Roseane. Ane. Guerreira da paz e da alegria

Faleceu ontem na Alemanha a amiga Roseane Viana.

Nutricionista amapaense. Filha do Seu Viana e da D. Oneide, da Casa Rosely, ela fazia doutorado na Alemanha, pra onde tinha mudado há alguns anos com o marido Flávio, que é médico.

Roseane descobriu um câncer de ovário em um exame de rotina, há três anos, na Alemanha. De lá pra cá, travou uma luta, sempre com dignidade, doçura e bom humor.

Uma triste e grande perda, essa partida tão jovem. Era uma militante mundial da Segurança Alimentar, dos Direitos Humanos e de todas as grandes causas da humanidade.

Ela escrevia sobre a vida, alimentação, gastronomia, viagens e a doença, no blog Pavulagem da Rô http://nutriane.blogspot.com.br/

Sei que ela está no lugar dos seres iluminados. Que Deus conforte seus pais, Viana e Oneide, seus irmãos e o marido e companheiro de amor e luta, Flávio.

Roseane-4_n

Em foto no último dia 5..
Em foto no último dia 5..
  • à familia meus pesâmes! não a conhecia mais sempre acessava seu blog.Era uma guerreira. Deus a recebeu de braços abertos.

  • Alcilene, fiquei muito triste e chorei pela morte de Roseane. Uma pessoa cheia de esperança e sonhos, espalhava alegria quando falava do seu trabalho e de sua militancia, seguranca alimentar e nutricional. É da nossa geração, fiquei muito triste!

  • Ficamos muito trites com a notícia do falecimento de Roseane. Há 2 anos estivemos em Heidelberg e jantamos com o casal. Roseane sempre demonstrou firmeza e esperança em sua recuperação. Para mim, a Rô é um exemplo de mulher guerreira e inteligente. Nossos mais profundos sentimentos ao Flávio e a toda a família.

  • A Ane foi minha amiga de adolescência e acabamos nos tornando cunhadas, uma pessoa muito especial, determinada e decidida, e algumas atitudes que tinha só ela era capaz de fazer e somente algumas amigas vão entender a expressão: “coisas de Ane”.
    Que Deus a tenha em um bom lugar.

  • Acompanhava o blog dela esporadicamente e ler o que ela escrevia sobre o câncer me faz compreender que a vida vale a pena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *