Presidente da Aspometerfa é convocada para esclarecer denúncias envolvendo o governador Camilo Capiberibe

A líder do PDT na Assembleia Legislativa, deputada Marília Góes, pediu nesta terça-feira (13) a convocação da presidente da Associação dos Policiais e Bombeiros Militares (Aspometerfa), Socorro Modesto, para prestar explicações no plenário da Casa sobre denúncias envolvendo o governador Camilo Capiberibe (PSB). Segundo denúncias, Camilo promoveu três tenentes a capitão de maneira irregular, contrariando até mesmo o parecer da Procuradoria Geral do Estado.

A deputada encaminhou a Mesa Diretora documento para que a presidente preste esclarecimentos no plenário, com a apresentação de todas as provas demonstrando como foi feita a promoção dos militares. “Existem 23 vagas para oficiais, o governador fez a promoção de três e ainda de maneira irregular. A informação que se tem é que os beneficiados têm ligação com o governador e teriam passado à frente de outros 60 que aguardam pela promoção”, denunciou Marilia.

As vagas estão disponíveis desde o ano passado. Para conseguir a promoção o militar tem de estar há pelo menos três anos na mesma função, o chamado interstício – vaga por tempo de serviço. “Os militares promovidos não atendem a esta exigência”, denunciou um militar, que pediu para não ter o nome revelado, com medo de represália por parte do governo.

A Mesa Diretora deve confirmar para a próxima semana o depoimento da presidente da Aspometerfa, Socorro Modesto, no plenário da Assembleia Legislativa. A parlamentar, que também preside a Comissão de Direitos Humanos da Casa, pediu para que a Mesa Diretora garanta todos os direitos à presidente, para evitar perseguições.

“Existem muitas denúncias de assédio moral no atual governo e queremos apenas garantir que a presidente possa fazer os devidos esclarecimentos sem sofrer qualquer tipo de retaliação”, explicou Marilia Góes.

 

Emerson Renon

Assessor de Imprensa

  • Puxa, a Deputada Marília Góes realmente parece estar realmente honrando o mandato no qual está investida! Claro, toda denuncia que atente contra a moralidade administrativa, deve sim ser apurada e, conforme o caso, o autor punido, doa a quem doer. Mas, no governo estadual passado, a Sra. Deputada esteve atenta aos desmandos? Aliás, a Sra. não foi também protagonista dos fatos imorais noticiados pela imprensa nacional que enojaram a nação brasileira? A senhora não integrou o governo da harmonia? Por que não denunciou os demandos (pagamento/recebimento de propinas, favorecimento a parente e amigos, fraudes nos concursos públicos, e etc, etc, etc e tal e todos os fatos denunciados na Operação Mãos Limpas)? Por que a senhora foi presa? Deputada, não me venha agora posar de ARAUTA DA MORALIDADE!!!!
    A senhora caiu em DESCRÉDITO! Não brinque com a inteligência do povo!

  • So rindo dessa deputada….meu Deus aonde vamos parar, essa mulher era para estar presa a muito tempo se esse pais fosse serio, agora esta aqui tirando uma de justiceira, eu morro e nao vejo tudo nesta politica de segunda categoria neste estado

  • Aff! com que moral,em deputada? Pior que até agora não se viu o resultado da “operação mãos limpas”,continuam “sujas”,infelismente.Quem deveria estar preso ou respondendo por seus atos imorais,estão ai pagando de moralista.

  • Que moral essa deputada tem para querer explicações sobre promoções na PM. No governo do esposo houve denuncias de irregularidades em vários orgaos e ela nunca moveu uma palha para apurar. Tenha santa paciência nobre deputada e não menospreze a inteligência dos amapaenses.

  • Alcilene, obrigado pela divulgação dessa informação! Qué é importantíssima,para quem saber termos + esses intrumento de luta ( que é a casa do POVO – AL) para defendermos nossos direitos,que estão sendo cerceados por essas promoções absurdas.Tenha certeza que todos os Oficiais do Quadro Administrativo e muitos outros Graduados estão indignados! E isso independe de moral ou de ofensas pessoais à Deputada, que penso que só está cumprindo com seu papel. E, Tenha certeza Alcilene, que a tropa estará em massa na Assembléia Legislativa para apoiar a Ten Socorro que nesse dia estará representando, grande parte de policiais militares que deram e dão a vida em prol da defesa da sociedade amapaense. Já não suportamos + os desmandos de qualquer governo que seja.

  • Eu jonh o malcovit, pelo poder que me foi dado, convoco a deputada a prestar esclarecimentos sobre como o talvez conseguiu sumir com tanto dinheiro. durma-se com uma desta.

  • Com certeza todos vcs tem seu posicionamento formado. Entretanto independente do que aconteceu a Dra. Marilia Góes foi eleita pelo povo do Amapá e isto que vcs estão fazendo é desreitar toda uma sociedade que participou da eleição. Então se houve e está ocorrendo atos ilicitos os deputados estão exercitando seus direitos, já que são eles que aprovam a conta do governo. E os militares são uma classe que merece todo o nosso respeito pelo excelente trabalho que realizam no nosso Estado. Se existe critérios esses critérios tem que ser respeitado, caso contrário ocorre em ato ilicito. Um governo sério não deveria temer CPI´s e nem quando um gestor é convidado pela assembléia para prestar explicações. Vamos deixar os poderes exercerem seus papeis, afinal vivemos em um estado democratico de direitos. E isso que a população espera do Governo e dos demais poderes. Transparência em todos os seus atos e a devida publicidade.

  • A deputada marilia Goes não tem idoneidade moral para cobrar alguma coisa do Governador Camilo Capiberibe, pois ela foi eleita atraves de programas Sociais do Governo do Estado, atraves da Simis, como agora que meter seu nariz onde a pasta é de competencia do executivo estadual, fala serio

  • so porque o governo passado fez besteira o governo atual se acha no direito de fazer a mesma coisa a policia sofreu durante oitos anos no governo do PSB , sera que nao aprenderam a apanhar e quereem apanhar de novo, espero que esse governo se encerre daqui a dois anos e eles vao pra bem longe daqui, de preferencia pra cuba.

  • so porque o governo anterior fez merda o governo se acha tambem no mesmo direito, a policia sofreu durante oitos anos com o governo do PSB, e ja esta sofrendo mais dois por isso que esse governador e vaiado em pleno quartel, espero que eles daqui a dois anos vao pra bem longe, de preferenca para cuba.

Deixe um comentário para Pedro Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *