PEC 111

O colegiado formado pelos de líderes dos partidos na Câmara dos Deputados, definiu em reunião na tarde desta terça-feira, que a PEC 111 de autoria da deputada Dalva Figueiredo (PT/AP) vai à votação em plenário no próximo dia 23.

A PEC111 propõe incorporar ao quadro em extinção do Governo Federal, os servidores e os policiais militares admitidos regularmente pelos governos do Amapá e de Roraima no período de outubro de 1988 a outubro de 1993. Serão beneficiados também os servidores admitidos os policiais civis e delegados que ingressaram à época e os servidores das prefeituras municipais contratados até outubro de 1988.

Serão aproximadamente seis mil servidores do Amapá e Roraima beneficiados com a medida. A admissão deles para o quadro da União, no caso do Amapá, vai gerar um acréscimo de mais de 100 milhões de reais por ano na economia na economia amapaense.

A deputada Dalva, autora da PEC 111 está otimista com a votação “depois da aprovação em primeiro turno, nossos esforços se deram no sentido de dialogar com o Governo Federal no sentido de dirimir dúvidas sobre os impactos econômicos e sociais com a aprovação da PEC, agora vamos reforçar a conversa e mobilizar as bancadas dos partidos na câmara para aprova-la também em segundo turno”.


ASCOM Dep. Dalva Figueiredo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *