Educadores querem implementação da lei que disciplina uso de celulares em sala de aula

Procurado por educadores e gestores educacionais, o deputado estadual Pedro DaLua (PSC-AP) vai pedir à Secretaria de Estado da Educação (Seed) que implemente a lei 2009/2016, aprovada ainda em 2015 e sancionada em abril de 2016 pelo governador Waldez Góes, que regulamenta a utilização de parelhos celulares e equipamentos eletrônicos nas salas de aulas, bibliotecas e outros espaços de estudos das instituições de ensino públicas e/ou particulares localizadas no Estado do Amapá.

De acordo com os educadores, especialmente nas escolas de Ensino Médio, a utilização desses aparelhos – além de atrapalhar as aulas – causa transtorno e até discussões acaloradas. “Os jovens do ensino fundamental e médio não possuem ainda capacidade para controlar o uso destes aparelhos, o que causa desvio de atenção no horário de aula, além do acesso a conteúdos inapropriados”, explicam.

Apesar de proibir os alunos a utilizarem aparelhos como tablets e celulares, permite o uso quando orientado pelo professor – para fins pedagógicos. O deputado afirma, ainda, que a Lei não prevê qualquer punição para quem não cumprir a determinação, mas deve servir como amparo legal para que os professores possam exigir mais atenção às aulas.

Antes da Lei, que foi proposta pelo deputado Fabrício Furlan, cada escola decidia a melhor forma de lidar com os equipamentos eletrônicos e não havia uma regra comum em todo o Estado.

Gabinete Deputado Pedro DaLua
Assessoria de Comunicação Social

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *