Governo do Amapá repassa controle da CEA ao Grupo Equatorial Energia nessa terça-feira, 23

 

O Governador, Waldez Góes, assina, nesta terça-feira, 23, o contrato de transferência da Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) para o Grupo Equatorial Energia, concluindo o processo de desestatização da empresa pública, conduzido pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Com a assinatura do ato, a CEA, que atende 830 mil pessoas nos 16 municípios, passa oficialmente a ser administrada pela Equatorial Energia, vencedora do leilão realizado em 25 de junho de 2021.

A empresa deverá fazer investimento inicial de R$400 milhões no sistema de distribuição de energia, além de outros R$3 bilhões no período de 30 anos.

A empresa também controla distribuidoras de energia no Maranhão, Pará, Alagoas, Piauí e no Rio Grande do Sul.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.