Prefeito Clécio Luís e senador Davi Alcolumbre anunciam aporte financeiro para desfile das escolas de samba em 2020

O prefeito de Macapá, Clécio Luís e o senador Davi Alcolumbre divulgaram para os representantes das agremiações carnavalescas o aporte financeiro para a realização do desfile das escolas de samba em 2020. O anúncio aconteceu na tarde deste domingo, 22, no Complexo do Araxá. Ao todo, dez agremiações carnavalescas foram habilitadas para o certame (chamada pública).

O fomento para a realização do evento é resultante da articulação do senador Davi Alcolumbre e por intermédio de patrocínio e do Tesouro municipal. O valor destinado é de R$ 1,5 milhão. A primeira parcela, no valor de R$ 500 mil, será repassada nesta segunda-feira, 23. A segunda está prevista para 30 deste mês e a terceira e última parcela no dia 10 de janeiro.

O prefeito Clécio destacou a relevância do apoio do senador Davi para tornar possível o resgate do tradicional desfile das escolas de samba e sobre a geração de renda e empregos temporários com a cadeia produtiva do Carnaval. “Esse momento já vale muito, ter todas as agremiações reunidas aqui, de maneira singela, para que possamos dar mais um passo para devolvermos a nossa capital uma das maiores e mais belas tradições que nós temos, que é o desfile das escolas de samba, desde a Avenida FAB, Ivaldo Veras e, provisoriamente, na Avenida Victa Mota Dias. O Carnaval é um investimento, pois cada real que você investe se transforma em ferragens, em tecidos, adereços, emprego”.

“A cadeia produtiva do Carnaval é muito dinâmica, ela contempla tanto os profissionais que trabalham diretamente quanto aqueles que não atuam diretamente como os taxistas, motoristas de aplicativos, restaurantes, a rede hoteleira. As agências de viagens vendem mais passagens para turistas virem para cá. Os guianenses participam do nosso Carnaval. Então, essas ações levantarão a autoestima da nossa população. Agradeço as agremiações carnavalescas e o empenho do senador da Davi. Em 2020 vai ter desfile sim! Viva o carnaval!”, completou o prefeito.

O senador Davi destacou a relevância do investimento para estimular o turismo e a cultura por meio do evento. “Estamos tão felizes em falarmos de um milhão e quinhentos mil reais para retomar o nosso Carnaval, pois as dez agremiações poderão colocar novamente na avenida suas paixões, o suor e o amor, pois nós sabemos o quanto este evento aquece a economia, atrai turistas e gera oportunidades de trabalho. Hoje, incentivamos para retomar a nossa grande festa cultural, que é o desfile das escolas de samba, pois estão assegurados na Constituição o direito ao lazer, à diversão e à cultura”.

O presidente da Câmara Municipal de Macapá, Marcelo Dias, ressaltou a importância do poder público fomentar as festividades. “A nossa sociedade precisa compreender que o Carnaval é importante para Macapá, a cultura é importante para o povo, pois cada um real que se investe neste evento, o Município recebe três reais de retorno. Quando ficamos quatro anos sem os desfiles, ficamos muito triste. Parabéns ao prefeito Clécio, ao senador Davi, por investirem na cultura, pois o povo ficará feliz novamente”.

“Hoje é dia de agradecer, ao prefeito Clécio Luís, ao senador Davi Alcolumbre e aos presidentes das agremiações com as suas diretorias. A caminhada é árdua, mas conseguiremos. Estávamos com saudades do nosso Carnaval, pois ficamos quatro anos sem os desfiles das escolas de samba. Portanto, só temos a agradecer a iniciativa da Prefeitura de Macapá e o apoio do senador Davi”, destacou a presidente da Liga Independente das Escolas de Samba do Amapá, Lizete Jardim.

O radialista J. Ney, que há mais de quarenta anos acompanha o Carnaval amapaense, fez uma avaliação sobre o resgate das festas. “Quero parabenizar o prefeito Clécio, parabenizar o senador Davi Alcolumbre, pela união de esforços em retomar o tradicional desfile das escolas de samba para a população de Macapá, que envolve uma série de profissionais que garantem uma renda extra neste período”.

O Carnaval amapaense não acontece há 4 anos no sambódromo, juntamente com os desfiles de blocos. As dificuldades financeiras alegadas pelo Governo do Estado e a interdição do espaço inviabilizaram a festa. Mas, em 2019, a prefeitura montou estratégias e não mediu esforços para trazer a festa popular de volta.

Os desfiles das escolas de samba do Amapá acontecerão nos dias 21 e 22 de fevereiro de 2020, na Rua Victa Mota Dias, em frente ao Estádio Zerão, com estrutura montada exclusivamente para os dias de evento.

Estação Lunar

O Estação Lunar Especial de Réveillon terá a participação das 10 agremiações carnavalescas, no dia 28 deste mês, no balneário de Fazendinha.

Fotos: Max Renê

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *