• Minha vizinha que Deus a tenha ao seu lado,
    tive o prazer de ve-la cantar aqui num evento religioso, voz super melodiosa, imagine no auge da cantoria!!!

  • Essa foto deveria ser tombada como patrimônio ártístico cultural de Macapá, acho ser a única que reune 04 dos maiores artístas que passaram por esta nossa terra: Nonato Leal, no violão, Maria Edilamar, cantando, Amilar no Cavaquinho e Aymorezinho (filho do Comissãrio Aymoré), no acordeon. Local: Piscina Territorial. Deve ter sido tirada nos idos de 1962/63. Caramba, isso sim é que dá satisfação ao apreciar seu blog, minha cara Alcilene. Parabens!

    • Eu já desconfiava que era a “piscina”. Agora, falta só o Milton Sapiranga contar uma história da piscina, como uma do Isnard
      pulando o cercado do salão para não pagar entrada e ficar tomando uma tranquilamente.

  • A cantora é relamente a Edilamar, uma das vozes mais maviosas da época. Faltou apenas identificar o ambiente:é o salão de festas da piscina territorial, ali atras do GE. Barão do Rio ranco.

  • grande nonato leal quanto tempo…faço um apelo emocionada que o Governador deste Estado olhe com mais carinho a memoria e a musica do Nonato em vez de ficar dando montanha de dinheiro pra joãozinho gomes, amadeu, val milhomem e os minhocas que nunca andaram do lado do governador waldez e não valem o mindinho do dedo deste grande mestre…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *