Projeto de reciclagem transforma lixo em materiais do dia a dia

Atividade é executada pela equipe de Educação Ambiental da Semam e atende alunos da escola pública e pessoas que buscam renda extra.

Papel, garrafa pet, plástico e pneu são materiais que normalmente iriam para o lixo, mas com a habilidade e criatividade do servidor público da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam), Adenildo Lima, viram brinquedos e objetos do dia a dia como bandejas, lixeiras, porta-retratos e vasos. O artesão faz parte da equipe de Educação Ambiental da secretaria e o seu trabalho é compartilhar as ações de preservação e boas práticas.

O projeto de reciclagem que Adenildo coordena atende, principalmente, alunos de escolas públicas e pessoas que querem aprender uma nova profissão. De acordo com o servidor, tudo é transformado.

“Nós fazemos oficinas e cursos sobre como utilizar papel, garrafa pet e, principalmente, como transformar esses materiais em objetos que podem ser reutilizados. Após a produção eles podem ser vendidos e com isso gerar renda às famílias”, diz o servidor.

A Semam segue um planejamento de ações do projeto de reciclagem e a maior parte da demanda é do público externo. A partir disso, a equipe de Educação Ambiental realiza um estudo a fim de levantar as necessidades da comunidade para identificar o melhor meio de ajudar.

“Cada lugar tem a sua peculiaridade. A nossa equipe faz uma visita prévia para identificar as necessidades da comunidade que solicitou a nossa ação. Na oficina ministrada no Conjunto Habitacional Mucajá, por exemplo, vimos que as lixeiras eram uma necessidade dos moradores, então nosso trabalho foi criar as lixeiras com a utilização de pneus”, completou Adenildo.

Todo o dinheiro recebido é revertido na compra de materiais que não são recolhidos como tinta, cola e tesoura. O coordenador diz que a peça mais procurada para venda, e também durante os cursos, é a bandeia feita a partir de papel. Ele destaca que a arte de reutilizar materiais que iriam para o lixo gera um resultado positivo para o meio ambiente a curto e longo prazo.

“Em todo mundo o lixo é tido como um problema e um dos principais agentes na geração de doenças e problemas ambientais como enchentes. Mas nós da Educação Ambiental zelamos pelo cuidado com a natureza. Nosso objetivo é levar essas informações para mais pessoas porque se cada um fizer a sua parte, juntos teremos um planeta melhor”, finalizou.

Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura Urbana

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.