Do site SelesNafes.com

O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou a abertura de inquérito, a pedido da Procuradoria Geral da República, contra a deputada federal do Amapá, Jozi Araújo (PTN). A parlamentar é acusada de mandar torturar um homem que teria emprestado dinheiro para a campanha dela, em 2014.

A assessoria da deputada informou que está encaminhando nota ao portal SELESNAFES.COM com o posicionamento da parlamentar. 

As denúncias são do empresário Noel dos Santos Almeida. Ele alega ter emprestado R$ 35 mil à deputada durante a eleição. Como garantia de pagamento, a parlamentar teria lhe entregado três cheques de R$ 500, R$ 4,5 mil e R$ 30 mil.

Leia mais aqui