Prefeitura de Macapá doa kits de medicamentos para atender cerca de 1.500 indígenas de aldeias do município de Oiapoque

O ato foi realizado na última sexta-feira, 19, durante a assinatura do Termo de Entrega entre Prefeitura de Macapá e Distrito Sanitário Especial Indígena Amapá e Norte do Pará. Foram repassados kits de medicamentos como ivermectina e azitromicina às aldeias de Oiapoque, que atenderão em média 1.500 indígenas. O objetivo é oferecer proteção contra a pandemia provocada pelo Coronavírus nas áreas indígenas do município.

“A pandemia não tem criado exceções, nem territorial, nem de idade e muito menos de etnias. Como nós administramos o Sistema Único de Saúde, devemos trabalhar de forma cooperativa e complementar. Como recebemos pela segunda vez a solicitação do Distrito Sanitário Especial Indígena, jamais poderíamos deixar de atender e colaborar com a medicação que temos em estoque, como já fizemos com outros municípios do estado”, disse o prefeito Clécio.

A secretária de Saúde de Macapá, Gisela Cezimbra, explicou que a intenção é evitar a disseminação do vírus nas áreas indígenas. “Além de tratar esses pacientes, também é feita a profilaxia com os contactantes, que são aqueles indígenas que vivem próximos aos pacientes que apresentaram sintomas. Portanto, nossa maior preocupação é a prevenção”, disse.

De acordo com o coordenador do Distrito Sanitário Especial Indígena, a parceria atenderá tanto os pacientes sintomáticos quanto os assintomáticos. “Essa parceria é fundamental para que a gente possa fazer o enfrentamento da Covid-19 em nossas aldeias”, destacou Roberto Bernardes.

Secretaria de Comunicação de Macapá

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *