Vídeo de estudantes Waiãpi do Amapá é indicado para mostra das Nações Unidas

O curta-metragem “Os donos que não vemos”, produzido por estudantes Waiãpi do município de Pedra Branca do Amapari, no Amapá, foi selecionado para uma mostra promovida pela Organização das Nações Unidas (ONU), a”My World 360°”.

A informação foi divulgada na sexta-feira (7), no site da ONU no Brasil. A produção audiovisual foi desenvolvida por três alunos da Escola Estadual Aramirã: Kauri Waiãpi, Motan Waiãpi, Kuripiri Waiãpi e Aikyry Waiãpi.

Em os donos que não vemos, os jovens contam que as entidades cuidam e são as donas de rios, igarapés, matas e animais. O vídeo, de aproximadamente 5 minutos, também pede o fim das queimadas na Amazônia e da poluição das águas.

O filme foi gravado em tecnologia 360°, através do Projeto Cineastas 360° promovido pela ONG Recorde, em parceria com o Facebook.

A articulação para a indicação da escola amapaense foi feita pelo senador Randolfe Rodrigues (REDE), que também apresentou a obra para autoridades internacionais,durante a COP 25, em dezembro do ano passado, em Madrid, na Espanha.

“Nossa emoção e alegria com a indicação do curta de nossos meninos Waiãpi aumentou ainda mais. A belíssima mensagem de proteção ao meio ambiente produzida por eles agora será divulgada internacionalmente”, comemorou o parlamentar.

De acordo com a ONU no Brasil, com a indicação para a mostra, Os donos que não vemos será exibido em encontros e eventos da entidade. Segundo a organização, o trabalho dos alunos Waiãpi vai de encontro ao tema de 2020 do Dia Internacional da Juventude, lembrado em 12 de agosto, que é “Engajamento da Juventude para Ação Global” e ao Dia Internacional dos Povos Indígenas, comemorado neste domingo (9).

O curta “Os donos que não vemos” pode ser assistido no link: https://youtu.be/n6DiwYN74so

*Júlio Miragaia*
*ASCOM*
*Senador Randolfe Rodrigues*
*(REDE-AP)*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *