Médico orienta cuidados com gestantes sobre a covid-19

Em casos de sintomas mais severos como dificuldade para respirar, febre persistente ou acima de 40 graus é preciso procurar atendimento especializado no HMML.

Com o aumento dos casos de covid-19, a população deve manter os cuidados com as medidas de proteção para evitar a propagação do vírus, em especial as gestantes.

O obstetra e responsável técnico pelo setor de covid-19 do Hospital da Mulher Mãe Luzia (HMML), Breno Pereira, explicou que medidas adotadas pela população em geral, como distanciamento social, uso de máscara, a lavagem frequente e correta das mãos com água e sabão – ou álcool em gel –, além da vacinação completa contra a doença continuam sendo importantes para as grávidas.

Entretanto, o médico alerta que é importante ressaltar que gestantes pertencem a grupos vulneráveis, que podem apresentar complicações da doença, por isso, os cuidados para evitar a exposição à doença devem ser redobrados.

Além disso, a realização adequada do pré-natal, exames laboratoriais e de imagem, uso das medicações e vitaminas indicadas também contribuem para prevenir fatores de risco para a paciente.

“Na gestante vemos com certa frequência quadros de oligoâmnio, que é quando há diminuição do líquido amniótico, o que pode acarretar algumas complicações, como risco de parto prematuro. Em torno de 30% das gestantes com covid-19 evoluem para um parto de cesárea de emergência”, disse.

A prematuridade aumenta o risco de infecções, problemas respiratórios, neurológicos e do sistema gastrointestinal do bebê.

A recomendação é que caso ela tenha sintomas gripais como coriza, dor de garganta e febre, procure uma unidade de testagem para realizar o exame para saber se está com a doença.

“Acreditamos que graças à vacinação, as pacientes têm apresentado sintomas mais leves da doença, então se ela for um caso positivo deve descansar, se manter hidratada e tratar como uma gripe comum. Mas em casos de sintomas mais severos como dificuldade para respirar, febre persistente ou acima de 40 graus, é preciso procurar atendimento especializado no HMML”, finaliza.

https://www.portal.ap.gov.br/noticia/0902/medico-orienta-cuidados-com-gestantes-sobre-a-covid-19

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.