Inverno no Amapá deve ser o mais rigoroso, alerta meteorologista do Iepa

 

 

A chuva intensa, acompanhada de raios e trovões, que predominou nas áreas central e sul de Macapá no último sábado (20), alerta para um inverno mais rigoroso que dos últimos anos. É o que alerta, o Núcleo de Hidrometeorologia e Energias Renováveis (NHMET/IEPA).

O meteorologista do IEPA, Jefferson Vilhena disse que a previsão teria chuvas moderadas para o sábado, mas devido aos sistemas, a chuva forte intensa predominou no bairro central e sul da cidade de Macapá.

“Na realidade, fizemos uma previsão na última sexta-feira (19), de chuvas moderadas nos municípios e não na capital. O sistema que estava voltado para o Marajó, Laranjal do Jari e Vitória do Jari, se desenvolveu, ficou mais forte e através dos ventos que vieram do oceano e do Nordeste, houve essa forte chuva. Os dois sistemas se encontraram e acabou concentrando a chuva fortíssima para capital macapaense, na Zona Sul e Centro de Macapá. No sábado, havia uma previsão de acumulados de chuva para o interior de 11mm a 32 mm. Os pluviômetros marcaram no Zerão um total de  250, 6 mm de chuva, Jardim Felicidade 46, 8 mm, Novo Horizonte 32,4 mm, Santa Inês 125, 4mm , Igarapé da Fortaleza, 69, 4 mm, Centro de Santana, 24, 8 mm”, explicou.

Segundo ele, a previsão para esta semana é chuva para todo estado, com período chuvoso já chegando, com tempo nublado. “Nosso período chuvoso está vindo com força, muitos pensam que vamos passar por períodos de estiagem, mas, nosso temor real é que essas chuvas de inverno aumentem em quantidade e intensidade”, concluiu Vilhena.

Sobre a quantidade de raios e trovões no sábado o meteorologista do IEPA afirmou que, foi em decorrência dos choques dos dois sistemas que provocaram atrito entre as nuvens, o vento, e toda sistemática dos materiais que forma essas tempestades.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.