Nota do PSB

NOTA DO PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO

Em carta aberta ao povo macapaense, o Partido Socialista Brasileiro –
PSB manifestou total oposição à candidatura do PDT, por enxergar a
mais absoluta ausência de condições morais do candidato – que concorre
à reeleição – para continuar conduzindo o destino de Macapá, em
virtude do mesmo ter sido preso pela Polícia Federal, acusado, entre
outras coisas, de corrupção.  Abriu, assim, a possibilidade de apoio
ao PSOL no 2º turno da eleição, condicionando este apoio à
transparência e a coerência político-ideológica das alianças feitas em
torno da candidatura apresentada.

Neste meio tempo, o PSOL silenciou quanto ao apoio do PSB, de suas
lideranças e militância, preferindo as alianças com grupos
conservadores e reacionários da política local que contribuíram
harmonicamente, por ação ou omissão, com a derrocada administrativa e
a falência moral das instituições republicanas no Amapá. Fica claro,
portanto, que o discurso do novo é estratégia para esconder a
incoerência ideológica adotada por este partido, que, em eventual
vitória no 2º turno, não poderá promover mudanças na forma de governar
Macapá.

Assim, o Partido Socialista Brasileiro demonstra sua contrariedade em
relação às candidaturas do PDT e do PSOL e, por isso, deliberou pela
posição de neutralidade na atual disputa eleitoral.

Aos militantes socialistas, dos versos de Geraldo Vandré que embalaram
nossos sonhos por uma sociedade mais justa, tiramos lições: – Vem,
vamos embora, que esperar não é saber. Quem sabe faz a hora, não
espera acontecer!

Macapá, 15 de outubro de 2012.

 

    • Nossa! que matéria excelente,pena que nem todos tem acesso e entendimento sobre o assunto aqui exposto.Eu quero o “modelo do futuro” e é nele que vou continuar apostando,quero “o novo”,não sou caranguejo.

  • Deixa de historinha PSB.No segundo turno da última eleição para governo do Estado, vocês bem que aceitaram o apoio de Pedro Paulo, João Henrique, Edinho Duarte e etc. Tramavam na surdina o apoio dos fichas sujas. Agora, com a derrota fragorosa das candidaturas do PSB, querem se vestir de virgem pura. Ao derrotado cabe humildade e não querer impor algo que não tem cabimento, com notas cheia de rancor, autoritarismo e achando que é a bola da vez. Baixem a bola e tratem de convencer o senhor governador que a derrota acachapante das candidaturas majoritárias do PSB só tem um responsável: SR. CAMILO CAPIBERIBE. Deixar ele com tanta influência dentro do PSB pode aprofundar ainda mais essas derrotas em eleições vindouras. Sua inexperiência no trato com algumas questões de Estado é gritante e ainda por cima anda mal influenciado politicamente por assessoria palaciana(uma mulher) e o piloto da Seplan.

    • Putz, Vasconcelos! Voce é o cara! Em poucas palavras nunca ouvi tanta verdade.
      Esse PSB é muito enxerido. Tá sendo descartado pelo PSOL e fica enxendo o saco. Tenham compostura, pesebãos! O povo descartou voces. Que coisa! Aprendam a curtir o sabor da derrota! Dêm umas boas palmadas em seu governador, o Midas do PSB.

  • Mas quem era o vice da Janete quando candidata a prefeita? Não era do PTB? Como é que , agora, o PTB é considerado ” grupos conservadores e reacionários da política local”? humhum

  • A emenda saiu pior que o soneto… quem foi apoiado por debaixo dos panos (mas às vistas do povo) por EDINHO DUARTE, MOISES SOUZA, PEDRO PAULO no 2º turno de 2010 não tem moral para falar de quem quer que seja. FICAR EM CIMA DO MURO NÃO É POSTURA DE PARTIDO QUE SE DIZ SOCIALISTA! O PSB (leia-se: Capiberibes) começa a escrever a história do primeiro governador que não se reelegerá ao segundo mandato no Amapá.
    Resumo da obra: O povo amapaense já está cansado do modelo retrógrado do populismo corrupto do PDT e da ditadura elitista e exclusivista do PSB.

    • Disse tudo,sinto tristeza ao ver o posicionamento de um partido que se diz Socialista (onde?)e tão cheio de moral(??),é a treva.Ontem mesmo no twiter vi esta outra carta,total sem noção.PSB esta selando seu futuro (triste),com estas declarações.E dizer que já foi aliado dos mesmos que agora criticam.PSB,mostrando de vez a cara que tem,oh! decepção.

  • PSB enterrando de vez sua história (ou é Estória?),e da forma mais vil,custo a acreditar.Fui por tantos anos uma PSBESTA,sem saber.

    • Já dizia Cícero: a História é a mestra da vida. Nada que o passar do tempo não nos mostre e nos faça refletir.
      É duro e às vezes dolorido o amadurecimento, minha cara Carla. Mas o tempo é inexorável.

  • Cara,
    A nota já era esperada, mas, sinceramente nunca pensei que viesse tão ruim.
    Na realidade o PSB repete aqui o mesmo erro de 2002 quando apoiou o PDT de Waldez contra a Dalva. Naquela época ao menos não se conhecia o PDT dos Góes. Havia o benefício da dúvida. Agora isso não se justifica, sabemos como opera do PDT. Além do mais há que se reconhecer que eles deram uma demonstração de força política ao fechar 40%, mesmo que se queira desqualificar parte dos votos dados a RG. O PSB, ao apostar no quanto pior melhor, esquece o compromisso que assumiu com a sociedade, que em 2010, aparentava estar cansada de corruptos. A omissão, travestida de neutralidade, na realidade é um claro apoio ao PDT. Para mim isso é uma aliança tácita com a Harmonia dos Góes e dos Dias e de Sarney e de todos os envolvidos na operação mãos limpas. É o nivelamento por baixo de um partido que vinha escamoteando, com certo êxito o apoio recebido em 2010 dos frequentadores da Papuda.Lamentável.A história como sempre se repete.Pode ser o começo do fim.
    O PSB deveria fazer uma reflexão sobres suas deficiências na área de comunicação, na falta de articulação política, no descuido na relação com os sindicatos e servidores, na inércia administrativa de grande parte de seus gestores e na empáfia , orgulho e prepotência de segmentos dos dirigentes partidários.
    Não adianta querer botar a culpa no Sarney. Não cola mais. Não adianta querer eleger o PSOL, o Randolfe e Clécio como inimigos públicos números um. Ninguém acredita. Vamos olhar para dentro, reconhecer os erros arrregacar as mangas e trabalhar.
    Por fim ir buscar na década de sessenta inspiração para fechar uma nota chinfrim chega a ser uma afronta ao Vandré, e bem demonstra que alguma coisa está fora da ordem no PSB.

    Cicero

    • Concordo plenamente!
      Na minha opinião a família Capiberibe torce mesmo para que Roberto Goés vença a eleição. Afinal de contas ele é membro da família, primo afastado, desafeto, ou outra coisa qualquer, mas é membro da família.
      Ganhando o Roberto e o PDT, o poder no Amapá continuará nas mãos das mesmas pessoas ou da mesma família que afundou e esta a afundar o Estado, e que indubitavelmente darão continuidade ao troca-troca e consequente destruição do Estado do Amapá.
      Tenho certeza que no dia da eleição os dirigentes do PSB votarão 12.

      • Essa é a sacado do PSB. Destruir Clécio, evitando a candidatura de Randolfe ao governo, abrindo mais espaço ao Camilo que naufraga na imcompetencia politica.
        Todo esse imbroglio faz parte de um plano capiberbista para limpar a área de seu filho.

  • E A OPINIÃO DA CANDITATA CRISTINA “MARIONETE” ALMEIDA,SERA QUE NÃO VALE ,ELA TAMBÉM NÃO TEM PODER DE DECIDIR POR SI SÓ,NÃO VI EM NEM UM MOMENTO PEDIREM PRA ELA SE MANIFESTAR! CADE ELA FALA ALGUMA COISA MULHER, REAJE.

  • Carece ao PSB moral e decência para cobrar posicionamento político-ideológico ao PSOL.
    Os recentes acontecimentos ocorridos no pleito de 2010 falam por si, na ânsia de vencerem a eleição fizeram aliança até com o diabo, fato esse de conhecimento de toda a sociedade.
    Na minha opinião a suposta neutralidade do PSB, decorre tão somente do fato de o PSOL não ter cedido as chantagens impostas explicitamente por aquela perigosa agremiação política.
    Parabéns aos dirigentes do PSOL por não terem baixado a cabeça, para aqueles que se consideram donos da verdade.

  • SANTA NEUTRALIDADE. MORRO DE ARREPENDIMENTO TAMBÉM DE UM DIA (ATÉ 2006) TER SIDO UM PSBESTA E ACREDITAR QUE TODA FAMÍLIA (CAPI) QUERIA O BEM DO AMAPÁ.

  • Roberto reeleito se afundará ainda mais na Prefeitura e a cidade virará um caos. A própria conjuntura preve isso. Ainda teremos nesses dois anos vindouro condenações pela justiça. Ai fica mais fácil a reeleição de camilo. Assim pensam os autores da nota

  • XEU VÊ SE ENTENDI: o PSB decidiu ficar neutro mesmo diante da “mais absoluta ausência de condições morais do candidato – que concorre à reeleição – para continuar conduzindo o destino de Macapá, em
    virtude do mesmo ter sido preso pela Polícia Federal, acusado, entre outras coisas, de corrupção” (palavras do próprio PSB!)? Sei lá, não entendi…

    Nem acho que o PSB teria obrigação de apoiar “A” ou “B” (ou não poderia ficar neutro). Só não entendo como se colocar neutro depois de elaborar um juízo de valor tão CONTUNDENTE sobre um dos lados em disputa. Mas eu não faço política partidária, então whatever…

  • Fica a pergunta, por que o PSOL não procurou o apoio do PSB, já que eles dizem que querem governar Macapá e realizar o novo?
    Como eles farão o novo sendo oposição ao Governo do Estado e Governo Federal, pois todos nós sabemos que a prefeitura de Macapá está sucateada até o talo. O projeto do PSOL é para a prefeitura de Macapá ou para o Governo do Estado em 2014? Com a palavra o estrategista: Excelentíssimo Senhor Senador da República Randolfe Rodrigues.

    • Se vc já leu as cartas que o PSB na 1ª faz exigencias estapafurdias ao PSOL p/poder apoiá-lo neste 2º turno, e na 2ª declara neutralidade aos 02 candidatos à PMM,vc não entendeu nadicadenada,ai alguém precisa “desenhar” p/vc(rsrsr).AFF!

      • É Carla vc fala muito, porém não presta atenção no que fala. Quem disse que não iria procurar o PSB foi o PSOL, isso antes do PSB apresentar a primeira carta, dá uma conferida lá no Blog da Alcinéia. Estou torcendo para que o Clécio vem ser prefeito de Macapá, só espero que ele não jogue documentos pela janela quando a polícia chegar, pois foi isso que ele fez na AFAP quando do governo da Dalva, lembras?

  • engraçado todos voçês que estão opinando 05 dias atraz não aceitava nem pintado o PSB como aliado, mas agora que o PSB comunica que irar ficar neutro voçês detonam, vai entender se com ele ia ficar pior porque o choro deixem de lado esses amarelos e vamos pensar na eleição que está aí galera não vamos deixar esses sugadores de dinheiro publico ganhar a eleição de mão beijada. vamos parar de bater boca com derrotados e vamos pedir voto que é o que enteressa no momento. que a eleição não é com o PSB.

  • Alô, alô Realengo, aquele abraço!Alô torcida do FLAMENGO, aquele abraço! Alô população de Macapá, aquele abraço!

    Precisamos agigantar mais ainda a estátua de nosso glorioso São José de Macapá que nos protege em pleno Rio Amazonas, no sentido de que possa observar com mais segurança nossos políticos profissionais, nos dando a garantia de que os novos vereadores eleitos e reeleitos possam trabalhar com honradez e dignidade por nossa querida Macapá, bem como também, o próximo prefeito a ser eleito, iluminando suas cabeças e que possam agir exclusivamente em pról de nossa comunidade Tucuju.

    Assim, todo o povo espera! Ou não?

  • rsrsrsrsrsr, o PSB pensou que brigariam pelo seu apoio, muito pelo contrario, os candidatos querem distancia dele, égua do governo desacreditado.

    • A desconstrução de um partido começa pela “ganância do poder”,dai vem a derrocada.O povo de Macapá já esta começando a dar um basta no continuísmo familiar, que hs impera neste estado.São várias as familias(Capiberibe,Góes,Gurgel,Favacho,Duarte e…) neste estado que querem preservar as espécies de suas árvores genealógicas.Chega de concentrar o poder nas mãos dessas espécies.

  • Apoio a postura do PSB. O PSOL, principalmente o senador RANDOLF, demonstra com suas atitudes que o que vale é o poder não importando os meios para se chegar ao comando da PMM. O professor universitário Dorival Nei em seu artigo intitulado “O Senador Pinóquio: entre a tragédia, a farsa e a comédia”, faz uma critica fundamentada e inteligente sobre os verdadeiros interesses do referido senador. O texto é bastante contundente que dúvido que o senador terá coragem de contrapor os argumentos do professor mestre e doutorando Nei.

    • Historiador, esse pseudo intelectual se esqueceu que o PT é o partido de José Dirceu, Delúbio Soares e José Genoíno. E apoiado por José Sarney (aliado de primeira hora). Pedro Paulo Dias, Edinho Duarte, Sandra Ohana e João Pororoca Henrique estavam no palanque do Camilo em 2010. Além disso, o PT estava nos governos Capi, Waldez, Pedro Paulo e Camilo. O pseudo-intelectual de beira de estrada não conseguiu fazer uma avaliação política coerente. Lamentável! Pinóquio é esse senhor.

      • Que “taca”,em mano? Fiquei pensando,onde será que o cara fez “doutorado” p/escrever esse besteirol.A educação neste país tá mesmo precisando de reformas urgentes.
        Capiberibes e outros oligarcas do pedaço acham que todos por aqui sofrem de “amnésia”.Esquecem que a lavagem cerebral começa por eles e termina em pontes e gabinetes(secretarias)lotadas de carguistas.
        Nunca em momento algum me imaginei falando desta forma dos Capiberibes.Tinha verdadeira paixão pela história de vida desta familia e gostava do PSB,mas agora vejo o quanto fui PSBESTA.Acreditei em uma “fantasia”,desilusão total.

    • Bem (re)encomendado o artigo. Um bom TEXTO em determinado CONTEXTO se torna um ótimo PRETEXTO. Inteligência a serviço da ditadura PeeSseBista…

  • kkkkkkkkkkkkk, psb partidinho que todos querem distancia so esse bando de incompetente que ladeia esse governadozinho prepotente que acha que alguém vai dar importância pra essa carta de titica. kkkkkkkkkkkk

  • CADE A GASOLINA???
    Muito mais grave do que a carta do PSB é a crise do combustível e ninguém fala nada!!
    Fortes flagrantes de crimes ocorrendo esta noite nas filas de Postos e a SEJUSP MUDA, CEGA e SURDA, não toma nenhuma providencia!! Pois caso alguém não saiba, abastecer, transportar e armazenar produto perigoso (combustível) em corote é crime (art. 56 da Lei 9.605/98) e infelizmente é o que mais está ocorrendo nesta noite nos Postos.
    Recorrer a quem??
    Atendentes do CIODES estão comunicando que nada podem fazer, pois não existe infração nenhuma (sic).
    Chegamos ao fundo do poço mesmo no Amapá:
    Pessoas armazenando combustíveis em embalagens inadequadas ou para revender por um preço mais caro ou para levar vantagem sobre outras pessoas furando a fila dos que estão com seus carros a horas aguardando.

  • Os Capiberibes (fichas sujas com mandatos no tapetão, diga-se de passagem…)estão ofuscados pelo brilho do Randolfe, então botaram sua horda de puxa-sacos para tentarem desmerecer as mais novas lideranças políticas do Amapá. Vide o blog do tal “jornalista” Heverson Castro…

  • Quem em sã consciência quer o apoio do Governador? Perguntem ao Roberto Góes se ele quer? O problema dos poderosos não é esta eleição e sim a próxima. Apoiar o 50 é criar um “monstro” inbatível para 2014 (Randolfe). Nenhum dono do poder está preocupado com coerência política ou ideológica, apenas com o próprio poder, nesta e nas próximas eleições.

  • “O prefeito vai ser eleito não porque A ou B pediu voto, mas porque representa a mudança”
    Governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos

  • ” Neste segundo turno não há espaço para isenção, para descaso. O voto em branco ou nulo, ou – o pior de todos – o voto de “tanto faz” por que todos são iguais, não têm espaço nesta conjuntura ” – Roberto Amaral.

    Roberto Amaral é escritor, advogado, jornalista, foi ministro da Ciência e Tecnologia e, atualmente, é presidente em exercício do PSB Nacional

  • ” De um lado está o avanço democrático representado pela emergência popular. De outro, o retrocesso promovido pelos que não entendem a democracia per se, como valor ao qual devem ter acesso todos os brasileiros ” – Roberto Amaral

  • ” A escolha é entre o compromisso com o poder que emana do povo para o povo e a vontade daqueles que não hesitam (e jamais hesitaram) em fraturar a regra democrática se o processo eleitoral ameaça seu domínio” – Roberto Amaral

  • Em Cuiabá, os senadores Pedro Taques (PDT) e Blairo Maggi (PR) apoiam o candidato Mauro Mendes (PSB), que liderou a disputa no primeiro turno.

  • kakakakakakaka!!! Brincadeira esse PSB no Amapá, parece que todo mundo não presta e só ele são honestos. Na verdade o Governador Camilo tá amargando uma bela surra nas urnas que pode lhe vales a perda das eleições de 2014

  • Gostaria de trazer esta contribuição ao debate: se trata da Resolução sobre o PSOL nas eleições municipais de 2012 e o segundo turno, da Executiva Nacional da APS – Ação Popular Socialista. Importante esclarecer que o texto em tela foi concebido em função da insatisfação (para não dizer revolta mesmo) de parte importante dos membros do PSOL nacional.
    “17. Os apoiadores desta aliança espúria, vão tentar descaracterizá-la, alegando que não se recusa apoios e que o apoio é pessoal e não de partidos. Mas, como separar partidos de pessoas, quando estas pessoas são os principais quadros destes partidos? Quando esta aliança é selada publicamente com o próprio candidato a prefeito do DEM e o ex-candidato a governador do PTB. Quando isto se faz depois de Randolfe ter apoiado publicamente o candidato a prefeito do PTB na segunda maior cidade do Amapá. E o apoio do PSDB é feito através do próprio presidente daquele partido – que já apoiava publicamente Clécio desde o primeiro turno.
    18. E como não recusar o apoio dos três partidos mais reacionários do país? Que são contra as cotas, apóiam a reforma do código Florestal, sustentam e são sustentados pela bancada ruralista, e tentam dificultar a punição o trabalho escravo?
    19. A Executiva Nacional do PSOL precisa intervir imediatamente no PSOL do Amapá, proibindo publicamente alianças incompatíveis com o partido. Deve enviar representação ao Amapá e convocar as direções estadual do Amapá e municipal de Macapá para suspender publicamente este atentado contra a estratégia, a tática e a democracia partidária. Caso contrário, será responsabilizada, como instância coletiva e naqueles de seus membros que eventualmente apoiarem esta política, pelos acordos espúrios que estão se realizando. Enquanto isto, o presidente nacional do partido, deputado Ivan Valente, tem o dever de não se calar, devendo rejeitar publicamente esta aliança nitidamente em colisão com o partido e sua política. Além disso, o partido, no conjunto de suas instâncias e militância em todo o país, precisa se mobilizar nacionalmente contra isto, para não permitir que esta aliança se consolide e manche a imagem do partido.”
    Portanto, em vez de atacar e/ou desqualificar o PSB, seus líderes e sua militância, é fundamental que o PSOL (não o todo, felizmente!), parte de sua militância e simpatizantes (alguns de ocasião e outros por interesse direto mesmo) possam realizar um exercício necessário de autocrítica para debaterem de maneira séria e responsável se vale lançar mão de qualquer meio em nome do poder a qualquer custo. Ah, e, por favor, não me venham com o argumento de que em 2010 o PSB fez a mesma coisa, porque em momento algum naquela campanha constatamos qualquer pessoa ligada à mal fadada harmonia se posicionar a favor da candidatura do Camilo. O que vemos agora e o que víamos antes era o tal do “ouvi falar” ou ilações sem nenhum fundamento de verdade, que bem a propósito tentavam e tentam, ainda, justificar o discurso atual – inconsistente na sua gênese – de que política se faz assim mesmo, em uma tentativa vil de nivelar por baixo esta atividade humana tão importante e buscando convencer a opinião pública de que todo político e/ou todo grupo político é igual. Isto está longe de se constituir em verdade!

    • Falou muito e disse quase nada.Oque esta em jogo meu amigo,não são as ideologias politicas e sim um estado que esta deteriorado por falta de gestores, que façam o melhor por este.Povo algum precisa de ideologias p/viver bem,mas sim de qualidade de vida através dos serviços básicos de saneamento,saúde,educação e tantos outros.Pense nisto.

      • carla tá certo que nossa cidade precisa de gestor, mais se aliar com ex-secretarios dessa gestão municipal não é pouco de incoerencia, ou então voçê esqueceu que davi e milhomem participou dessa anarquia na prefeitura, até o vice não me traz confiança eu acho que é por isso que ele quase não aparece. mas infelizmente temos que acreditar nesse grupo que se formou, onde temos tentar mudar o senario da prefeitura para tirar esse grupo politico que só quer sugar o povo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *