Waldez impõe derrota a Moisés Souza

O governador Waldez Góes impôs uma derrota política significativa contra o presidente da Assembleia Legislativa, Moisés Souza, no processo de impeachment que quis abrir contra WG.

Veja como votaram os deputados:

Pela manutenção do rito para o processo de Impeachment – Paulo Lemos (PSOL), Júnior Favacho (PMDB), Jaime Perez (PRB), Raimunda Beirão (PSDB), Dr. Furlan (PTB) e Márcio Serrão (PRB)

Abstenção – Moisés Souza (PSD).

Ausentes – Mira Rocha (PTB) e Charles Marques (PSDC)

Contra a continuidade do processo de impeachment – Roseli Matos (DEM), Pastor Oliveira (PRB), Edna Auzier (PROS), Augusto Aguiar (PMDB), Pedro da Lua (PSC), Ericlaudio Alencar (PRB), Michel JK (PSDB), Marília Góes (PDT), Maria Góes (PDT), Jaci Amanajás (PROS), Fabrício Furlan (PSOL), Max da AABB (PSB), Cristina Almeida (PSB), Kaká Barbosa (PT do B) e Jory Oeiras (PRB).

Waldez já chamou os que votaram com ele pra uma conversa de agradecimento e outros mimos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *