Rádio Assembleia e TV Assembleia estão no ar

 

Iniciaram na noite de segunda-feira (28) as transmissões, em fase experimental, da Rádio Assembleia e da TV Assembleia, a primeira televisão pública do estado do Amapá.

A inauguração oficial das emissoras depende agora do Senado Federal, instituição que firmou convênio com a Assembleia Legislativa para disponibilizar as concessões das emissoras legislativas em sinal de TV aberta e digital.

A estrutura administrativa que receberá essas emissoras integra o pacote da ajustes na máquina e na estrutura organizacional da ALAP, que passa por uma reforma administrativa a ser votada nos próximos dias. A futura Secretaria de Comunicação é composta pela TV Assembleia, cujo diretor é o jornalista Emerson Renon; pela Rádio Assembleia, dirigida pelo jornalista Leonardo Trindade; a Agência Assembleia, coordenada pelo jornalista Everlando Matias; e o Jornal da Assembleia, que tem à frente o jornalista Paulo Oliveira. O advogado e marqueteiro Carlos Sérgio Monteiro é o secretário da pasta e o jornalista Cleber Barbosa o secretário-adjunto.

Rádio Assembleia_Estúdio

Para sintonizar as emissoras de tv, basta programar os televisores digitais – ou os conversores das emissoras analógicas – para a chamada “busca automática”. A TV Senado funciona no canal 57.1; a TV Assembleia no canal 57.2; a TV Câmara no canal 57.3; e o Canal reservado do Senado no 57.4; já a Rádio Senado e Rádio Assembleia podem ser sintonizadas na frequência 93,9 FM entre as estações de rádio local e no aplicativo “radioassembleia-ap.org” para onde chega o sinal de internet.

O Secretário de Comunicação da Assembleia Legislativa, Carlos Sérgio Monteiro, informou ao blog que as sessões da Assembleia Legislativa passam a ser transmitidas ao vivo, pela TV, o que é uma conquista importante para a sociedade, que pode acompanhar melhor o trabalho do legislativo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *