Engenheiro que raptou a filha em Pernambuco é preso no Amapá

 

Do site SelesNafes.com

Numa operação que teve ingredientes de cinema, a Polícia Civil do Amapá prendeu no município de Santana o engenheiro que havia raptado a própria filha no estado de Pernambuco. Há indícios de que ele pretendia fugir do país com a menina de apenas 1 ano e 10 meses pela fronteira de Oiapoque com a Guiana Francesa.

policia-engenheiro-2

Leia mais aqui http://selesnafes.com/2016/07/engenheiro-que-raptou-a-filha-em-pernambuco-e-preso-no-amapa/

  • Às vezes, o raptor nem gosta tanto da criança. Faz isso só para se vingar da mãe. Todos sabemos a afinidade que a maioria das mães tem pelos filhos.

  • É um caso delicado. Armaram uma ação cinematográfica para prender o cara, so porque ele era de outro estado e tava cometendo um crime, mas que ao meu ver, movido por violenta emoção. Nao se pode delinear nenhum diagnóstico sobre a relacao familiar de pai e filha, mas é comum vermos mães ou pais que encontram-se na guarda do filho menor, impedir o outro de ver o filho, manifestando a ira do ex companheiro. O cara não oferecia risco algum, nem arma foi pego com ele, mas fizeram um bafafa gigantesco, como se fosse um bandido de alta periculosidade. Os bandidos perigosos estao à solta e não vemos uma ação da polícia para prende-los. Concordo que tinha que prender o pai da garotinha, mas nao podia se promover, mostrando o rosto do pai, como se bandido e fosse. Ah! E pra não passarmos batidos na informação, o crime do qual o engenheiro está sendo acusado é de menor potencial ofensivo, e a pena é de detenção, que vai de 02 meses a dois anos, portanto, nao havia necessidade de tamanho carnaval, diante de uma situacao que poderia ser resolvido sem alarde. É minha opinião. Valeu!!!

Deixe uma resposta para Roque Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *