MP-AP é um exemplo a ser seguido, diz procurador geral de Goiás

Essas foram as palavras do procurador de Goiás, Eduardo Moura, ao referir-se ao avançado modelo de gestão do MP-AP na definição da missão, visão e objetivos do Planejamento Estratégico da Instituição.

Dione Amaral

O Ministério Público do Amapá apresentou o marco inicial de execução dos projetos que fazem parte do Planejamento Estratégico do órgão.  O lançamento foi na última sexta-feira, 21, do auditório do Sebrae. Na platéia, estavam membros, servidores, autoridades e convidados, entre eles o procurador-geral do Ministério Público de Goiás, Eduardo Abdon Moura.

O planejamento estratégico define a missão, visão, valores e objetivos que o Ministério Público quer alcançar para ser uma Instituição de excelência. “É um documento que expressa aonde queremos chegar e como é que vamos fazer para atender a população do Amapá dentro daquilo que é a nossa missão, de defender o direito à saúde, à educação e a garantia de uma vida melhor”, afirmou o procurador-geral do MP-AP, Iaci Pelaes dos Reis.

O grupo gestor do Planejamento Estratégico apresentou os objetivos e os projetos definidos em dois workshop e reuniões realizados em 2008. De acordo com o procurador-geral de Goiás, Eduardo Moura, o MP-AP está entre os quatro Ministério Público que conseguiram chegar nesse modelo de gestão tão avançado.  “É um exemplo a ser seguido, nem o nosso de Goiás chegou a esse nível”, destacou Eduardo Moura que citou ainda como modelo, o MP do Rio Grande do Sul, Pernambuco e Mato Grosso.

Em sua apresentação sobre gestão estratégica, Eduardo Moura, ressaltou as atribuições contemporâneas do Ministério Público em uma atuação baseada em resultados. “Não adianta nada o promotor trabalhar muito se o impacto social dele não aparece. A proatividade significa o cidadão na ponta sentir o reflexo da atuação da Promotoria”, explicou o procurador.

Ao final do evento, todos os presentes receberam a publicação que reúne todos os projetos e programas do Planejamento Estratégico.

Olha eu aí, apresentando o PE
Olha eu aí, apresentando o PE
  • Égua em Goiás também não se apura nada.Isso é força de expressão,todo visistante faz esses elogios como forma de respeito e nada mais.

    • Ô complexo de inferiodade. Por que não pode ser bom? Só por que é daqui? Nao confunda alho com bugalhos.

  • Muito bom ter um modelo de gestão moderno e elogiado, mas temos que assegurar que a politica não interfira nos efetivos resultados que a população espera.

    • Tb acho.Elogiar p/quem está somente de passagem p/aqui é facinho.Agora vem vivenciar o dia a dia,p/sentir na pele.MP tem lá seus méritos,mas p/chegar a essa “excelência”, a Instituição ainda está bem distante dq pretende e da nossa realidade.

      • Vc só entra aqui para criticar a tudo e a todos, e ainda se encondendo por trás de pseudônimos. Isso é que é fácinho.

        • Se vc acha isto, é “facinho” tb me deletar.Acredito que se vc prestar mais atenção nos meus comentários,vai notar que tb faço elogios,envio sugestões e vc as posta.Vc tb posta e escreve(com deboches ou não),tantos aqui que tb não agrada muita gente, e nem p/isto vc deixa de fazê-los.Fundamental no meu entender,é vc saber respeitar as diferenças (divergencias de opiniões),aceitá-las.Se for p/falar só oque lhe “convém ou agrada”,eu realmente tenho que cair fora daqui.Portanto minha linda,não cabe sua resposta à minha pessoa,sim,pq sou gente( identificada ou não).Mas se o problema é nomezinho,me chame de Maria,Joana,Pedro…..Tá bom p/vc? Oque mais se ve aqui em seu blog são “pseudos”.Desculpa ai,adoro seu blog e faço indicação do mesmo p/vários amigos aqui de fora (que não são de Macapá,entende?),mas esta agora foi de ÚLTIMA.Enfim,fazer oquê né,o blog é “todinho” seu Sra. Alcilene.

          • Assim como não é falar do dos outros tb,e é oque mais vc faz em seu blog.Se vc só quer elogios,faça por onde recebê-los.Assinado PEDRO ou JOANA(escolha ai…rsrs).Tô indo à praia,antes do trampo…..Bjs

  • O Tribunal de Justiça Amapaense é destaque em Nível Nacional, o Ministério Público neste momento, contribui e testemunha este moderno modelo de gestão.

  • Seria melhor esclarecer o que e quais os exemplos que o MP-AP, pode ou podia oferecer ao Amapá e quem sabe ao Brasil. Pelo que todos nós sabemos, não tem muita coisa a oferecer, a não ser o PE, pois na pratica não deixa de ser uma secretaria do Governo do Estado.

  • O planejamento estratégico definido pelo autor da matéria, expressa aonde o MPE quer chegar, trata-se de um documento fictício, visto que, o principal objetivo para o qual a Instituição foi criada ainda está muito longe da realidade que a nossa sociedade realmente necessita, tal situação torna-se patente, principalmente quando observamos a sua inoperância quando se trata de fiscalizar e coibir as mazelas promovidas por homens públicos e servidores corruptos deste estado. Infelizmente estamos sendo empurrados ladeira abaixo rumo ao abismo do caos social, e o MPE não consegue se quer fazer o seu papel Constitucional.
    Cara blogueira, esta é a minha opinião a respeito do MPE, espero que ela seja respeitada.

  • Tem mais uma coisa: A prova cabal para o caos social a que me referi anteriormente, está retratado na matéria abaixo entitulada “É a treva”.

  • Pelo que eu entendi da reportagem esse planejamento tá mais pra um plano de marketing, ou seja, o promotor, o procurador e o Mp tem que “aparecer” mais para deixar a sensação na sociedade de que está fazendo algo. Isso pode?

  • É muito provável que o MPE,não tenha nenhum processo para ser analisado,então,vou deixar um aqui:Verificar a Nota de Empenho,no valor de R$ 7.005.494,01,assinado em 29/12/2005.Basta querer.

  • Cara alcilene, mesmos os identificados e que sao seus amigos sao quase unanimes em admitir q este MP eh incompetente. qto ao comentario da pessoa q se diz UIIII, a anonimidade eh direito de cada um se expresssar e se quiser assinar eh um direito seu, vc nao eh obrigada a postar comentarios de anonimos e vc bem sabe q no amapa PERSEGUIÇÃO POLITICA eh bem maior do q em outros estados, tanto situação como oposição fazem isso, eu tenho parentes q moram em mcp, e nao quero prejudica-los por isso eu TB nao assino! antes de dar minha cara a tapa pra politico me perseguir ou minha familia eu COM CERTEZA vou ficar do lado da minha familia! e nao me venha com essa historia de q isso eh exclusividade de W, o C adorava fazer isso tb, por isso todo mundo eh escaldado em mcp!
    outra, eu nao sou jornalista!

    • Já estou no trampo e entrei aqui, como faço sempre.Quero agradeçer à vc p/suas colocações meio que em minha defesa,mas posso apostar que a dona do blog,não vai entender,tb pouco me importa isto.Se vc observar não vi nenhum elogio à respeito da matéria aqui postada(MP-AP),mas eu sim é que fui “criticada”,por quem diz que eu só entro aqui p/fazer criticas.Hare!,vai entender….,mas “pimenta no dos outros é….”. Amigo(a),eu tb não moro em Macapá,mas tenho meus familiares lá e sei (p/eles e p/ meios de comunicações,leio-os),dos transtornos vivido pelos que lá residem,sem contar que tb já vivenciei tudo isto quando lá residia.Portanto,não sou nenhuma leiga p/falar dq falo.Não me identifico só por gostar de ser anônimo(a),mas não p/eu ou minha familia ter “rabo preso” com alguém.E como já disse,um nomezinho é um nomezinho,e só.Mas já deixei à critério da dona do blog escolher um p/mim,ou simplesmente me deletar ou bloquear,pq se depender da minha personalidade e caráter,vou continuar expondo meus pontos de vista.Beijinhosss…

  • e com relação ao MP, eh sentimento da maioria de q ele nao assegura e nem persegue a constituição como deveria ser! a saude esta um caos no Amapa, pois alem de termos um governo incompetente, temos um MP q nao corre atras de nada, nada, nada! queria ver promotor andando em postos de saude ! em hospitais!

  • Esse filme eu já vi.Levaram o Procurador Geral de Goiás para comer camarão no bafo,aí mano velho,elogios vieram aos montes.

  • Me lembro de algumas noticias dando conta de denuncias feitas ao MPE pelos dep. de oposição.
    Seria bom termos informações sobre o andamento dessas denuncias.
    Uma sugestão para uma gestão merecedora de elogios é a total transparência dos tramites dos processos no MPE, onde o cidadão soubesse quando inicia, onde está, quanto tempo está e para onde vai, além é claro dos atos tomados nas diversas passagens.
    Acredito que o MPE assim como todos orgãos publicos do estado estão desacreditados.

  • No Rio Grande do Sul,a governadora Yeda Crucys,está enfrentando um CPI por um suposto desvio de R$ 40 milhões do Detran/RS.Aqui o Waldez fez R$ 176 milhões de forma ilegal para se reeleger em 2006;desaparecimento de R$ 40 milhões da Saude;R$ 200 milhões da Educação e nada acontece.Quando esse governo acabar, o Glicério Marques,vais ser pequeno para colocar tanta gente na cadeia.

  • Eh isso eh qu eh!! quer dizer q tem q esperar o governo acabar pra poder denunciar e prender?? foi isso q entendi Observador ? se vcs soubessem tb a situação q a dra eliete borges ta deixando a politec! la ta cheio de escalas de plantao de funcionarios fantamas q ninguem ve! ESSE DINHEIRO DE PLANTOES TA INDO PRA ONDE??? cade o MPE COMPETENTE PRA INVESTIGAR?

  • todo mundo desconfia por la q a dinheirama q escorre pelo ralo de la vai pra alimentar a campanha dela pra dep estadual! CADE O MP?? CADE?

  • E O PIOR quem paga pela fama sao os funcionarios EFEITIVOS da instituiçao estao brigando pela lei organica deles para acabar com a perseguição e chatagem q a dra eliete borges faz! ela faz um mundo florido de mil maravilhas por la! so de funcionarios paraguaios de cargo de confiaça a disposição e afins, hj sao maois de 70% da folha de pagamento! POR ONDE DIABOS ANDA O MPE? isso eh modelo??? essa cegueira deles eh modelo pro pais??? PQP meu amigo! vcs ainda nao viram MP de verdade

    • Gostaria de acrescentar alguns detalhes da corrupção que vivencio todos os dias como funcionário da POLITEC. Estamos acostumados diariamente com o noticiário sobre corrupção, entretanto, embora seja um problema crônico no estado, o governo Waldez, sem dúvida nenhuma, deveria ganhar o prêmio Nobel ou entrar no Guiness Book, em se tratando de corrupção. Isto sem falar no nepotismo. Entretanto, o câncer da corrupção não se concentra somente no executivo, ele está alastrado por cada umas das secretarias e repartições públicas do governo estadual e municipal, judiciário estadual, ministério público estadual, imprensa, assembléia Legislativa, etc….. É impressionante como eles conseguiram montar uma máquina azeitada e eficiente em promover o desmonte geral do estado. Veja a POLITEC do Amapá, maior cabide de emprego do estado, onde, em função de um plantão remunerado, uma verdadeira piracema de peixes de políticos, parentes e desocupados, constantemente migram e assumem atividades criadas sob medida para o seu perfil, com as mais diversificadas e criativas escalas de plantão remunerado. Determinados dias chega a ficar mais de dez motoristas batendo papo (de plantão) na politec, o detalhe é que não existem viaturas e, atualmente, nem combustível para estes trabalhadores labutarem. Existe uma curiosa escala de plantão (entre outras) denominada escala de supervisão, o profissional que atua nesta escala, em geral um chefe encabeçado pelo maior de todos os picaretas Isnard Bezerra, tem a nobre incumbência de fiscalizar se os plantonistas realmente estão (fisicamente) no plantão. O interessante é que eles já recebem uma gratificação para serem chefes e justamente realizarem esta tarefa. O mais incrível de tudo, é que após uma árdua luta de mais de oito anos, dos funcionário TÉCNICOS – CONCURSADOS da POLITEC-AP, para se libertar da escravidão do plantão remunerado que representa mais de dois terços do rendimento desta categoria, e que é perdido em situações de doença, maternidade, férias ou mesmo se o chefe não for com a sua cara, podemos concluir que a maior oposição foi ironicamente de uma Perita Criminal, atualmente, Diretora-Presidente da POLITEC chamada ELIETE NASCIMENTO BORGES, que além de ser recordista em má gestão, corrupção e ignorância, com o único objetivo de manter o seu curral eleitoral, emperrou por anos a melhoria de condições de trabalho, de vida, de saúde, etc. dos Funcionários de carreira da POLITEC.
      Todas as irregularidades, e não são poucas, da POLITEC-AP, foram encaminhadas para o Ministério Público Estadual para apuração, com a assinatura de mais de 100 peritos, médico-legistas, papiloscopistas e auxiliares de peritos e sem nenhuma investigação, nem visita à POLITEC, ou análise de documentos, elas foram simplesmente ignoradas.
      Grande abraço a todos e vamos sonhar com o dia que o estado terá gestores de verdade e não esta calamidade que vemos agora

  • Parabéns, Lene, pelo trabalho que vcs estão desenvolvendo no MP. Críticas sempre haverá, mas sei que vcs estão se organizando para serem mais eficientes. A caravana passa…

    • Não sei qual deve ser a motivação em trabalhar no MPE no Amapá, deve ser só o dinheiro mesmo, parece que nós vivemos na Suiça, não existem mortes de bebês na maternidade, a saude é maravilhosa, não existem filas de atendimento e ninguém morre por falta de atendimento. Também temos um maravilhoso aeroporto e as nossa malha viária é incrivelmente moderna. Não existe nepo-goes-tismo e temos um belíssimo estádio de futebol no meio do mundo. O estado tem superávit fiscal, e a dívida e zero. Produzimos tudo que necessitamos aqui mesmo em função do apoio a agropecuária, não falta luz nem água, e a água encanada, quando existe é de primeira qualidade. Não temos problemas ambientais e o saneamento básico é invejável. É Lene, vc está fazendo um belo serviço, já que não existem problemas, vc pode pegar o seu salariozinho é viajar bastante para lugares menos abastados que o 1 mundo que é o amapá.

      • Andre. Mande uma artigo com sua posiçao assinado e identificado que publicamos. Sou apenas uma técnica. Vir falar do meu salário nao vai resolver nada. Em relacao aos problema na saúde, está cheio de açoes do MP. Cobre da Justiça. Quanto ao aeroporto cobre do MPF. Nos demais assuntos, o MP nao é o executivo. Se vc acha que o MP está omisso, denuncie ao CNMP. Nao venha cobrar de mim que nao sou governadora do estado. Tem graça, isso.

        • Prezada Lene, fizemos recentemente uma denúncia sobre as irregularidades na POLITEC. Esta denúncia foi assinada por mais de 100 profissionais técnicos desta instituição. O resultado foi que além do MPE não ter feito absolutamente nada para apurar as denúncias, enviaram para a diretora da POLITEC (ELIETE NASCIMENTO BORGES) o documento com as assinaturas. O que ocorreu, colegas foram enviados para as seccionais de Oiapoque e Laranjal do Jarí, outros foram excluídos das escalas de plantão remunerado que representam dois terços dos rendimentos e outros foram trocados de setores. Valeu MPE pelo belo serviço prestado para a sociedade amapaense. Mas vamos seguir o seu conselho e levar adiante os crimes que estão ocorrendo na POLITEC com a total omissão do MPE, através de uma denúncia ao CNMP. Pode ficar certa disso.

          • Se foi enviado para a Polietec, com certeza era pra que o orgao possa responder. Entao Andre, use os mecanismos que vcs como servidores tem. Nao venha culpar a mim que sou uma servidora.

  • Pô, Cabecinha. Te veste de homem e protocola essas denúncias no MP.Pára de ficar chorando no blog dos outros. Faz um pra ti e pro uuiiii(coisa de quem levou uma dedada no ceço)

    • P/vc que não sabe, gosto mesmo é de “zuar” no dos outros,sem contar que meu time é precioso a noite.E vc tá vestido de homem logo c/esse nick (Batman?????),UUUUIII…sua capa dever ser “rosinha”….kkkkkk
      Alguém aqui viu algum elogio p/esta matéria(MP/AP),em em????? Se viu…eu preciso procurar um oftalmo urgente,devo estar ceguinn…..kkkkkk

    • E vc deve tá morrendo de inveja da ded…..,né? Lamento,vc deve ser tão “ruim”,que nem o ROBIN te quer…..kkkkkk

  • ei o Batman! um perito de prenome Isnard ja fez isso! ja fez uma dennunncia la no MP! dando os detalhes inclusive ano passado! e advinha no que deu??? Nada! nao deu nada!

  • Não acredito que o MPE não tenha diário oficial para acompanhar essas bandalheiras todas, só Contratos Administrativos são 9.700. CARTÃO VERMELHO PARA O MPE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *