Governo segue negociando a implantação de uma unidade do Hospital do Câncer, de Barretos , no Amapá

 

O governador Waldez Góes, reuniu mais uma vez com o responsável das Unidades de Prevenção do Hospital de Câncer de Barretos, Rafael Haikel, para tratar da instalação da unidade no Estado.

Esta é terceira vez que Rafael Haikel vem ao estado para acompanhar as etapas do projeto para construção da unidade fixa de diagnóstico do câncer que será implantada no Amapá.

A estrutura consiste em uma unidade fixa e outra móvel, que poderá percorrer os municípios, facilitando o acesso da população aos exames de prevenção e diagnóstico, com o rastreamento do câncer de mama, boca, colo de útero e câncer de pele.

A secretária de Estado da Saúde, Renilda Costa, e o responsável pela Unidade de Alta Complexidade em Oncologia, Roberto Marcel, além da deputada estadual, Marília Góes, estiveram na unidade de Barretos, no interior de São Paulo, para concretizar a parceria.

Roberto Marcel é um dos grandes valores da medicina amapaense. E fez residência em cirurgia oncológica no Hospital de Barretos, onde é reconhecido e respeitado.

De acordo com Haikel, as unidades têm resultado extremamente positivos na diminuição dos casos de câncer. “Realizamos o acompanhamento com os exames periódicos, que possibilitam a prevenção, mas também, a descoberta da doença na fase inicial. E claro, diminuímos os custos altíssimos dos tratamentos de câncer”, ressaltou.

O custo para implantação da unidade é de aproximadamente R$ 17,5 milhões. Aliado a implantação da Unidade, o Governo também trabalha na restruturação da Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon).

O governador Waldez Góes articulou junto à bancada federal, emendas parlamentares direcionadas a implantação da unidade no Amapá.

Barretos-hospital3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *