1º dia de lockdown. Barreiras, notificações , multas e fiscalização de estabelecimentos

Como parte das medidas restritivas, a Prefeitura de Macapá realizou nesta terça-feira, 19, barreiras e fiscalizações de trânsito em diversos pontos da capital para o cumprimento do primeiro dia de isolamento social mais rígido. A medida é para combater a Covid-19 e faz parte do Decreto Municipal 2.058/2020, que prevê o sistema de rodízio de veículos e circulação de pessoas nas ruas.

Uma das barreiras ocorreu na Rua Claudomiro de Moraes, na altura da rotatória da Avenida 13 de Setembro, bairro Buritizal, local com elevado índice de pessoas com Coronavírus. Participaram da ação a Companhia de Trânsito de Macapá, Guarda Civil Municipal, Polícia Militar e fiscais de diversas secretarias. Neste primeiro dia, pelo sistema de rodízio, estavam liberados os veículos com finais de placa ímpares; e amanhã estarão permitidos os com finais pares.

De acordo com o diretor de Trânsito da CTMac, Manoel Filho, os veículos que estiveram fora do rodízio foram notificados e multados. Um levantamento inicial apurou que mais de 20 condutores já tinham sido notificados pelo descumprimento das medidas do lockdown. “Os veículos são verificados e, caso estejam fora do rodízio, os donos são multados no valor de 130 reais e mais 4 pontos na Carteira Nacional de Habilitação, segundo o Artigo 187 do Código de Trânsito Brasileiro. Tudo ocorre de maneira online, ou seja, na mesma hora a multa cai no sistema do motorista. Essa é uma medida para tentarmos frear o avanço da Covid-19”, afirmou.

O decreto prevê que terão trânsito livre os veículos essenciais, como ambulâncias, ônibus, táxis, mototáxis, delivery, bancários, correios, imprensa, fiscalização, funerária, alimentos, serviços públicos de saúde, segurança pública, guinchos, coleta de lixo, obras, distribuidoras de água, gás e energia. O entregador de alimentos Diego Ramos, 19 anos, apoiou a iniciativa. “Acho importante ter as restrições. Tenho visto muitas pessoas que estão ignorando essa doença e a gente ver pessoas próximas morrendo. Tomara que os motoristas respeitem e fiquem em casa”, afirmou.

Paralelamente, os agentes da prefeitura fiscalizaram estabelecimentos comerciais próximos da barreira que possuem autorização para somente venda em delivery. A intenção é evitar as aglomerações nesses locais. Marcio Pimentel, secretário de Meio Ambiente e membro do Comitê de Enfrentamento da Covid-19, explicou que a ação conjunta é para coibir a ação de pessoas que estão desrespeitando o Decreto Municipal.

“Aqui está ocorrendo a medida de fiscalização para o cumprimento do lockdown no que se refere às placas dos veículos. Além disso, as fiscalizações a estabelecimentos para as determinações previstas no decreto, que são aquelas para evitar aglomeração e os locais onde não é permitida a venda de produtos de maneira presencial”, afirmou o secretário Márcio.

Desinfecção

Ainda na manhã desta terça-feira, servidores da prefeitura distribuíram máscaras de proteção às pessoas que não possuíam e ocorreu ainda a desinfecção de diversas ruas e avenidas adjacentes a barreira. Foram utilizados caminhões-pipa e pulverizador costal, que jogavam produtos como cloro para melhorar a limpeza na frente dos imóveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *