Violência toma conta do Amapá

medo

Assustada com a violência em Macapá. Ontem mais dois assassinatos bárbaros nos mostram que não há lugar seguro e que todos estão vulneráveis.

Que coisa terrível um jovem estudante de direito ser assassinado por assaltantes, em plena luz do dia, em local movimentado. O jovem Luan Lurrick Fonseca Ribeiro, de 19 anos, foi morto a tiros na tarde de quarta-feira (3), no estacionamento do SuperFácil do Buritizal.  Segundo a Polícia Militar do Amapá (PM), a vítima foi morta logo após pagar a mensalidade da faculdade onde estudava. Foi assassinado por tentar dá ré no carro e fugir dos assaltantes.

A noite, o professor Aluízio Ribeiro Dias, de 32 anos foi assassinado, na frente da esposa, com dez tiros, na rua Remo Amoras, no bairro Muca, na Zona Sul de Macapá.

Leia matéria no G1 Amapá

Aposto que nas estatísticas de violência, proporcionalmente, o Amapá está entre os líderes.

  • Sinceramente eu ando assustada, com medo. Meu filho vai pra UNIFAP toda noite eu fico orando para que Jesus o proteja, pois só temos ele para nos proteger, fiquei muito triste com a morte desse jovem. Não está fácil morar em Macapá. Amo minha cidade mas tenho andado muito triste e preocupada com tanta violencia, tanta falta de amor, tanto distanciamento de Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *