Nota do Corpo de Bombeiros do Amapá, sobre militar preso por pornografia infantil

O Corpo de Bombeiros Militar do Amapá informa que tomou conhecimento da operação da Polícia Federal “LAR SEGURO”, ocorrida na manha desta sexta feira,  (23), com um militar da Corporação. Apesar de ser um crime hediondo, é de natureza civil e não militar e as providências relacionadas ao caso devem e estão sendo tomadas pela Polícia Federal.

Sendo comprovada a culpa, o militar será submetido ao Conselho de disciplina na esfera militar, podendo ser excluído a bem da disciplina. Deixamos claro que repudiamos veementemente crimes de qualquer natureza e que estamos à disposição para prestar os esclarecimentos necessários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.