Quem souber responde aí

O DNIT, do Ministério dos Transportes, não quer  com o Governo do Estado as obras de pavimentação do trecho Sul, da BR-156.

Foi o que disse o Diretor do DNIT, Luiz Antônio Pagot, na cara dos deputados federais e do secretário de Transporte do Amapá, Rodolfo Torres, em Brasília.

Por que será? Quem souber responde aí.

  • O medo do DENIT é em função dos exemplos que estão aí:Ponte do Laranjal do Jari,Aeroporto de Macpá,Hospital do Câncer,Trecho Norte da Br 156.Os motivos todos já sabem.

  • E o DESGósverno,nem ai p/azar do povo. Grana é oque não falta,+ os projetos não saem do papel e quando saem,logo são paralizados por irregularidades.Talves em 2010,as “obras” comecem a aparecer,final de mandato e disputa de outro,ai o “dim dim” aparece.AH! aparece sim…quer ganhar outra,quer continuar na mamata.Enquanto isto,POBRE AMAPÁ,POBRE POVO,POBRE POBRE e…..TAMÚ F…..

  • O governo prometeu asfalto daki no Oiapoque em 4 anos, em 8 anos não chegou nem perto e o q foi construido, já não presta mais. Vejamos ae os canos da caesa q era pra durar 40 anos, com 4 anos tão em miséria.( alguem ficou com o ARROZ….e garanto q naum fui eu!!).

    Quem de bom senso( coisa q o governo Lula tem pouco…)vai entregar recursos a este governo q esta ae???

  • E enquanto isso o Ministério Público Estadual lança com confetes e serpentinas seu planejamento estratégico. Será que dentre os objetivos do planejamento foi contemplado a fiscalização pra valer, eu disse “pra valer” não é “para inglês ver” na aplicação dos recursos públicos pelos gestores que há muito já confundem a coisa pública como privada?

    • Mirian, primeiro que não foi lançado com confetes e serpetinas. Foi uma cerimônia interna para Membros e sevidores. Aproveito e lhe devolvo a pergunta: O TCE que fiscaliza as contas dos gestores públicos está fiscalizando pra valer?

  • Lene, tanto eu quanto você sabemos que não. Afinal os órgãos de controle no Amapá só fazem de conta mesmo. A diferença é que o TCE não divulga ações que não faz. Seus membros preferem silenciar-se à fazer propaganda enganosa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *