Explicação confusa

O secretário de Administração de Santana, Giancarlo Moro, deu uma explicação um tanto quanto confusa sobre o parcelamento dos salários dos professores do município, que receberam 50% dos pagamentos no dia 29 de janeiro.

Ele afirmou que a prefeitura não entende o pagamento como parcelamento e sim adiantamento, mesmo sendo efetuado no último dia útil do mês e sem o dinheiro ter caído na conta nesta sexta-feira (5). Vai entender…

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *