WG 2009

Estou com uma nova admiração pelo governador Waldez Góes.

Tenho ouvido e lido sobre o que ele fala, atentamente.  Tenho me impressionado mesmo, quando o vejo falar sobre o desenvolvimento do Amapá através das diferenças competitivas do estado.

Nosso governador vem trabalhando e discursando na direção, de que a vocação econômica do Amapá, esse “verde território da esperança”, como dizia o poeta Álvaro da Cunha, são os seus diferenciais de biodiversidade, para uso em produtos econômicos para indústria alimentícia, de fármacos, entre outras, além de uma imensidão de possibilidades de pesquisas. O uso do seu potencial madeireiro, em produtos certificados de alto valor agregado mundialmente, e a compensação financeira por preservar a floresta para a saúde da população mundial, através de unidades de conservação, como as reservas indígenas, reservas de desenvolvimento sustentável, reservas extrativistas, parques nacionais, etc…Além da valorização do fato do Amapá fazer a fronteira com a França e a União Européia valorizando essa relação.

Me parece que o discurso e o modelo anterior defendido por Waldez e seus aliados políticos, dançou. O discurso foi reposicionado. A indústria que deve vir para o Amapá é a que trabalha com conceitos mundiais avançados de preservação ambiental e desenvolvimento econômico e social, que trabalha com pesquisa, ciência e tecnologia, e investe em geração e transferência de conhecimento. Jamais seremos competitivos em outros setores econômicos, gerando um balanço ambiental e social negativos.  Não poderíamos realmente ser competitivos plantando soja em nosso cerrado, ou colocando todo o nosso potencial de crescimento e geração de postos de trabalho e renda, nas mãos das mineradoras.

Ainda bem que WG parece que pipocou desse modelo atrasado, explorador e de degradação ambiental.

Mas perdeu tempo precioso, pra quem precisa urgentemente garantir circulação de riqueza e empregos pra sua população que cresce.

È bom ver o estado trabalhando assim. E por isso tendo respeitabilidade nas mesas de debates. Sei que muito desse rumo é dado pelo Secretário Alberto Góes, competente, e colaborador abnegado do governo, e com conhecimento das tendências mundiais para valorização dos produtos amazônicos. Inclusive dos intangíveis.

E outra parte por pressão externa. Não é visto com bons olhos um governador amazônico que não priorize o desenvolvimento sustentável.

Outro dia ao ver o governador falando pensei até que era o ex-governador Capiberibe.

Só vi que não era, por que não ele falava “prrruuugrama” , e por que a voz do Capi é mais lindona.

Ah! O governador já fala as palavras Desenvolvimento Sustentável aqui no Amapá. Tá liberado, pessoal. Pode voltar a falar, sem medo.

  • Acabaram com o PDSA por vaidade politica tentaram implantar um tal de “Amapá produtivo” com a MMX e a Solida siderurgia, mas com toda a Harmonia dedicada para implantar o novo “projeto politico”não observaram que aqui não tem energia Elétrica segura e nem infraestrutura para escoar a produção, mesmo com todo o dinheiro para investimento do governo federal (PAC do Lula) não se vê até hoje nada que se possa justificar a vinda de qualquer industria para essas terras.

  • Nos últimos anos essas palavras que englobam o conceito de sustentabilidade foram jogadas no lixo e esquecidas pelo atual consórcio político que se instala no nosso estado. Isso tudo por vaidade política, medo de continuar um trabalho que foi iniciado pelo Capiberibe. Lembro que nas camapanhas de 2006 e 2008 essa política foi criticada pelo Waldez e seus aliados. Pra mim isso é jogada política para o Waldez se articular na Amazônia e nacionalmente. Uma política de desenvolvimento sustentável não seria bem sucedida apenas no último ano de mandato. Alguém lembra da “parceria nota 10”?

  • Só se dar valor à alguma coisa qndo se perde. ( Uma fé sem obras é uma fé morta!! ). Depois de anos vendo o estado agonizar o seu Alberto vem dizer agora que tem a formula secreta pra tirar o Estado do fundo do poço.( É deve tr mesmo afinal a eleições estão ae. ” SE” eleito assim com o Desgóesverno não vai fazer nada, nada, nada….TUDO ARGUMENTO ARDILOSO PARA INDUZIR O POVO AO ERRO.

  • O governador deve estar muito agradecido….. os psbistas liberaram o direito autoral sobre o tal de desenvolvimento sustentável… ainda bem que continuam proibindo a citação do camapú…..

    • Quem tornou desenvolvimento sustentável palavra proibida foi o próprio governo. Não lembras que ele inventou até um tal de desenvolvimento durável?rsrsrsr
      Quanto ao camapú, você precisa de um giro pela Europa, principalmente à França, pra poder falar do nosso querido camapú.

      • ok….. entao a minha teoria esta correta…. resumindo… é o mesmo marketing da dep. janete fazer caminhadas carregando faixas e o senador gilvam usar as enigmaticas sandalias…

      • complementando….. se o camapú ja tivesse aplicacao industrial que trouxesse alguma expectativa de retorno a qualquer tipo de investimento feito pelo estado outrora, ele nao se chamaria mais camapú, mas bolinha-do-capiberibe, ou capiberibe-do-amapa, afinal, os seus adoram dar nomes as suas invencões…
        nada pessoal……

        • O quilo do camapu (com um nome lindo que não me “arrecordo”) é vendido a 50 pilas e vem da colombia.. É só tu ve la no Fortaleza…

        • Uma pesquisa rápida: Substâncias extraídas do camapu (Physalis capsicifolia Dunal, 1852) são 30 vezes mais potentes que os antiinflamatórios hoje … Para um olhar menos atento, o camapu não passa de mato. …

  • Olha o que o governo sem projeto,sem rumo,sem mando criou:
    “Desenvolvimento com Justiça Social” ?
    “Amapá Produtivo” ?
    “Amapá Empreendedor” ?
    “Amapá Empregador” ?
    “Um Pé no Presente e um Olhar no Futuro”
    “Crescer Faz Parte da Nossa Natureza” ?

    7(sete) anos,o Amapá produziu muita Corrupção,Incompetência,Irresponsabilidade e a Falência do Estado.

  • Concordo com você Alcilene, acho que o governador encontrou o rumo. Podemos notar visivelmente a diferença do governo dele. Também concordo que o Alberto é o cabeça pensante.

  • O PDSA foi uma bandeira levantada pelo PSB não com a preocupação do futuro mas como uma bandeira política. Desenvolvimento Sustentável vai além do PDSA.

  • A gente sente a diferença…claro que ainda falta muita coisa para o Estado melhorar. Reconheço também a boa vontade do Waldez, ele é um político que acima de tudo ama essa terra. Os erros fazem parte, o importante agora é acertar!!!

  • Alcilene, também notei que o Waldez amadureceu muito e que ele tem tido boa vontade. O que ele tem que fazer agora, é se livrar da corja de deputados sangue-sugas e das pessoas que querm saquera o Estado. A parceria com o Roberto tem dado certo.

  • Jesus me acuda! No fim do segundo mandato! Aleluia já! Enquanto isso, os habitantes das margens da Ap 070 ainda “querditam” que o asfalto vai chegar até a beirinha do Araguari. Me sacuda pra ver se acordo, mana! Isso não é culpa só do governo atual, não! É de todos os governos que esqueceram que, sem boas estradas não existe desenvolvimento! Vou dormir que estou cansada de tanto lero-lero e acabei de chegar do mato lá onde a cobra morde pra se defender. beijocas, Lene!

  • se eu tivesse em campanha para o senado, eu também mudaria. agora me fala alcilene, quanto ele ti pagou para escrever esse texto?

    • Júlio César, não sei se vai valer o questionamento. Sou amapaense, mas moro há bastante tempo em S. Paulo, leciono na USP, sou mestre, doutor em Ciências Políticas pela Universidade de Harvard. Gostaria que você sinceramente me explicasse qual é a distinção científica entre teoria e prática em termos geréricos.

        • Alcilene, vc tem um side tão visitado , vc é muito parcial. Diga que o site é pro-cabiberibe do qual seu irmão foi secretário.

          • Claro que sou parcial. E vc está enganado. Meu irmão nao foi secretário do Capi, ele foi secretário no governo de Jorge Nova da Costa.

      • É simples: “Na prática a teoria é outra”, Esse “Booster”jamento do WC não vai mudar a sua praxis… é demais para ele. Ele pode mudar o discurso, mais a trupe (me desculpem os palhaços) do WC vai continuar a mesma. Manu, vem para cá tomar um açai prá tu ver como as coisas estão neste Estado!

        Esse discurso do WC parece umas figuras falando de P.E….

        • VOcê deve ser mai um revoltado com a vida que não reconhece o trabalho das pessoas. Acho que você nem mora no Amapá e fica dando teco a onde não sabe.

          • Quando eu era menino lá em pato branco me ensinaram na faculdade de filosofia que a primeira estratégia de quem não tem argumentos é tentar desqualificar a pessoa que argumeta passando ao largo das idéias em debate… Se a carapuça não te serve desculpas… Mas é demais, sou filho de pioneiros desta terra, os picanços (muitos são filhos de escravos que eram batizados com o nome do senhor) da ilha da madeira e açores vieram para a contrução da fortaleza, conheço a história e a genealogia de minha família de várias gerações, e tu? Es da terra??… (ops desculpa, usar os teus argumentos, mas não resisti…)

  • Parabéns Alcilene, admiro seu modo de se posicinar, pois também consegue falar bem do governador Waldez.Ele realmente é muito inteligente e com o apoio do Dr. Alberto tem feito realmente muito por este estado, é por isso que alberto tem que ser o candidato dele para sussessor.

  • A Escola Walquiria Lima, acabou
    A Escola Candido Portinari, acabou
    O Museo Sacaca, acabou
    O Hotel Escola Bosque do Bailique, nem começou
    O Museo a Céu Aberto do Amapá, fechou
    O CRDS, acabou
    O Hospital de Doenças Tropicais, acabou
    O trapiche Eliezer Levy, acabou
    O bondinho do trapiche Elizer Levy, acabou
    Fabrica de processamento de pescado de Itamatatuba no Bailique, acabou
    Fabrica de processamento de camarão do Igarapé da Fortaleza, nunca funcionou
    Fabrica de processamento de poupas e mel do Igarapé Carneiro no Bailique, acabou
    O CAPSA, acabou
    O Banco do Povo, ninguém mais ouviu falar
    A CEA, faliu
    A CAESA, faliu
    Só porque eu vendi meu voto?

    • ATENÇÃO

      AOS ADMIRADORES DO WALDEZ, LANÇO AQUI UM DESAFIO!!

      LISTAR TRÊS GRANDES OBRAS RELEVANTES QUE O WALDEZ VAI DEIXAR PARA O AMAPÁ, DURANTE SEU MANDATO DE 8 ANOS?

  • Uma coisa temos que reconhecer no Waldez. Ele teve paciência. Não caiu na tentação de utilizar o discurso ambiental para se autopromover e tomou algumas decisões importantes para garantir políticas públicas que contemplassem a sustentabilidade. Apesar das pressoões contrárias, como a bancada da soja na Assembléia, não plantou um pé sequer da bendita por aqui. Não deu sequer colher de chá. Ao invés disso fez um bom projeto de utilização de áreas degradas com agricultura familiar, elaborou um excelente marco regulatório para as florestas de produção, manteve intactos os dispositivos da lei de acesso à biodiversidade proposta ainda pela deptuada estadual Janete Capiberibe, construiu a proposta (belíssima) do corredor de biodiversidade, e mapeou o estado através do por ele chamado de “Amapá Produtivo”, que na verdade é o zoneamento do Estado em áreas de acordo com sua vocação econômica. Que bom isso. E que na campanha do ano que vem, ninguém fique discutindo quem é pai ou dono do “verde”. Porque a população do Amapá já decidiu preservar.

  • Também concordo com você Alcilene, estou começando a ver o Waldez com outros olhos. eu gosto dele e também do Alberto, acho que existe sintonia entre os dois.

  • querida Alcilene, gosto das coisas que você escreve e como escreve. Admiro você e sei que você é uma jornalista que se destaca pela credibilidade e pelas suas fontes que são quentinhas.Quero dizer também que ouvi o Waldez ultimamente em um discurso…ele me surpreendeu! o tempo fez bem à ele.

  • Eu creio que o governador desceu do salto, nunca iriamos ser essa tão falada “ultima fronteira agricola” os investimentos para isso não compensariam. Todos sabemos que o WG é mal assessorado, começando pelo Alberto Góes que pra mim não isso tudo que dizem, um cara muito capacidado e pouco ilumidado, que nem a CEA, suas idéias deram poucos efeitos para nossas vidas, confirmada pelos números. É bom pararmos com essa mania de grandeza, no começo da expofeira escutei de um jornalista que a nova arena estava lotada com 50.000 pessoas, esse jornalista deveria fazer um curso básico de cálculo de area no afã de puxar saco, comete uma garfe desse tamanho, qualquer pesso que entende um pouco de calculo de area sabe que aquela nova arena não cabem 20.000 pessoas, uma por cima da outra. nossos jornalistas são a vergonha da nossa sociedade, não sabem informar, são fracos, não estudam, são puxa sacos! nem todos! é verdade

    • Querido, acho que você que não entende nada de arena e muito menos de calculo,. aliás, não precisa nem ser bom de matemática pra ver que ali na arena tinha muita gente e bem mais que 20 mil pessoas. e outra, o Alberto além de ser o arquiteto da obra é competente sim e não é você quem vai dizer o contrário.

    • Marco leal, você não deve ser “leal” nem aos seus olhos que não conseguiu enxergar o monte de gente na arena da expofeira.vai estudar matemática que é melhor pra você.

    • Coitado de você! não sabe o que fala e muito menos conhece o Alberto. Ele é sim um cara bom no que faz e principalmente um bom administrador. diferente de você que não tem o que fazer e fica escrevendo um monte de bobagens sem conhecer as pessoas. Até o CAPI tira o chapéu pro Alberto que já foi secretário de Meio Ambiente na época que ele era governador. O Alberto saiu do governo CAPI porque preferiu acompanhar o Waldez.E você sabe quem foi uma das pessoas que escreveu o Programa de Desenvolvimento Sustentável do “Amapá” pro CAPI levantar como bandeira política? O Alberto(ele saiu do governo porque viu que a idéia do CAPI era só ganhar voto com o programa). então Marco você não conhece nada da história do Alberto e muito menos a do Amapá.

  • alcilene não se deixe enganar pelas mentiras do desgoésverno se não vou começar a acreditar que vc é a favor de tudo o que esta acontecendo nesse governo que faliu o estado

  • Acho que agora o WG resolveu mentir com mais conhecimento dos interesses de um mundo moderno.
    Mas a verdade é que ele é um péssimo governante, entrou muito dinheiro para nosso estado e o retorno para população foi pouco, os indicadores não mentem.
    O que existe é uma grande maquiagem e a sistematica desinformação da imprensa vendida. Os serviços básicos para população estão um CAOS !!

    • você não sabe o que fala e talvez nem conheça a realidade do Estado. Ou melhor, deve ser um inconformado com o governo Waldez…é claro que muita coisa ainda tem que melhorar, mas o Waldez já fez muito e a população reconhece isso, tamto é que se ele for realmente candidato a senador uma vaga é dele e também se resolver ficar no governo pra fazer o seu sucessor, também vai conseguir.

      • Ele fez muito pelo Edmar Lourinho, pelo Gutemberg, pelo Chico do OVO, pelo Sarney, pelo, Luis melo, pelo Carumbé e por outros da harmonia, agora pelo povo mesmo o que se vê é falta dágua de Luz, de saneamento, de saude…….acho que voce vive em outro mundo.
        Naõ fique cego a nossa realidade, ela é real !! O faz de conta da midia paga contrasta com o que vivemos.

      • Cada um que aparece! Ninguém merece,…Job, acho que tu vives em qualquer planeta desta galáxia, menos no Amapá. O pior dos analfabetos, é o analfabeto político, que fecha os olhos e tapa os ouvidos para os problemas que estão ao seu redor. Provavelmente você não utiliza nenhum serviço público, pra vir aqui dizer que está tudo 100%. Saia de seu mundinho fechado e veja o que está acontecento ao seu redor, meu rapaz.

  • ATENÇÃO

    AOS ADMIRADORES DO WALDEZ, LANÇO AQUI UM DESAFIO!!

    LISTAR TRÊS GRANDES OBRAS RELEVANTES QUE O WALDEZ VAI DEIXAR PARA O AMAPÁ, DURANTE SEU MANDATO DE 8 ANOS?

  • O Alberto Góes, nunca escreveu o PDSA,existem mais de 20 livros sobre o PDSA e em nenhum eu vi o nome do Alberto Góes.Para de Puxa-Saco,teu envolvimento com a quadrilha que saqueou o estado, ainda não foi o bastante.Ele é tão competente que faliram o estado.Agora vivem de mentiras e festas,nada mais.

      • Só se for como enriquecer em 8anos, a custa do erário público, minha família e os baba-ovo do primo valdez..KKKKKKKKKKKKK

  • A força da grana que constroi e destroi coisas belas… estes versos do Caetano me vêm a lembrança quando penso no que poderia ter sido feito neste quase 8 do competemtíssimo des(goes)verno… É triste ver que o Albertinho é uma cara capaz e competente… a competência que constroi de destroi (competentemente)coisas belas…
    Esse competência está sendo para manteer no poder o grupo que se assenhorou deste Estado… E Só!

      • Chère petite amie, desculpa ai… mas o tico-e-o-teco (i miei ultimi due neuroni) não captaram a significância de sua contribuição para o desenvolvimento e defesa apaixonada dos vários pontos de vista contrários que se lhe apresentam… Me ajude a entender…

  • Amo o meu Estado e torço pra que qualquer governante realize um bom trabalho e acho que o governador tem sido um bom administrador. Eu acho que as pessoas que o criticam aqui com certeza devem ser militantes de partidos da esquerda.Criticas são bem vindas, agora agressões à dignidade das pessoas só semeia o ódio e o pior…a decadência.

    • VERDADE!! É A NOVA ERA DO ACABOU !!

      Era uma vez a Escola Walquiria Lima, acabou
      Era uma vez a Escola Candido Portinari, acabou
      Era uma vez O Museo Sacaca, acabou
      Era uma vez O Hotel Escola Bosque do Bailique, nem começou
      Era uma vez O Museo a Céu Aberto do Amapá, fechou
      Era uma vez O CRDS, acabou
      Era uma vez O Hospital de Doenças Tropicais, acabou
      Era uma vez O trapiche Eliezer Levy, acabou
      Era uma vez O bondinho do trapiche Elizer Levy, acabou
      Era uma vez a Fabrica de processamento de pescado de Itamatatuba no Bailique, acabou
      Era uma vez a Fabrica de processamento de camarão do Igarapé da Fortaleza, nunca funcionou
      Era uma vez a Fabrica de processamento de poupas e mel do Igarapé Carneiro no Bailique, acabou
      Era uma vez O CAPSA, acabou
      Era uma vez O Banco do Povo, ninguém mais ouviu falar
      Era uma vez A CEA, faliu
      Era uma vez A CAESA, faliu

      VERDADE!! É A NOVA ERA DO ACABOU !!

