Quem será o bonitinho?

Tem um deputado eleito envolvido com a quadrilha desbarata pela “Operação Siameses”. O nome do sujeito ainda não vazou.

A segunda parte da operação, deflagrada pela Polícia Civil nesta segunda-feira, 24, conseguiu prender três homens e apreender uma arma de fogo e vários cartuchos que estavam escondidos na casa de um dos acusados.

As investigações identificaram dois irmãos como sendo os líderes do bando, por isso batizou a operação de “Siameses”.

A polícia estima que pelo menos 17 pessoas integram a quadrilha especializada em praticar crimes contra o patrimônio, adulteração de documentos diversos, incluindo fraudes no sistema do Instituto Nacional de Seguridade Social e Departamento de Trânsito do Amapá (INSS/Detran), crime eleitoral, roubo de carros, entre outros.

De acordo com o delegado Paulo Reyner, da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio (DECCP), a denúncia de crime eleitoral foi encaminhada à Justiça competente, pois envolve um homem que disputou o processo eleitoral ao cargo de deputado estadual e foi eleito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *