Isolamento social no Amapá melhora, mas fica abaixo do recomendado pela OMS

Ações de fiscalização foram intensificadas para o cumprimento do decreto. O trabalho ostensivo vai continuar nos próximos dias

O Estado do Amapá fechou o fim de semana com 47,3% de isolamento social, número maior que nos dias anteriores, mas ainda abaixo do recomendado. No domingo, 21, o Amapá ocupou apenas o 13o lugar entre os estados com maior distanciamento social no país.

No entanto, todos os estados brasileiros têm ficado abaixo do índice de isolamento considerado ideal pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que é de 70% das pessoas em casa. O Estado que teve maior índice, por exemplo, foi o Acre com 56,31% de taxa de isolamento.

A Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS) informou números que indicam uma grande ação de fiscalização desde o início do lockdown, na última quinta, 18. Foram 3.983 pessoas abordadas e 345 estabelecimentos fiscalizados em todo o Estado. Neste período também foram registrados 13 boletins de ocorrências, realizados 75 testes de etilômetros e 4 veículos recolhidos.

Ainda assim, a avaliação é de que as fiscalizações deverão ser intensificadas e o pedido de colaboração por parte da população deve ser ratificado.

“É preciso melhorar esses índices de distanciamento e só com a compreensão e apoio da população é que iremos conseguir. Estamos falando, concretamente, de salvar vidas, pois sabemos que a rede de assistência em saúde tem limites. É fundamental que a população apoie e nos ajude a melhorar o engajamento”, declarou Dorinaldo Malafaia, superintendente da SVS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *