Governo do Amapá se antecipa e investirá R$ 1,5 milhão para ampliar capacidade de armazenamento de vacina contra a covid-19

 

O governador do Amapá, Waldez Góes, anunciou que investirá R$ 1,5 milhão para ampliar a capacidade de armazenamento das vacinas contra a covid-19 no estado. A ampliação faz parte do planejamento prévio e estruturação do Sistema Estadual de Vacinação para a imunização da população amapaense.

Além de estruturar a capacidade instalada atualmente na Superintendência de Vigilância em Saúde, também ampliará a rede de frio no estado para armazenamento das doses de vacinas contra a covid-19 que serão disponibilizadas pelo governo federal.

“Ainda este ano vamos identificar todo o sistema de vacinação para saber se a estrutura existente é suficiente nas redes municipais, realizar a capacitação dos profissionais, preparar todo o sistema para que, quando recebermos as vacinas, o estado esteja preparado”, explicou o governador.

Góes voltou a defender a despolitização da vacina e a prioridade da saúde da população brasileira.

“Numa situação de calamidade pública em que vivemos, não podemos politizar a vacina. Preferimos todas as vacinas aprovadas por agências de vigilância e esperamos que o Brasil caminhe nessa mesma linha. A vacinação tem que funcionar enquanto sistema com o governo federal, estados e municípios”, afirmou Waldez.

Waldez reuniu, na manhã desta quarta-feira, 9, com secretário e técnicos da Secretaria de Saúde (Sesa) e Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS) para discutir a implantação do Sistema Estadual de Imunização, além dos investimentos para capacitação de profissionais e logística do processo de imunização.

O chefe do Executivo informou também que está se antecipando na organização interna e que até o final desta semana o Sistema Estadual de Vacinação contra a covid-19 deve ser apresentado.

“Com essas ações, estamos nos planejando previamente para que possamos ter a vacina o mais rápido possível e assim levá-la a todos os amapaenses”, finalizou o governador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *