Rendimento mensal per capita do Amapá foi de R$ 857 em 2018

 

O IBGE divulgou hoje, 27/02/2019, os valores dos rendimentos domiciliares per capita referentes a 2018 para o Brasil e Unidades da Federação, calculados com base na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua) e enviados ao Tribunal de Contas da União (TCU). Esta divulgação atende ao disposto na Lei Complementar 143/2013, que estabelece os novos critérios de rateio do Fundo de Participação dos Estados e do Distrito Federal (FPE).

 

O rendimento domiciliar per capita é calculado como a razão entre o total dos rendimentos domiciliares (em termos nominais) e o total dos moradores. São considerados os rendimentos de trabalho e de outras fontes de todos os moradores, inclusive os classificados como pensionistas, empregados domésticos e parentes dos empregados domésticos. Os valores foram obtidos a partir dos rendimentos brutos efetivamente recebidos no mês de referência da pesquisa, acumulando as informações das primeiras entrevistas do 1o, 2o, 3o e 4o trimestres da PNAD Contínua de 2018.

O Amapá, com a renda de R$ 857 por mês, por pessoa, ficou em 21º lugar num ranking com as demais Unidades da Federação. Tendo perdido 6 posições em relação ao resultado de 2017, quando ficara em 15º.

Entre 2017 e 2018, o valor do rendimento ficou 8,4% menor (-R$ 79).

*Unidade Estadual do IBGE no Amapá*
27 de fevereiro de 2019

“`Receba os resultados das pesquisas do IBGE/AP no seu WhatsApp: salve (96) 99160-2010 na sua agenda e mande um olá. Pronto! Você está participando da nossa lista de transmissão“`

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *