Ferveu o Ki-suco do Moisés

 

Com 18 votos favoráveis e seis ausências, o plenário da Assembleia Legislativa afastou o deputado Moisés Souza, em caráter definitivo, do cargo de presidente da ALAP.

O parecer foi encaminhado para o Conselho de Ética (Sim, tem) para abrir processo de cassação do mandato de deputado estadual.

Os deputados ausentes foram o próprio Moisés Souza, Júnior Favacho, Michel JK, Jaime Perez, Charles Marques e Augusto Aguiar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *