PF cumpre mandados de busca em garimpos ilegais na região do Oiapoque

A Polícia Federal no Amapá e o Exército Brasileiro, em coordenação conjunta, cumpriram na data de hoje (14), dois mandados de busca e apreensão em garimpos ilegais na região do Oiapoque/AP. As ações da Polícia Federal, denominadas de Operações Russo e Vila Velha, ocorrem no âmbito da Operação Ágata do Exército.


A Polícia Federal identificou, por meio de tecnologia de ponta, que os dois garimpos, localizados em área de difícil acesso, dentro da circunscrição do município do Oiapoque, realizam lavra ilegal de minério, pelo menos desde o início do ano, com considerável degradação ambiental.


Um dos garimpos – denominado russo – próximo da divisa com o município de Calçoene/AP, está no interior da Unidade de Conservação Estadual Floresta Estadual do Amapá – FLOTA. O outro garimpo, denominado Vila Velha, localiza-se entre o limite sul da terra indígena Uaça e o limite norte da Floresta Estadual do Amapá, dentro da Gleba Arapari.

Em razão do acesso remoto, a Polícia Federal contou com o apoio do Exército Brasileiro e suas aeronaves tipo Black Hawk para cumprimento dos mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal – subseção do Oiapoque, que autorizou ainda a destruição do maquinário existente na área.

Inicialmente, os envolvidos podem responder pelos crimes de extração ilegal de minério, usurpação de bem da União e associação criminosa. Se condenados, as penas somadas podem chegar a 9 anos de reclusão e pagamento de multa.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Amapá

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.