TRE-AP nega provimento ao Agravo Regimental e Valdo Isacksson continua fora da Prefeitura de Ferreira Gomes

 

2013_04-10-Ana Barbosa-Sessão Pleno TRE-Ap (1)Ana Barbosa

Na última sessão do pleno do Tribunal Regional Eleitoral do Amapá, realizada na tarde desta quarta-feira (10), foi finalizado o julgamento do Agravo Regimental na Ação Cautelar que tirou Valdo Isacksson da Prefeitura do Município de Ferreira Gomes. A sessão foi presidida pelo Desembargador Carmo Antônio, devido ausência, tanto do Presidente quanto, do Vice-Presidente do TRE-AP.

 

Os juízes Ernesto Collares, Elayne Koressawa e Cassius Clay, além do Desembargador Carmo Antônio, negaram provimento ao Agravo. O juiz João Bosco, ausente nesta quarta-feira, havia antecipado seu voto na última sessão, também acompanhando o relator na negativa ao AR.

 

Sendo assim, por decisão unânime do pleno do TRE-AP, Valdo Isacksson e Raimundo Rodrigues continuam a responder ao processo de cassação fora dos cargos na Prefeitura de Ferreira Gomes.

 

Entenda

Valdo e seu vice, Raimundo Rodrigues, tiveram os diplomas cassados no final de janeiro pela, então juíza eleitoral da 9ª Zona, Michelle Farias, entretanto respondiam nos cargos por meio de liminar. No dia 15 de março após decisão monocrática do juiz membro do pleno do TRE-AP, Ernesto Collares, o segundo colocado nas eleições de 2012, Elcias Borges, foi diplomado pelo juiz eleitoral e empossado como prefeito do município, juntamente com a vice-prefeita Maria do Socorro, pela Câmara de Vereadores no dia 18 de março.

 

Serviço:
Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Amapá
Assessoria de Comunicação e Marketing
ALTV/Ana Barbosa
Fones: 2101-1504/8406-4977/9134-0122/8132-4517
Site TRE-AP: www.tre-ap.jus.br
Twitter: @TREAmapa

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *