br/index.php/publicacoes?start=10 

Novo decreto estadual flexibiliza medidas e autoriza retorno gradual das aulas presenciais em agosto

 

O governador, Waldez Góes, assinou nesta segunda-feira, 19, o Decreto nº2498 que flexibiliza os horários de funcionamento do comércio e autoriza o retorno gradual das aulas presenciais nas redes pública e privada em agosto. A queda na transmissão da covid-19 e o alcance da vacinação no Amapá permitem os avanços. A decisão foi tomada em conjunto com as prefeituras e o Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (Coesp) e é baseada na evolução positiva do cenário da pandemia no Amapá, que apresenta taxa de retransmissão menor que 1 há seis semanas; e queda consistente no número de óbitos, internações e de novos casos da doença; resultado das medidas de proteção à vida e à economia adotas pelo governo estadual.

Documento foi assinado nesta segunda-feira, 19. Queda na transmissão da covid-19 e o alcance da vacinação no Amapá permitem os avanços, segundo o GEA.

Leia o decretos e anexos aqui:

https://drive.google.com/file/d/1Y8zYW3C6iGfzt3piZs_mV3OnO0YfPo3Q/view

https://drive.google.com/file/d/1lP7h0_SoJ9hKB7FTM17fO-A88uegLei4/view

Além disso, a imunização contra a covid-19 avança no o estado: 42,80% do público vacinável já recebeu pelo menos a primeira dose de um dos imunizantes disponíveis no estado.

Além disso, a imunização contra a covid-19 avança no o estado: 42,80% do público vacinável já recebeu pelo menos a primeira dose de um dos imunizantes disponíveis no estado.

“Estamos há cerca de quatro meses com segurança no cumprimento das regras sanitárias, aumento da taxa vacinal e com reflexo direto nos indicadores que apontam uma redução na transmissão do vírus. Isso nos garante uma previsão de retormada segura, mas gradual, das aulas, do comércio, e de diversos setores do serviço público”, disse o governador.

Outras medidas

De acordo com o novo Decreto, eventos sociais, corporativos, técnicos e científicos seguem autorizados para o período de 7h às 23h com 50% de ocupação máxima de espaço. No caso dos eventos sociais, o limite é de 100 participantes e 10 funcionários.
Já para os eventos corporativos, técnicos ou científicos, o limite é de 150 participantes e 10 funcionários

Leia o parecer técnico aqui:

https://drive.google.com/file/d/1hmWkNakzYfjwsBqWWEn7Bw07opB5UmR7/view

No decreto em vigor, aumenta em 30 minutos o horário de funcionamento de restaurantes, churrascarias, lanchonete e similares, que agora será das 10h até às 23:30h. O horário de funcionamento dos shoppings centers agora é das 10h às, 21h e dos supermercados, das 7h às, 20h.
A não circulação de pessoas em praças, calçadas, logradouros e vias públicas se mantém das 0h até às 5h manhã (toque de recolher), exceto em casos de emergência.

Lei seca

A venda de bebidas alcoólicas segue permitida, vedado o consumo desses produtos no interior dos estabelecimentos e em locais públicos.