  • Alcilene,
    O Alberto é Professor Gavião do WG.Tudo de ruim que acontece no governo tem ao mãos do Alberto. Esse cara é um perigo.
    Além do mais pelo fato do WG incorporar o discurso do desenvolvimento sustentável não o redime de seu desastroso governo. Seu legado vai ser 1.000.000.000,00 de rombo na CEA, 500.000.000,00 na CAESA, 250.000.000,00 na AMPREV, 250.000.000,00 pro BNDES, mais uns 250.000.000,00 junto a fornecedores diversos. Pagamentos graciosos de precatórios, perdões de impostos, isenções ao amigos e parentes mais 250.000.000,00. Total 2.500.000.000,00.Se não estourar mais rombo por aí. Pra quem começou o governo reclamando que a Dalvinha tinha deixado um rombo de 50.000.000,00. É um escandâlo.
    Gil

    • Grande Gilberto…. lembrou do professor Gavião, se não me engano é um personagem rival do professor Pardal… Ele roubavas as invenções do Pardal e sempre se dava mal… só que na vida real quem se dá mal com as doidices desses des(goes)verno é toda a sociedade…

  • PO! tem gente que le o blog e nao ve que a alcilene esta tirando onda e nao elogiando o Talvez, eu vejo nas palavras dela um sarcasmo e uma pitada de humor negro…valeu minha querida gostei do que li…mas este governo ainda nao acabou
    porque no ano que vem a vaca vai para o brejo…..

    • Ufa! Ainda bem; Pensei que os ultimos recursos que temos para nos informar da podridão que esta aí tinha acabado; Os blogs, se pretendese escutar bajulação do governo eu ia ler o Jornal do dia, Diario do Amapá, 102 FM, 101 FM, 93,3 FM e etc, etc…,me deu um frio na espinha.

  • Acredito se tratar de duas propostas de DS em Amapá. Enquanto Capiberibe Construiu o Trapiche com bondinho e o Museu sacaca, WG destruiu este e aniquilou aquele. Enquanto Capi tinha como lema Tudo por nossa terra, WG adota o discurso Tudo por minha familia.

  • Você não sabe o que é governo e nem governante.Você está no mundo da lua,dizer que o Waldez está trabalhando direitinho,acho que você está se dando bem.Não há ofensas,quem disse que existe várias quadrilhas atuando no governo do amapá,foi o MPF e a PF.

  • Embora com 14 anos de atraso o Governador entendeu nossa vocação. Virou de frente para as Guianas, parou com a estória de agro-negócio e com a questão da mineração de enorme custo social; hoje sabe que a cadeia produtiva do açaí gera mais trabalho e renda que a área de livre comércio, sabe que precisa do linhão para desenvolver, que a floresta é nossa maior riqueza e vantagem comparativa. Enfim, só falta construir mais nove mil e quatrocenta casas populares para cumprir a promessa das 10.000, fazer as quase quarenta creches que prometeu (uma creche em cada bairro), tirar o Amapá da economia do contracheque, implantar o FDM (fundo de desenvolvimento municipal prometido na campanha, onde para cada R$ 1,00 de ICMS distribuido aos municípios o governo entraria com mais R$ 1,00) e reverter o processo de empobrecimento social que o Estado apresentou nos últimos anos (a FGV aferiu que o Amapá foi o único Estado brasileiro que regrediu entre 2002 e 2007, segundo 33 indicadores usados no estudo). Mas isso fica para um terceiro mandato… Valeu, governador.

  • Hum, nao consigo olhar com bons olhos pra esse tal de alberto, so de ver a cara dele me vem a mente uma prepotencia enorme, aquele tipo de gente que abraça o pobre e toma banho de alcool 96% em casa, como ja vi muitos politicos o fazerem por aqui. Posso ate estar errado. No entanto tenho tbm certeza, que quem anda de acordo com o modelo neoliberal nao merece elogios, nao importa o einstein que seja, beneficiar banqueiros e empresarios as custas do sofrimento do povo sinceramnete merece o paredao, gente que teve oportunidade de estudar e usa pra beneficio de meia duzia, sinceramente, ladraao de galinha quer so sobreviver, mas estes ai, querem viver tomando shampagne frances em suas mesas fartas enquanto nas periferias e areas de ressaca o povo amarga a fome, a miseria, e a falta de dignidade humana. precisamos de mudanças, muitas mudanças…

  • Bem aos defensores do Alberto Góes, os numeros do estado do Amapá falam por ele, pior IDH das capitais, o unico estado que regrediu, retração do PIB, pior aproveitamento dos projetos federais, pior serviço de Internet, e por ai vai, competencia é o uso inteligente de suas habilidades, nãp adianta só conhecimento, tem que haver uso inteligente, e isso é aferido de indicadores, no caso do Senhor Alberto Pifios, sobre ele escrever o PDSA, agora que ele poderia botar suas idéias em prática, não fez… por que?

  • O Desgóesverno com um riozão(Macapá é banhado pelo maior rio do planeta), à sua frente não consegue colocar nem água nas torneiras,HAVARÀ implantar indústrias no Estado.PUTZ! até cego tá enxergando que é só jogada politica,pq 2010 tá na porta.INDÚSTRIAS em uma cidade s/água e energia elétrica é HUMOR NEGRO, só pooode.Tá feia a coisa,em WG?

  • Descobriu a pólvora!!!! Atrazado, mas descoriu… o ocaso sempre provoca essas reflexões… são os últimos momentos de um moribundo…

  • Boa noite!!!
    Estou escrevendo um artigo sobre APLs do ESTADO DO AMAPÁ….com foco no mercado do açai no município de Macapá
    resolvi pesquisar no google… algo relevante a meu artigo, e cai aqui!!!

    estive lendo o PDSA E O AMAPA PRODUTIVO!!! o que aconteceu com o PDSA?? O QUE DE FATO É ESSE TAL “AMAPÁ PRODUTIVO” … APENAS LITERATURA SEM PRÁTICA… “APENAS UM SONHO”!!! SERÁ?
    ESPERO Q SE TORNE REALIDADE!

    * Se alguem puder citar uma referência a cerca do tema q estou trabalhando ficarei grato!!
    ****

  • NA ATUAL CIRCUNSTÂNCIA EM QUE ESTE ESTADO SE ENCONTRA!!! AXO QUE PIOR NÃO PODE FICAR!!!! PIOR DO QUE NÃO TER ÁGUA, ENÉRGIA ELÉTRICA, TRANSPORTE COLETIVO A TODOS E COM PREÇO JUSTO, POLÍTICOS ROUBANDO DINHEIRO DO PAC (CAESA!!!!!!!!!!), CORTE NA VERBA DO GOV. FEDERAL POR DESVIOS!!!!… FALTA DE MEDICAMENTOS, MÉDICOS, LEITOS…. E ALGUNS “JORNAIS” ACOBERTANDO AS MISURAS Q ESSES FDP FAZEMMM!!!
    PIOR DO QUE TUDO ISSO… SÓ CAINDO UM COMETA NO AMAPÁ E MATANDO TODO MUNDO!!!!
    OU MELHOR, QUE ESSE COMETA NOS LIVRE APENAS DAS PESSOAS CERTAS QUE CAVAM A COVA DESSE ESTADO A ANOS!!!

  • olá a todos belos discursos heim,mais a verdade é so uma nem um candito chega ao poder sozinho, é modelo de politica brasileiro se baseia em uma coisa dinheiro.Naõ interessa que esteja no cargo de presidente, senador, deputado, vereador a verdade a vaerdadeque mnda são os empresarios.lembre em que sistema produtivo vivemos. é isso mesmo aquele que para alguem conseguir lucro outros tem sofrer.e estado no momento é so uma instituição meramente simbolico.reflitam a citação do setap que piada não.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *