Caesa amplia atendimento para negociações de dívidas até dia o 18 de dezembro

Empreendedores e pessoas físicas que não negociaram suas dívidas negativadas com a Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa) no Mutirão Limpa Nome realizado nos dias 9 e 10 de dezembro, parte do programa governamental Amapá Mais Forte, terão a oportunidade de retirar suas restrições com condições especiais por mais uma semana.

A Caesa continuará com o posto de atendimento no prédio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), localizado na Avenida Ernestino Borges nº 740, bairro Laguinho, das 9h às 17h, até o dia 18 de dezembro.

Para facilitar o acordo com o cliente, os juros e multas das dívidas negativadas foram zerados, e o prazo para pagamento é de até 56 parcelas, de acordo com a capacidade de pagamento do titular da matrícula. A entrada do parcelamento caiu de 30% para 10% do saldo devedor.

“O Governo do Estado quer que todos tenham condições de acessar as linhas de crédito do programa Amapá Mais Forte, e para isso facilitamos ao máximo para que os clientes negativados com a Companhia possam limpar o seu nome e ter oportunidades de aquisição de fomentos para o seu negócio e sua família”, explicou o diretor presidente da Caesa, Valdinei Amanajás.

Atualmente, 2.498 clientes possuem negativações no CPF ou CNPJ em virtude da inadimplência com a Caesa. São R$ 2.272.203,46 em débitos a serem negociados.

 Assessoria do Governo do Amapá

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *