Mimimi

Defensores dos denunciados tentam politizar as ações da Polícia Federal e dos Ministérios Públicos dizendo que elas ocorrem em períodos eleitorais, e questionando por que o MP-AP fez a denúncia somente agora.

Fácil de responder as duas questões:

1 – Pra roubar e desviar pode ser em qualquer tempo, mas pra prender e denunciar tem que escolher período? Negativo, produção.

2 – O MP-AP recebeu as investigações em junho de 2014. Foram enviadas as investigações referentes a verbas estaduais e municipais. 12 promotores de Justiça estão trabalhando em cima das investigações e provas recolhidas pela Polícia Federal. O que for passível de denuncia, será denunciado, seja em época de eleição ou não. Foi isso que os promotores informaram.

O resto é defesa política.

  • Lugar de bandido é na CADEIA……. Eu acho que tem neguinho que vai voltar pra PAPUDA !!! KKKKKKKKKK !!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • Que a poder justiário faço o seu dever (julgue). Agora eu, opinião pessoal, acho que atrapalha o momento democrático (pleito eleitoral). Tudo bem que denuncie, apresente provas…etc. Mas acho no mínimo muito midiático para denúncias… não podemos esquecer o contraditória e a ampla defesa. Aah, se cometeu um crime que seja punido.. não estou defendendo ninguém, apenas uma visão jurídico garantista.

  • Gostei do item nº1! Ora, vamos pensar e falar sério; o momento democrático não é atrapalhado quando andamos dentro da Lei. O cidadão comum é maltratado e ninguém nota; a bandalha empalitozada é logo ofendida; até a OAB/AP lança nota de repúdio quando essa imprensa fuxiqueira emite ofensas, em nome da liberdade de imprensa. Democracia não significa anarquia. A honra do cidadão está acima de interesses escusos que nos maltratam.

  • Graças a post em seu blog denunciando a quadrilha que comanda a SFA-AP, não fui “ainda” demitido. Em função de demissão anterior, motivada pelo Sr. Antônio Cláudio de Almeida Carvalho, secretário do Capi, e Antônio Góes, primo do Waldez. Pergunto: onde foi parar o dinheiro do projeto que aprovei na Embrapa Amapá. Engraçado o Silas Mochiutti nem pós na área tem, mas “faz” melhoramento de açaí. Eu com Phd sou demitido porque segundo eles “meu trabalho não vale nada, o que vale aqui é influência”, palavras deles. Segue o link: http://www.boletimpecuario.com.br/notes/noticia.php?not=ancora1578.boletimpecuario

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *