Prefeitura de Macapá tem 50 profissionais da linha de frente com casos confirmados de Coronavírus  

A Vigilância Epidemiológica de Macapá contabilizou até sexta-feira, 24 de abril, 50 profissionais da linha de frente contra a Covid-19 da Prefeitura de Macapá com casos confirmados da doença. São servidores que estavam no atendimento direto da população nas áreas da Saúde, Guarda Municipal, Assistência Social e fiscalização.

Outros 21 profissionais dessas secretarias estão com suspeita de Coronavírus. Os dados de casos confirmados incluem médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem, guardas, inspetores, assistente social e secretários. Estão confirmados com a doença 47 servidores da Saúde, sendo 17 do sexo masculino e 30 do sexo feminino; 2 da Guarda Municipal e 1 caso na Assistência Social.

Dentre os servidores infectados e curados estão o secretário de Saúde, Eldren Lage e a ex-secretária de Saúde e assessora técnica, Silvana Vedovelli. Como estão na linha de frente e tiveram contado com um paciente infectado, os mesmos realizaram o teste rápido no dia 22 de abril apresentando IGM negativo e IGG positivo, o que caracteriza infecção tardia, podendo-se afirmar, então, que já tiveram contato com o vírus sem ter desenvolvido a doença e de forma assintomática.

Desde o início da epidemia, os gestores vêm mantendo o distanciamento entre as pessoas no trabalho, utilização de máscaras, higienização frequentemente das mãos, janelas abertas e ambientes limpos e arejados, e, mesmo assintomáticos, mantêm os mesmos cuidados.

O comandante da Guarda Civil Municipal, Charles Rui Secco, foi afastado e internado, desde o início da semana, com todos os sintomas característicos do Covid-19, como febre, tosse e falta de ar. O teste rápido e o de escarro (PCR), que foi feito neste fim de semana deram o resultado positivo para o Coronavírus. No momento, o comandante continua internado em um hospital particular, na Unidade de Terapia Intensiva, e vem reagindo bem ao tratamento.

Até sábado os testes deles tinham dado negativos, mas ontem, foram feitos novos exames que atestou  positivo para o Covid-19. Matéria  corrigida.

Assessoria de comunicação da Prefeitura de Macapá

  • Acho um ABSURDO esse tipo de jornalismo que temos em Macapá, lamentável! O meu irmão Rui Seco tá internado na UTI do São Camilo considerado como um caso grave. Vocês passam uma notícia falsa e “vendem” como se tudo tivesse bem. Os exames realizados no São Camilo atestataram positivo para o COVID, só o da Lacen que atestou negativo. O que deixa uma baita interrogação na cabeça de todos nós da família, não só pela qualidade do exame, bem como sobre os protocolos adotados.
    Além disso, ele esteve em contato com uma moradora de rua que atestou positivo e, logo em seguida começou a apresentar todos os sintomas do COVID. Mas segundo está jornalista, ele tá super bem e deve ter ido passear na UTI do São Camilo!!

    É REVOLTANTE divulgarem uma notícia desta forma, se tem alguém que sabe notícias sobre ele somos nós e não a assessoria da prefeitura. Enquanto nós estamos aqui sofrendo, em correntes de oração, porque só o que nos resta é acreditar em Deus!

    • Minha senhora. Entendo seu nervosismo e sinto muito. Mas isso não lhe da o direito de ofender ninguém. A matéria está no site da PMM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *