Da Folha de São Paulo

Testemunhas reafirmam compra de votos no AP

KÁTIA BRASIL

Uma semana depois da acusação de que o senador Gilvam Borges (PMDB-AP) comprou testemunhas no processo que cassou mandatos do casal João e Janete Capiberibe (ambos do PSB), duas delas reiteraram à Folha os depoimentos que deram em 2002 ao Tribunal Regional Eleitoral do Amapá.
Na ocasião, as testemunhas Maria de Nazaré da Cruz Oliveira, 35, e Rosa Saraiva dos Santos, 37, afirmaram que receberam, cada uma, R$ 26 para votarem em João (candidato ao Senado) e Janete Capiberibe (Câmara).
Naquele ano, o PMDB ingressou com representação contra o casal, e elas foram testemunhas. Mas o TRE considerou os depoimentos improcedentes. O PMDB entrou com recurso no TSE.
Com base nesse recurso, o TSE cassou Capiberibe em 2005, sob a acusação de compra de votos, considerando como principal prova os dois depoimentos.
O beneficiado com a cassação de Capiberibe foi Gilvam Borges, terceiro lugar.
Nas eleições deste ano, o casal concorreu novamente. Mas, em razão da Lei da Ficha Limpa, teve seus registros barrados pelo TSE. Ainda cabe recurso. Se mantida a decisão, Borges, novamente terceiro, será beneficiado.
Maria e Rosa foram ouvidas de novo após a Folha ter revelado que, em julho, o ex-cinegrafista Roberval Coimbra Araújo disse, em depoimento ao Ministério Público Federal, que elas receberam R$ 14 mil para fazer a acusação contra os Capiberibe.
Ainda segundo Araújo, as duas recebem, faz oito anos, mesada de R$ 2.000, paga por Gilvam Borges, aliado de José Sarney (PMDB-AP).
À Folha, no sábado, Rosa disse que, em outubro, foi Araújo quem ofereceu dinheiro para elas mudarem o depoimento. “Ele ofereceu R$ 400 mil. O Capi [Capiberibe] que ia dar pra ele.”
Rosa e Maria dizem que, na eleição de 2002, trabalharam na campanha para os Capiberibe e para Cláudio Pinho, candidato ao governo pelo PSB. “Se a gente não votasse, não ia ser incluída no Bolsa Família”, disse Maria.
Após o pleito, afirmam que foram procuradas por Araújo e pelo advogado Fernando Aurélio de Azevedo Aquino, funcionário do Senado até 2009 e autor da ação de cassação movida pelo PMDB.
“O Aquino perguntou se a gente tinha achado certo [a compra de votos]. Disse: “Claro que não!'”, falou Maria. Após ele perguntar se iriam à Justiça, ela disse que sim, por ter “feito coisa errada”. Elas negaram ter recebido casas ou mesadas de Borges.
“Somos agentes de saúde, concursadas. Tenho uma dívida de R$ 12 mil, que foi para construir minha casa. Se recebesse mesada, minha vida era outra”, disse Rosa.
Durante a entrevista, um Ford Focus preto passou na porta da residência, duas vezes, em velocidade baixa. O carro está em nome da dentista Dilvana Carvalho Silva Borges, casada com Giodilson, irmão de Gilvam Borges.
Ontem, a TV Tucuju, da família de Borges, veiculou imagens da entrevista da Folha com Maria e Rosa -gravadas com câmara de celular pelo marido de Maria, Cirineu dos Santos Silva, 41. (KÁTIA BRASIL)
Ex-cinegrafista afirma que pode fazer acareação com as duas
O ex-cinegrafista Roberval Coimbra Araújo negou ter feito oferta de R$ 400 mil para as testemunhas Maria de Nazaré da Cruz Oliveira e Rosa Saraiva dos Santos. “Se for preciso, faço uma acareação com elas na Polícia Federal.”
O casal João e Janete Capiberibe negou perseguição às testemunhas. “Os depoimentos prestados por essas mulheres no TRE não tiveram importância, portanto, não havia razão para se preocupar com elas, muito menos para perseguí-las”, afirmaram em nota enviada.
Ontem, Capiberibe negou que tenha feito às testemunhas a oferta de 400 mil.

Entrevista

Procurada pela Folha para falar sobre o Ford Focus preto que rondou a residência das testemunhas em Macapá, a assessora do senador Gilvam Borges (PMDB-AP) Cláudia Gondim confirmou ser o carro de parentes dele.
O veículo, segundo Gondim, estava monitorando a residência porque no dia anterior, quando a reportagem fez o primeiro contato com as testemunhas, elas procuraram um aliado do senador, identificado por Chaboca.
Segundo a assessora, esse aliado relatou que as duas estavam com medo e que, ainda de acordo com elas, a repórter perguntou quanto elas queriam ganhar para dar a entrevista à Folha.
Gondim disse que, após um contato da reportagem, Maria e Rosa foram levadas por um advogado ao Ministério Público Estadual.
Lá prestaram depoimento -entre 11h e 12h de sábado, antes da entrevista com a Folha, às 15h- e reafirmaram a acusação de que a reportagem fez a oferta de dinheiro pela entrevista, no primeiro contato com elas, dia 19.
No depoimento, também disseram que dariam a entrevista no sábado sem que fosse falado em valores.
A Folha não oferece dinheiro para entrevistas. A reportagem fez duas ligações para Rosa no dia 19: a primeira, para solicitar a entrevista; e a segunda, para saber a resposta. Na ocasião, elas marcaram o horário e o local, espontaneamente.

  • eita que o gilvam como sempre perde eleição e quer a quarquer custo o mandato dos outros … ja ta virando moda, acredito que ele ta querendo entrar pra historia do amapá, como o senador que nunca foi eleito pelo povo mas que exerceu mandatokkkk ( espero que dessa vez não)…

  • Quem vende o voto por 26 reais jamais recusaria 400 mil reais, aliás, é uma tentação e pouquíssimas pessoas não aceitariam, portanto, fica evidente que as senhoras foram manipuladas e ganharam algo para fazerem as denúncias de compra de votos, porém mais ridículo foi o TSE aceitar o testemunho delas.

  • Muintas coisas “obscuras” nessa armação p/cima dos CAPIBERIBES.Penso que essas senhoras deveriam sofrer punições tb por venderem seus votos,se é que isto é verdade.Muinta “estorinha” p/poucas verdades,vendem o voto por R$ 26,00 e recusam R$400.000,00…kkkkkk,só rindo mesmo.Jornalistas da Folha de Sampa devem tomar muinto cuidado c/essa turma ai,pois já estão dizendo isto(dinheiro p/entrevista).Cuidado,muinto cuidado,a mulher tá com dívidas e um dim dim é sempre bem vindo.AFF!quanta sujeira.

  • REPÓRTER DA FOLHA DE SP KÁTIA BRASIL
    >Muito interesse do Jornal Folha de São Paulo e mais ainda da jornalista Kátia Brasil!!! então vamos à alguns questionamentos:
    1- É bem claro na reportagem que foi veiculada na emissora de TV de Gilvan através do capacho Belair a repórter oferece dinheiro pela entrevista, porém Belair se contradiz achando muito estranho tudo isso;
    2- Quem pagou passagens aéreas, hospedagens, alimentação e deslocamentos na cidade da repórter aqui em Macapá? Será que ela não tava no dito Fócus preto de familiar de Gilvan que passava pelo local é só a PF quebrar o sigilo telefônico da mesma e saberemos quem a contratou e deu total apoio a mesma em Macapá, inclusive conta bancária;
    3- Como ela descobriu o telefone dessa pessoas aqui em Macapá e como a mesma chegou até a residência des mesmas, pegou taxi?
    SE A PF OU A JUSTIÇA DESEJAR LEVAR A FUNDA, ACABA COM ESSA FARSA DE VEZ POR TODAS, NEM EU QUE NÃO SOU DESSA ÁREA DEI DIVERSAS DICAS COMO ACABAR COM ESSE SENADOR QUE SÓ GRANHA ELEIÇÃO NO TAPETÃO SUJO.
    >CARTA ABERTA À PF: MESMO COM O DIREITO DE IMPRENSA E SIGILO DA FONTE QUE NÃO É O CASO, POIS O FATO É PÚBLICO, ME FAÇA MAIS ESSE FAVORZINHO NO AMAPÁ, ACABEM COM ESSA FARSA PLANTADA FALSAMENTE.

  • Essas duas senhoras tem é que procurar a justiça e confessar logo a verdade, pq do jeito que estão agindo, vão acabar é atraz das grades!!!

  • Pessoal, essa senhora chamada Rosa, trabalhava como cabo eleitoral do Capi….. Vcs não acham que tem dente de coelho nesta história dela?

  • Alcilene minha querida me diga uma coisa, vc está sabendo o nome do pessoal q foi liberado lá da papuda hj? um foi o Humberto e os outros 2 quem foram?
    bjos

  • Primeiro elas dizem que o Capi comprou os votos, agora dizem: “Se a gente não votasse, não ia ser incluída no Bolsa Família”, elas estão “doidinhas da silva”,
    Hei Rosa e Maria Vcs vão acabar é no XILINDRÓ. rsrsrsrsrsr

  • Querida Alcilene,
    Quem assiste a tv de gilvam até parece que a campanha eleitoral voltou somente nessa emissora. Toda hora a mesma reportagem, será que a Justiça não vê que esse tipo de notícia falsa é sensacionalismo puro pra quem ta desesperado e nunca ganhou uma eleição. O Senador Gilvam não sabe fazer outra coisa senão tentar difamar Capi. Essa Gilvam perdeu-perdeu. Há não ser que Sarney novamente faça outra manobra daquelas.
    Que vergonha Senador Gilvam, torne público seus projetos aprovados: Posso facilitar e citar o mais importante: – construção de passarelas de concreto em áreas de ressacas. Se eu fosse você apresentaria projetos de construção de casas próprias para tirar essas pessoas das áreas de ressacas. Que vergonha pra um senador da república incentivando pessoas a continuarem morando em áreas insalubres.

  • Alcilene isso é verdade: quer dizer que as mesmas venderam seus votos por R$ 26,00 reais parcelados, mais não aceitaram R$ 400.000,00 mil reais. Elas são muito idôneas e corretas. Que farsa sem precedentes essa. A Justiça vai desvendar isso e colocar essas pessoas na cadeia.

  • Veja como é próprio desta ala do PMDB comandada pelo Sarney, quando perdem correm logo para o tapetão, o fato ocorreu também em Minas Gerais,só que até agora por duas vezes não deu certo, veja o linkhttp://ultimosegundo.ig.com.br/politica/tre+nega+pedido+de+cassacao+do+governador+de+minas/n1237837675049.html

  • O MUNDO DE ILUSÃO QUE O POVO CAPIBERIANO DOENTE VIVE. QUER DIZER QUE QUANDO A FOLHA VEM AO AMAPÁ FAZER ENTREVISTA QUE NÃO BENEFICIA O CASALZINHO É PQ FOI PAGA, MAS QUANDO VEM FALAR DE OUTROS É IMPRENSA TRANSPARENTE. QUER DIZER QUE O CASALZINHO É O MAIS HONESTO DO MUNDO, NADA NEM NINGUÉM PODE FALAR DELES, SÃO A HONESTIDADE EM PESSOA, TOFFOLI QUE O DIGA…
    ESSA DEFESA TODA A ESSE CASAL CAPIBERIBE CORRUPTO É RIDÍCULO. ABRAM OS OLHOS, O TEMPO DE DESGRAÇA ESTA DE VOLTA AO AMAPÁ.

    • E vc que tem que abrir o seu, pois a desgraça já está implantada no Amapá, culpa sua que passou oito anos falando mal do Capi e esqueceu do Bando que saquearam o dinheiro do estado.

    • Quer dizer que o governo dos 08 anos atrás foi bom p/vc? Arruma as malas e se manda daqui.Ah! aproveita quando eles se mudarem p/PAPUDA(rsrs) e vai junto,já que gostas deles.

    • Quem ganhava ou ainda ganha e queria a permanência do grupo da harmonia sempre serão inimigos dos Capiberibes, queiram ou não isso é fato, fale o que quiser do casal preferimos Eles e mais o filho Camilo a frente do novo rumo para reconstruir o Amapá que o grupo da harmonia deixou em estado lastimável, tantas dividas e esperem que mais ainda aparecerão, é Alexandre, Capi e Janete em qualquer comparação é melhor para o Amapá que tudo isso que agora foi descoberto ao publico em geral mas que muita gente já sabia

    • Rapaz, vá na igreja, tire esse ódio do coração. Esse chororô todo seu é porque vc ou perdeu a teta no governo, ou vai perder quando o senador tapetão, se Deus quizer desocupar o lugar que o povo, não um tribunal da vida, lhe tirou, na voz silenciosa das urnas. Esse posicionamento seu, deve ser efeito da taca eleitoral levada, limpa, honesta e democraticamente. O povo do Amapá, e não somente um colegiado de juízes, quer como seus representantes em Brasilia, Capi e Janete, e o resultado do ultimo pleito, decidiu assim, simplesmente isso.

  • Em devemos acreditar na historia do lobo mau e chapeuzinho vermelho, na historia do Pinóquio ou na historia dessas duas testemunhas do caso Capi e Janete em 2002, vejam só que aberração em 2002 elas falam que venderam seus votos pó R$..26,00 (Reais ) é importante destacar em DUAS PARCELAS, oito anos depois essas duas senhoras falam que receberam proposta de pessoas ligadas ao casal Capiberibe para deporem a favor deles a importância de R$.400.000,00 (Quatrocentos Mil Reais) eu acho que elas não tem noção o que é esse valor, só para ter uma Idéia dessa quantia são em notas de 100 reais são 4.000 cédulas de cem Reais, de 50 reais as famosas oncinhas são 8.000 cédulas de 10 reais são 40.000 cédulas de 10 reais. Fica uma grande interrogação como é que uma pessoa diz que vendeu seus votos por 26 reais e rejeitam R$.400.000,00 (Quatrocentos Mil Reais) eu acho que devemos acreditar na historia lobo mau e etc.

  • O endereço do link ações do PMDB tapetão é:
    http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/tre+nega+pedido+de+cassacao+do+governador+de+minas/n1237837675049.html

    obs. não é todas as alas do PMDB que tem essas atitudes,tem gente boa do mesmo caráter do Ulisses Guimarães, creio que a ala do Pedro Simon seja diferente e boa, a ala que usa o tapetão quando perde é ligada ao Sarney.
    http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/tre+nega+pedido+de+cassacao+do+governador+de+minas/n1237837675049.html

  • sou roberval araujo reportercinematografico e estou a disposiçao da justiça para esclarecer os fatos e colocar um fim nessa historio de mentiras, quero colaborar com a PF e quero uma acariaçao com as duas vamos chamar de manipuladas e verao que toda a verdade virar a tona “assim disse um pensador , quem fala a verdade nao merece castigo” sobrevivi e agora vamos provar a verdade e colocar fora o sarney e sua corja de… agorasim gilvam vcs sao todos bandidos me prossesa , minha duvida se eu nao tiverse falando a verdade porque ainda nao fui prossesado por gilvam???? e quem teria interese em me calar com minha morte … mais Deus e maior que os terreiros de humbada e candoble do maranhao e do pai claudio : nao tenho medo vou ate o fim e que Deus me proteja do diabo do olho grande.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.