Memorial do MP-AP está disponível no Portal da instituição

Documentos e registros históricos do Ministério Público do Amapá agora estão disponíveis no Portal  MP-AP, no hot-site do Memorial da instituição. A nova página foi lançada para membros e servidores, na manhã desta terça-feira (8), pelo procurador-geral de Justiça, Roberto Alvares, no auditório do Complexo Cidadão Centro, na av. FAB.  

 

Não dá para excluir o passado como se ele morresse e, simplesmente, desaparecesse da nossa realidade. O passado só é passado no tempo, pois ele está presente em nós!”, diz um trecho da apresentação assinada pelo coordenador do projeto MP-Memória, procurador de Justiça Márcio Augusto Alves, disponível no hot-site (www.mpap.mp.br/memorial).

memorial

 

No evento de lançamento da página do Memorial do MP-AP, Márcio Augusto Alves relembrou o processo de coleta de informações solicitadas aos membros da instituição, há pelo menos três anos, ressaltando que, com o material coletado, foi conseguindo delinear o que hoje é o Memorial. “É tudo muito incipiente… mas, antecipo que a breve história de vinte e poucos anos hoje está muito mais adiantada.”, informou o coordenador do MP-Memória.

 

“Contamos hoje com um espaço físico maravilhoso onde funciona o Centro de Memória, aqui na av. FAB, designado na gestão da ex-procuradora-geral de Justiça, Ivana Cei,  e inaugurado ano passado. E contamos com a parceria do curso de História da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP) para auxiliar na efetiva implantação desse Centro”, ressaltou Márcio Alves, comemorando os avanços alcançados e que podem ser visualizados na nova página lançada.

 

Roberto Alvares falou da importância de disponibilizar na internet uma página com as memórias da instituição. “Parabenizo o coordenador do Memorial, Márcio Augusto Alves, pelos avanços, e a toda equipe que trabalhou para disponibilizar e tornar acessíveis ao público as informações sobre a história do MP-AP”, declarou o PGJ.

 

A Resolução nº 004/2011 do Colégio de Procuradores de Justiça do Ministério Público do Amapá cria o Memorial do MP-AP (projeto MP-Memória), que, além do coordenador, procurador de Justiça Márcio Augusto Alves, possui Comissão nomeada para auxiliar nos trabalhos, formada pelas servidoras: Carla Pena (Assessoria Técnica), Juliana Grunho (Cerimonial), Odaléa Carvalho (Divisão de Treinamento e Aperfeiçoamento) e Gilvana Santos (Asscom).

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *