Governador Camilo Capiberibe lança o Programa PROAMAPÁ

O governador do Amapá, Camilo Capiberibe, lançou nesta segunda-feira, 18, no Teatro das Bacabeiras, o maior Programa de Obras e Ações Sociais do Estado (PROAMAPÁ). O Programa consiste no investimento de mais de R$ 300 milhões em ações de governo em prol da população amapaense. Além de aperfeiçoar os serviços públicos, a medida gerará milhares de empregos no Estado, aumentando assim a renda do cidadão e a diminuição da pobreza.

Conforme o governador, os investimentos são do governo estadual, parte deles proveniente do empréstimo junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), mas que não deixa de ser verba estadual, já que o governo quitará o repasse do BNDES. Camilo Capiberibe enfatizou que as ações serão executadas em todos os setores e municípios do Amapá.

“Executaremos um pacote de ações que promoverá a geração de emprego e renda e movimentação do comércio. São recursos do governo e do BNDES, mas o dinheiro do empréstimo com a instituição é do Estado, já que nós pagaremos. Estamos visando o desenvolvimento econômico, acompanhado de ações sociais em todas as áreas da nossa gestão”, pontuou Camilo Capiberibe.

O PROAMAPÁ

O governador destacou que o PROAMAPÁ prevê a ampliação da infraestrutura de turismo; a pavimentação de vias e estradas; ampliação da rede de distribuição de água e coleta de esgoto; melhoria na rede de distribuição de energia elétrica; construção de casas; investimentos na Saúde, Educação e Segurança Pública; dar infraestrutura necessária à chegada da banda larga ao Amapá; fortalecimento da Agricultura, Por meio do Programa Territorial da Agricultura Familiar e Floresta (Protaf), entre outros benefícios para o cidadão.

“Trabalhamos muito no PROAMAPÁ, os projetos foram analisados e chegamos a este resultado, um conjunto de obras, pequenas, médias e grandes, para todo tipo de empreiteiro. Além disso, organizaremos o Estado em todas as frentes. Agora, com o Estado organizado, com capacidade de investimento melhorada e com mais eficiência, teremos condições de trabalhar neste verão para melhorar a infraestrutura em todo o Amapá”, salientou o governador.

Apoio dos empresários e bancada federal

A presença de dezenas de empresários, alguns presidentes de sindicatos do setor, e toda a bancada federal do Amapá no lançamento do Programa demonstrou o apoio dos comerciantes e parlamentares ao PROAMAPÁ.

“É fundamental que todos os setores que trabalham pelo desenvolvimento do Amapá, como a bancada federal e a iniciativa privada, são importantes. Estou feliz por contar com o suporte destes parceiros. Precisamos trabalhar sintonizados e a presença dos parlamentares e empresários sinaliza isso”, ponderou o governador.

Elton Tavares, com informações da Secom

  • Sugiro a inclusão no Programa ProAmapa do projeto Cidadão Digital que iniciamos a implantação em 2001 e que foi abandonado em 2003 pelo governo. Consiste na implantação de Centros Comunitários de Inclusão Digital. Tem por objetivo proporcionar a ampliação das fronteiras do conhecimento das comunidades menos favorecidas do Estado do Amapá, através da utilização dos recursos da tecnologia da informação e respectiva inserção digital no mundo da internet, além de todos os beneficios que a sociedade da informação vem oferecendo ao cidadão.
    O projeto existe e deve ter no Prodap alguma cópia impressa ou em arquivo digital, com algumas pequenas atualizações pode começar a ser implantado e complementar as outras ações do GEA na construção de uma sociedade digital e participativa.

Deixe um comentário para Angelo Costa. Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *