Resultados da Harmonia

Folha de São Paulo – 21/06/2010-17h08
Brasil gera 298 mil vagas formais em maio, recorde para o mês.
A economia brasileira criou 298.041 postos de trabalho com carteira assinada em maio, novo recorde para o mês, informou o Ministério do Trabalho e Emprego nesta segunda-feira.
Regiões
Dois Estados registraram resultado negativo em maio. Amapá teve o pior saldo do mês, com perda de 160 vagas, seguido de Roraima, com -117.

  • A Folha de Sampa não disse nenhuma novidade.Amapá é sempre o FONA. Com esses governos(passado e atual) então,vai continuar levantando a taça de campeão em tudo de ruim.

  • Todos sabemos que os poderes foram constituidos para serem independentes. Daí a natureza que alguns tem de fiscalizar. Quando os poderes são harmônicos ninguém fiscaliza nada. Sabemos ainda que quanto maior for a harmonia maior será a corrupção. Para que tal governo ande na linha tem que ter oposição política que gera fiscalização. Vimos isso no governo do Capi, era ele (governo) contra os outros poderes. “Rigores aos inimigos”. Daí o governo do Capi ser o melhor que passou por aqui. Temos 3 poderes oficiais e um que gira em torno deles (a imprensa), mas o maior de todos é o povo. É só nós percebermos que a Constituição foi feita para nos amparar. Então! Vamos ter conciência na hora de votar. Por um Amapá melhor.

    • É triste ver a ignorância, de gente que tem saudades da épo a do ditador, que humilhava os servidores e criava clima de guerra noestado do amapa, criando clima de instabilidade e travando o andamento do AP… Vá estudar sobre DEMOCRACIA antes de falar M…., ops desculpa aí, esqueci que os seguidores da (……..) não é muito chegado a DEMOCRACIA!!!FAZER OQUE? mandá-los de volta ao Canadá(………………….)

      • Parece que fostes sodomizado pela turma do Capi. Nunca vi tanto ressentimento. Pode ser doença também, por exemplo, anomalia psíquica.

    • Beneran, concordo plenamente com sua posição. Quanto mais harmonia mais corrupção e menos desenvolvimento do Estado. Neste momento tenho vergonha do (e de ser) “amapaense”

    • Percebi que você não entende de independência de poderes e nem da harmonia que deve haver entre eles. Os Poderes devem ser independentes e harmônicos entre si. Tem que haver respeito pelo espaço que a Constituição reservou a cada um. Harmonia não se confunde com subserviência, tampouco a fiscalização deve ser reflexo da oposição. Fiscalizar é um dever e a harmonia é respeito. E te digo mais. Não foi a oposição nem os “rigores ao inimigo” que fez o governo do Capi o melhor que tivemos – na sua avaliação, por favor, “me inclua fora disso”, como se diz no popular. Primeiro porque o governo do Capi foi de absoluto desrespeito à democracia, já que nos aproximamos de uma ditadura que somente não se consolidou porque não temos mais espaço para isso; segundo porque não havia oposição mas o combate direto, e que deixou o Amapá num estado lastimável. Respeito o seu ponto de vista mas me permita dele discordar porque sem paixões se consegue ver melhor o mundo.

      • Mundico.
        Falei na independência dos poderes porque a harmonia por si só o próprio “slogan” já falava. O que falei foi sobre ciência política, política pública, mas respeito sua discordãncia, principalmente quando vc fala em paixão. Toda paixão é perigosa, em qualquer situação, principalmente em política. Faço bem a diferença e sei distinguir muito bem as coisas. Não vim aqui influenciar vc que játem sua opinião, mas aos homens de boa vontade. Que votem em quem vcs quiserem, mas a minha consciência eu não vendo. Faço o que é melhor pro Amapá e quero o melhor para os meus filhos, netos, bisnetos… esse mundo não é pra mim. Eu já estou passando. Um forte abraço e siga suas ideologias. Eu sigo a minha. É assim que se vive harmonicamente. Não queria que nós precisássemos de garantia da garantia. Espero que vc saiba o que é isso. Luto pelo que é meu, só isso!

  • “Mais de um terço dos brasileiros declara que não come o suficiente “às vezes” ou “normalmente”. No total, 35,5% das pessoas se classificam nessa situação de fome.
    A situação mais grave (os que “normalmente” não comem o suficiente) afeta 9,2% dos brasileiros. Os que “às vezes” passam fome somam 26,3%. Os que “sempre” comem o suficiente são 64,5%.
    Os dados são da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2008/2009, divulgada nesta quarta-feira pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).
    Entre a última pesquisa, de 2002/2003 e a apresentada agora, houve redução entre os que disseram ter fome “às vezes” ou “normalmente”. Em 2002/03, eram 46,7% da população, caindo agora para 35,5%.
    Mas ainda assim há muita gente nessa situação. No Norte e Nordeste do país, o drama é pior: cerca de 50% das famílias se referiram a insuficiência na quantidade de alimentos consumidos.”

    Resultado da harmonia daqui e da de Brasília também. Parabéns por continuarmos a idolatrar os governos mais corruptos que tivemos.

  • Acho que a oposição tem muito material ( fatos ) para mostrar na campanha e que podem iluminar o eleitor a não continuar acreditando nas mentiras da HARMONIA.
    Mas a unica chance é vencer com um trabalho de militância em campo e inibindo a compra de votos pela HARMONIA, pois já sabemos que o PTRE vai sempre deixar as liminares manterem os compradores de voto….então o que vai acontecer ? eles vão mais uma vez comprar votos e a oposição não pode deixar a coibição dessa pratica nas mãos do PTRE, temos que montar um esquema próprio e paralelo de fiscalização.

    • Engraçado… PTRE é? Ao que me consta, o TRE também não cassou mandatos de candidatos que foram caguetados e flagrados com farto material de campanha e dinheiro escondido. A peleja teve de ir ao STF, após bastante tempo de mandato decorrido. Ali foi PTRE também, ou foi somente PSTF? Ai ai… No dos outros é refresco, não é?

  • Estamos cansados de ouvir a mesma história: ” O Brasil não tem jeito’. Pois eu acho que tem sim. A cada quatro anos é nos dada a oportunidade de darmos um jeito nesse país. O problema é que a minoria privilegiada(que tem acesso a informação, nível superior, emprego, etc) ainda não acordou que para mudar esse país não basta somente votar em outras pessoas. O papel de cada um deve ser o de esclarecer os menos favorecidos, mostrar que ainda existem políticos honestos e competentes. Mostrar que novas pessoas estão se apresentando para tentar mudar esse cenário. Temos o dever de mudar esse país, ou seremos mais uma geração de frustrados que viu o galo cantar mas não sabe onde.

  • Vamos esperar o PPDH – Pedro Paulo Dias de Horror. Uma coisa é certa: o pessoal que prega esses outdoors imensos por ai estão ganhando uma baba.

  • Oi Alcilene, como vai? Vim ler as noticias no teu blog e no da Alcinéa. Estou na Grécia e, sem tempo para atualizar meu blog. Mas passei por aqui. Bjos e um otimo findi.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.