Carreta da Mulher encerra atendimentos no São Lázaro com mais de 6 mil procedimentos realizados

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) encerrou na última sexta-feira, 1º de novembro, os atendimentos da Carreta da Mulher no bairro São Lázaro, zona norte. Desde que foi entregue à população, em março de 2017, o veículo já realizou mais de 30 mil atendimentos como consultas ginecológicas, ultrassons e coletas de PCCU.

Em quatro meses que o veículo esteve na zona norte, 6.041 procedimentos foram feitos. O mais procurado foram as consultas ginecológicas, que somaram 2.416, seguido das ultrassonografias da mama e transvaginal, que 1.487 mulheres realizaram; 954 coletas de PCCU, 923 testes rápidos e 261 foram em busca de requisições de mamografias.

“São mais de dois anos de funcionamento levando serviços, voltados à saúde da mulher. Mais de 30 mil realizados, é bastante coisa. Mas ainda temos desafios, como o aumento de coletas de preventivo, que, comparado com os demais exames, ainda tem número baixo. No próximo local de atendimento, iremos intensificar a oferta e sensibilizar as mulheres da importância do exame para a prevenção de doenças mais sérias como o câncer de colo do útero”, comentou a secretária de Saúde, Silvana Vedovelli.

Até que seja definido um novo local para o deslocamento, a carreta ficará em manutenção. “Foram quatros meses de funcionamento contínuo e o próprio veículo precisa de uma pausa para passar por esses procedimentos. A equipe também aproveita para fazer o planejamento para o próximo deslocamento. Tão logo seja definido, divulgaremos para a população”, explicou a coordenadora Kelly Bittencourt.

A Carreta da Mulher

Funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, oferecendo consultas ginecológicas, exames de ultrassonografia e coleta de exame Preventivo do Câncer de Colo do Útero. No caso de ultrassonografia, é necessário apresentar requisição médica. Este encaminhamento é feito pelas unidades de saúde da rede municipal que funcionam no entorno dos locais de atendimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *