Eleições 2014. Hora das articulações

 

O pré-candidato ao governo do estado, Lucas Barreto, que quer o PT em sua chapa, reuniu ontem com o vice-presidente nacional do partido, Jorge Coelho, que estava no Amapá reunindo com a executiva regional.

Lucas disse ao blog que a conversa foi boa e que há uma conversa do diretório nacional de seu partido, PSD, com a direção nacional do PT e nessa conversa a aliança no Amapá está sendo discutida.

Lucas diz que já tem o apoio para a aliança local, de parte do PT, e que deseja o nome da professora Marcivânia, de Santana, para ser sua vice. Marcivânia e seu grupo estão muito próximos a Lucas.

  • Vc só esqueceu do resto da agenda principal do Jorge Coelho que foi discutir a viabilidade do PT lançar candidatura própria ao Senado. Depois ainda reuniu com o governador Camilo Capiberibe pra tratar de apoio ao governo e sua neutralidade e ainda reuniu com a Executiva Estadual do PT. Será que a Alcilene tá fazendo um tensionamento pra que a opinião pública acredite que o PT vai apoiar o Lucas que é uma das últimas alternativas do partido. Vale lembrar que está descartado qualquer tipo de aliança com o PDT local por conta do envolvimento de suas lideranças na Operação Mãos Limpas. A última saída para o PT é apoiar Lucas, mas só se Camilo não aceitar as condições impostas pelo PT local e dirigentes nacionais que é a sua “neutralidade” política e apoio ao nome do PT na disputa para o Senado e vice! O resto é perfume pq o PT não vai tá nunca num palanque do Lucas que tem o DEM pra disputar o Senado com Davi Alcolumbre. Falta mais leitura política de alguns sobre o PT ou preguiça mesmo de ir buscar mais informações. Acho que vc deveria era ouvir quem falar pelo partido no Amapá que é o deputado Joel Banha, o presidente, que inclusive convidou o Jorge Coelho para vir ao Amapá!

    • Quando começa a chegar perto de eleição vcs começam a pirar o cabeção. Eu não fui atrás da agenda do vice-presidente do PT. Dei que o Lucas se encontrou com ele, porque Lucas disse ao blog, conforme está escrito no post. Mas vou falar essa semana com Joel, sim, e com outras lideranças do PT. Estou sabendo que cada grupo que ir para um lado, já que o PT não terá candidato a governador. Um grupo quer Camilo, outro quer Lucas, outro quer Waldez, e tem gente até que quer o Jonas Pinheiro Borges

  • Tsc, tsc, tsc,…! Parece-nos que o PT do Amapá, em definitivo, desistiu de ser partido político. Virou uma Helena, em novela de Manoel Carlos, ou, até bem pior, Valdirene, em novela de Walcyr Carrasco!

  • Acho que você Alcilene, deveria mesmo buscar quem fala pelo PT e quem fala algo que se aproveite, como sugeriu seu interlocutor acima. Dizer que o PT nunca irá para o palanque de A ou B é coisa de quem não merece atenção e nem sabe interpretar um texto tão pequeno. Ficou bem claro o que você noticia no seu post. Agora, que decisão o PT vai tomar aí é outra coisa e é claro que o Vice Presidente do Partido não vai vir aqui só se encontrar com Lucas e deixar de lado as outras lideranças locais que se articulam com o partido, como o Governador Camilo que tem como vice uma expressão respeitada do PT. É cada um que aparece.

    • Eu não saí para fazer matéria nem cobrir a agenda do vice-presidente do PT..Quem acompanha esse blog sabe que aqui dou notas, não faço reportagens. Apenas dei uma nota de uma fonte…

  • O PT local não tem vontade própria, o que o nacional mandar fazer eles , aqui, tem que fazer, isso é histórico.Tem mais um detalhe, se a Dilma mandar, vão ter que apoiar o Sarney pra senado. É pagar pra ver.

  • Esse Heverson Castro, só serve pra puxar saco do Camilo. A Alcilene, deu uma notícia clara e cristalina, e o cara vem atacar ela. Só pode ser brincadeira. E o PT dele, é pau mandado, se o Lula decidir lá em Brasília que eles devem apoiar a reeleição do Sarney e o Lucas para o governo, não tem Joel Banha. Dora Nascimento que mude essa decisão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *