Mimimi pra dividir

Como já foi amplamente divulgado na mídia local, o senador Davi Alcolumbre faz esforços em Brasilia para trazer recursos para a construção de um Centro de Convenções no Amapá. Para isso, já esteve duas vezes, recentemente, com o Ministro do Turismo, Vinicius Lages, e o convidou para vir ao Amapá agora em abril.

Davi com o ministro do Turismo
Davi com o ministro do Turismo

Pois ontem, a assessoria do deputado Nilson Cabuçu informou que o deputado, acompanhado do governador Waldez Góes, foi tratar da mesma pauta do senador Davi com o ministro.

Detalhe. Foram atravessando a pauta de Davi, sem convidar o senador.

Pra quê dividir, gente? Esse Mimimi pega mal pro Amapá.

Sobre não ser chamado pelo Governo do Estado para usar a força de um mandato de senador em Brasília, Davi já havia denunciado no twitter.

Vale lembrar que o representante do governo do estado em Brasília é o ex-senador Gilvan Borges, que foi derrotado por Davi nas últimas eleições. E que é a representação do GEA que faz as agendas do governador na capital federal.

Os senadores João Capiberibe e Randolfe Rodrigues também não são chamados para as agendas do governo. E, sim. Gilvan também já foi derrotado por Capi e por Randolfe.

Será esse o motivo? Se for, coitado do Amapá, com o governo dispensando a força de três senadores por motivos miúdos e politiqueiros.

Veja os tweets de Davi

Davi-t-1-1

Davi-t

Davi-t-1Davi-t-2

 

 

  • Maturidade não se compra e nem se aprende nos livros. Precisa de tempo… enquanto isso a inexperiência e os egos embotam o Estado do Amapá. Isso tem nome: chama-se DEMOCRACIA tupiniquim.

  • Queria que reconstruissem a Escola de Música que foi derrubada e ninguém teve coragem de iniciar as obras. Lamentável!

  • Este é o governo que maioria do povo amapaense quiz de volta,agora é fazer
    bom proveito.Eu,como tantos que não elegemos esse governo,não merecemos isto,mas…..

  • Enquanto o povo não aprender a votar, vai ter o que merece, acho que é preciso dar um basta nas oligarquias políticas em nosso Estado, isso só nos prejudica. Pois cada um só quer saber do seu, e o povo que se f#25&

  • Eu não concordo com um Centro de Convenção, sugiro ao nobre senador Davi para estudar a possibiliadade de construir na área do estacionamento do Zerão uma obra denominada ZERINHO, que seria um espécie de Maracanazinho ou Minheirinho.
    Seria uma jóia digna ao esporte e a cultura no Amapá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *