Polícia Civil  indicia  internauta que fazia apologia ao nazismo  nas redes sociais

A Polícia Civil do Estado do Amapá, por meio da 6ª Delegacia de Polícia da capital, indiciou na manhã de hoje (05/10) uma internauta de 20 anos de idade que estaria fazendo a veiculação de símbolos, emblemas e propaganda da cruz suástica ou gamada para fins de divulgação do nazismo.

O perfil foi criado em Maio de 2018 e possuía 1.067 seguidores.Também foi constatado a publicação de fotografia de enaltecimento ao ditador alemão Adolf Hitler nas redes sociais.  Após a investigação telemática e a busca de dados cadastrais, a suspeita responsável pela administração do perfil foi identificada e indiciada no crime previsto no artigo 20, §1º, da Lei Federal 7.716 de 05 de Janeiro de 1989.

Segundo o Delegado de Polícia Leandro Leite, responsável pelas investigações, “o enaltecimento e a apologia ao nazismo devem ser coibidos por toda a sociedade e a Polícia Civil atuou no sentido de debelar o crime”.

O perfil investigado foi excluído da internet.
A pena para o crime de divulgação ou apologia ao nazismo é de reclusão de 02 (dois) a 05 (cinco) anos e multa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *