Faleceu Bi Trindade

Amapá menos alegre. Menos doce.

Faleceu Bi Trindade. Professor, poeta, músico. Integrante do Grupo Pilão. Pesquisador da cultura e da história do Amapá. E gente boa demais. Alegre, doce, boa gente, bom caráter.

Bi faleceu na manhã desta segunda-feira, 23, de complicações renais.

Bi em apresentação do Grupo Pião
Bi em apresentação do Grupo Pião
Bi com os amigos do Pilão, recebendo homenagem na Câmara de Vereadores
Bi com os amigos do Pilão, recebendo homenagem na Câmara de Vereadores
Na inauguração do Residencial Mestre Oscar, em novembro
Na inauguração do Residencial Mestre Oscar, em novembro

 

 

  • Grande amigo, só tenho lembranças boas!! Principalmente quando estávamos juntos na casa do meu sogro Roberto Canto, conversando junto com o Tio Juvenal.

    Saudades!!

  • “A vida não passa de uma oportunidade de encontro; só depois da morte se dá a junção; os corpos apenas têm o abraço, as almas têm o enlace”. (Vitor Hugo). Vá com Deus Amigão BY: Matta e Família.

  • Meus sentimentos para a família do Bi, para o Grupo Pilão e demais amigos desta pessoa incrível que era o Bi.
    Sempre de alto astral.
    Perco um amigo, um expoente de nossa cultura.

  • Somente quem teve convivência com BiTri, sabe quem foi a pessoa paidégua pra caramba! BiTri, és mais uma estrela intelectual brasileiro no reino celestial. Minhas condolências à todos familiares de BiTri, que assim chamava-o, carinhosamente, e que merece todas homenagens culturais de nosso Estado Tucuju.

  • A última vez em que conversamos foi no Bar do Abreu, na companhia do amigo comum Matta, em um jogo Remo x Tuna. Ainda o levei em sua casa, próximo à escola Raimunda dos Passos. Exalava cultura e literatura. Fico na dúvida entre lamentar a perda ou agradecer sua vida em prol da cultura, na qual foi muito útil.

  • Nessa apresentação, na Escola de Música Walquíria Lima, foi uma das mais bonitas que fizemos. ainda era uma aposta MUITO GRANDE NOSSA. Saímos dela muito felizes para comemorar. Claro que nesse dia alcançamos a alegria do Nego Bi. Eu tenho essa foto, bem ao lado dele, com mais Oswaldo Simões, Fernando e Juvenal Canto. Batemos palmas para agradecer a ‘ovação’ que recebemos. Assim Bi foi recebido no céu e em Aruanda. Achei nossa foto aqui. Brigado Alcilene. abraços!

  • Só tenho boas lembranças desse professor,sempre alegre,gostava de cantar em suas aulas,era bem divertido.Vai deixar saudades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *