Nota do Senador José Sarney.

Em decorrência do acordo feito pelo PMDB com o PSDB, sinto-me no dever de manifestar o meu desacordo com essa coligação e ao mesmo tempo lembrar que sempre dei apoio ao senador Gilvam Borges, a quem tenho grande apreço, tanto que não vou prejudicar a sua campanha, mas criarei um comitê independente do PMDB no Amapá para apoiar Dilma Rousseff e o presidente Lula, e levarei o assunto da co-ligação ao Diretório Nacional do PMDB. Acrescento que não vou apoiar nenhum candidato ao governo.

Senador José Sarney
Presidente do Congresso Nacional (PMDB-AP)

Nota do blog

Li nas entrelinhas o seguinte:

A frase “tanto que não vou prejudicar sua campanha”, significa na verdade, “Você não terá o meu apoio por que ousou me desobedecer”.

#prontofalei.

    • No Diário do Amapá de ontem. Peguei de lá..também foi lida durante todo o final de semana na rádio Diário FM

  • Disse Sarney: “Não concordo com o acordo feito pelo PMDB com o PSDB no Amapá. Todos sabem de minha amizade e lealdade para com o presidente Lula. O meu palanque será o de Dilma Roussef. Vou montar um comitê de todos que a apóiam: PMDB, PTB, PP, PR e outros partidos. Minha posição em nada prejudica o senador Gilvam Borges. Irei pedir aos correligionários e a todos pela sua eleição.”
    No Amapá, o PSB está com Dilma. Isso não implica dizer que entre os partidos do citado comitê de apoio a Dilma está o PSB? É por essas e outras, que declarei que votarei apenas para presidente nesta eleição. Marina Silva, é minha última utopia. Aí está o motivo da minha tristeza e decepção com a política que atropela a ética. Simplesmente esta última desapareceu. É tudo pelo poder. Ou estarei errado e na verdade está acontecendo o grande milagre dos bons e maus se juntarem para o bem de todos?
    Estive na convenção do PSB no último domingo e uma cena que lá vi me chocou. Lá estava vendendo caldo de cana o Kleber Murici que foi administrador da maternidade Mãe Luzia que àquela época até recebeu prêmio de qualidade. Ao contrário de agora que recentemente a maternidade foi mostrada em rede nacional como local de mortandade de crianças que não tiveram chance de viver face a rapinagem que subtraiu os recursos vultosos que o governo federal mandou pro Amapá. Como explicar que uma pessoa competente possa estar vendendo caldo de cana para sobreviver, ao invéz do seu trabalho estar contribuindo com o serviço público? Só mesmo esta política rasteira explica tanta contradição.
    Quando disse que votarei apenas na Marina para presidente, é apenas nela mesmo porque esse PV, pelo menos esse do Amapá está tei tei de gente ruim que nem de longe merece meu voto.

    PS: A fala do Sarney está no blog Amapá no Congresso.

  • É a harmonia nacional sendo rompida. Os filhos de Sarney no Amapá se rebelaram e agora trombam com suas orientações. O velho de bigode vê longe cheiro de poder e já articula a candidatura de Dilma em todo o Brasil.

    A velha raposa velha da política não vai em disputa para perder.

  • Alcilene,
    Esse é o Sarneyzão velho de guerra. Sempre assim, uma vela pra Deus e outra pro diabo. Desde à poça da ditadura militar que ele apoiou incondicionalmente até os dia em que espertamente e em combina com o micróbios que fizeram o impedimento de Tancredo mudou de lado, mas continuou a prestigiar o milicarada.
    Muleke, que já sabia, que ele tava doidão pra dar um pe na bunda dos Zoluhos.

  • o único candidato ético e que poderia fazer do Brasil uma nação melhor do que está agora chama-se Plinio de Arruda Sampaio, quanto ao velho esclerosado, gagá, não lhe resta muito, uma hora dessas a globo dá em plantão extra (graças a Deus!) aquela notícia que todos esperam há tempos…

    • ACOOOOOOOOOOORRRRRRDAAAAAAAA Randômico!!!
      —————————————–
      O candidato à Presidência, Plínio Arruda Sampaio (P-SOL), afirmou nesta quarta (30) que o partido não deve esconder seu caráter socialista por medo de perder votos. Para Sampaio, cabe à legenda propor as transformações estruturais radicais, entre elas, as reformas agrária e urbana e a redução da jornada de trabalho. Sampaio disse ainda que, se eleito, irá sugerir a desapropriação de toda a propriedade rural que possua mais de mil alqueires, seja ela produtiva ou não. As informações são da Agência Brasil.

  • A queda do Zé Sarney esta proxima assim que o CAPI assumir sua cadeira que lhe foi roubada anteriormente pelo Sarney e o Gilvan…O Sarney pede exoneração da presidencia do senado pois esse mala não aguenta um discurso do CAPI na tribuna. e no proxima eleição se ele ainda estiver vivo nçao concorre ao mandato de 8 anos que vai ser do CAPI…PODE APOSTAR!!

    • Quero estar vivo, assim como, o Sarney e o Capiberibe, para ver o que vai dar! Afonso… Nunca deseja o mal para ningu’em.

  • Caro Fran Jr. A título de colaboração, todo mandato de Senador é de 8 anos. Logo para o Capi tomar a vaga do Sarna, só se :
    1) Não se eleger esse ano
    2)Não passar sua inscrição esse ano
    3)Se for eleito esse ano, renunciar ao cargo posteriormente e sair de novo candidato em 2014( O q é improvável)
    Saudações…

  • EU AINDA ACHO QUE ESSE ESTADO NÃO TEM GOVERNADOR PQ, MESTRE, DESDE QUE ESSE SENHOR ENTROU NO SENADO PELO AMAPÁ, TODO POLÍTICO LIGADO DIRETO – INDIRETAMENTE À ELE, TÊM O RABO PRESO.
    TÁ CERTO MESMO SARNEY, CORTA O MAU PELA RAIZ, NAUM APOIA QUEM TE DESOBEDECE, AGORA, DESENCANA E SE APOSENTA PQ, FALANDO FRANCAMENTE, TÔ DE SACO CHEIO DA TUA CARA NAS PÁGINAS POLICI-OPS-NOS NOTICIÁRIOS, VALEW! 😉

  • Pingback: Diario da Serra - Portal de Noticias da Serra do Teixeira

  • Hoje 27/09/10 que estou lendo seu blog e, tai o panelão imundo com o chefão sarney e seus filhotes! Ele apoia sim o candidato do PTB ao governo todos sabem. Mas é só pra formar o paredão triplo para o governo é, somente o PSB contra a corja da máfia Amapanhão, entenda-se né? Amapá e Maranhão. Ao Chico terra, continuo com 40, 401 e etc….O senador maranhense não tem respaldo para confrontar o Capi nunca. Por isso, usa do coronelismo. Rumo a vitória 40!!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *