• As excelências estão dando provas de que o Presidente Francês Charles de Gaule tinha razão. O Brasil não é um País sério. Enquanto o MP e o Judiciário se ocupavam em condenar a patuléia, o andar inferior da sociedade e o famoso PPP ,as excelências no Legislativo nunca cogitaram em subtrair poderes do MP e do STF. Bastou que meio dúzia de larápios fossem ameaçados de passar algumas noites no xilindró que veio a retaliação. As excelencias querem um país com plena impunidade, onde se possa locupletar a vontade. Sabemos todos que das atividade ilícitas de que o Brasil é vítima diariamente, a roubalheira dos cofres públicos em todos os níveis de Governo é a mais acintosa e lucrativa.Nem mesmo o narcotráfico e o contrabando de armas rende tanto. Quem opera o desfalque? A mídia está aí para comprovar. Quase 100% da gatunagem é feita por prepostos indicado pelas excelências, que após encrustrados nos cargos públicos, não se importam em fazer o trabalho sujo e metar as mãos, criminosamente no dinheiro do povo.O Amapá é um exemplo acabado dessa situação. Vide Juquinhas,valérios, Lamas, etc……………………………….
    Lamentável

  • Outro dia escutei na rádio do Gilvan um arôto do jornalista Renivaldo Costa que comentava que o MPE realmente não faz nada, e quando faz ainda atrapalha e citou como exemplo o erro do MPE pedir o fastamento do presidente da Assembléia Legislativa do Amapá.

  • Quem pagou essa viagem e as diárias para uma manifestação que não é de interesse público, que não foi a serviço????????

  • Hoje há uma grande atuação conjunta na luta contra a corrupção e a impunidade no Brasil e na promoção de uma cultura de transparência e integridade na esfera pública.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *