Coordenador da Bancada Federal faz visita institucional ao MP-AP

A procuradora-geral de Justiça do Ministério Público do Amapá (MP-AP), Ivana Cei, recebeu nesta segunda-feira (3), o coordenador da Bancada Amapaense no Congresso Nacional, deputado federal André Abdon, quando conversaram sobre projetos estratégicos do MP, que visam fortalecer a atuação institucional em defesa da sociedade e sobre os recursos que o MP executa através de emendas parlamentares.

 

O MP-AP é referência nacional em captação de recursos extraorçamentários, o que tem possibilitado avanços em diferentes áreas, principalmente em Tecnologia da Informação, gerando o fortalecimento das Promotorias de Justiça em todo o Estado do Amapá.

“São recursos complementares, que em tempos de crise, fazem toda a diferença na capacidade da instituição de executar projetos estratégicos e melhorar as condições de trabalho dos membros e servidores do MP-AP. O resultado direto desse investimento é a melhoria na qualidade dos serviços que prestamos todos dias à sociedade”, ressalta a PGJ Ivana Cei.

André Abdon ressaltou a importância do diálogo institucional com o MP-AP para a  definição da agenda parlamentar. Citou, por exemplo, a destinação de emendas para áreas ambientais alocadas sob a orientação da Promotoria de Defesa do Meio Ambiente, como a que possibilitou a construção de passarelas de concreto em áreas de ressaca localizadas no bairro Congós.

Além de lutar pela preservação, o MP-AP atua diretamente em projetos que possam contribuir para melhorar a qualidade de vida dos moradores das áreas de ressaca, cobrando melhorias na infraestrutura, na oferta de serviços públicos e desenvolvendo projetos de educação ambiental, como o “Colorindo Vidas”, coordenado pelo Centro de Apoio Operacional do Meio Ambiente.

Para o segundo semestre deste ano, o deputado assegurou a destinação de emenda ao MP-AP, no valor de R$ 200 mil ( duzentos mil reais), para aquisição de veículos que serão utilizados no combate ao crime organizado. “Sabemos da importância desta instituição para a defesa dos interesses coletivos. Por isso, penso que é nosso dever contribuir para a sua manutenção e fortalecimento”, disse Abdon.

Participaram, ainda, da reunião a corregedora-geral do MP-AP, procuradora de Justiça Estela Sá; a coordenadora-geral do Centro de Apoio Operacional da Infância e Juventude, procuradora de Justiça Judith Teles; o chefe de gabinete do MP-AP, promotor de Justiça Vinicius Carvalho; o assessor especial da PGJ, promotor de Justiça João Furlan; o titular da Promotoria do Meio Ambiente, promotor Marcelo Moreira; o promotor Anderson Batista, titular na 1ª Promotoria de Justiça Criminal e Tribunal do Júri, e a assessora técnica Alcilene Cavalcante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *