Ex-presidente da UNA, Iury Soledade, usava perfil falso e se passava pela deputada Aline Gurgel

O ex-presidente da União dos Negros do Amapá (UNA), Iury Soledade, foi indiciado pela Polícia Civil. Iury teria usado aplicativos de mensagens e se passado pela deputada federal Aline Gurgel (PRB) para facilitar a liberação de recursos públicos para a entidade e para outras instituições. Segundo a PC, ele utilizava um perfil falso no aplicativo WhatsApp com nome e foto da deputada.

Nota de esclarecimento da deputada Aline Gurgel

Nota de esclarecimento

A deputada federal Aline Gurgel vem a público informar que soube que a Polícia Civil do Estado do Amapá, por meio da 6ª DP sob investigação do delegado Leandro Leite, indiciou na manhã do dia 10 de junho, um homem de 22 anos de idade pelo crime de estelionato. Ele teria criado um perfil falso em um aplicativo de mensagens de texto com a fotografia e o nome da Deputada, no mês de fevereiro deste ano, no intuito de enviar mensagens com o objetivo de favorecer a liberação de recursos e o direcionamento de verbas a determinadas entidades.

A deputada agradece o empenho da Polícia Civil para a elucidação dos fatos. Aline também esclarece que o acusado já foi candidato ao cargo de vereador pelo PRP, partido que sempre foi aliada. Ela se entristece em saber que uma pessoa que já atuou a seu lado, politicamente, possa estar envolvida num caso de estelionato envolvendo seu nome.

Há anos a parlamentar vem sofrendo ataques nas redes sociais e pela primeira vez, após registrar um boletim de ocorrência, teve o caso esclarecido.

Assessoria de imprensa da deputada federal Aline Gurgel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *